Programação do aniversário de adesão de Caxias à independência do Brasil é motivo de chacota nas redes sociais

31.7.14
A brincadeira feita nas redes sociais
Definitivamente, a realização de eventos a altura da tradição de Caxias no cenário estadual é coisa do passado. A programação da comemoração dos 191 anos da adesão do município à independência do Brasil, por ser pífia, é o novo alvo da revolta dos caxienses.

Usando as redes sociais, os caxienses trataram logo de fazer chacota com o fraco evento.

A arte oficial do evento
As atividades deste ano, que serão realizadas no balneário Veneza, preveem o corte do bolo, mutirão de atendimento, atividades esportivas, oficinas de artesanato, disputa de motocross, paredões de som e a apresentação do cantor local, Bil Martins.

O mutirão de atendimento será feito pela Secretária de Saúde, com medição de pressão arterial, exames de tipo sanguíneo, orientações sobre saúde e outros. As oficinas de artesanato consistem em oferecer aos participantes a oportunidade de trabalhar com material reciclável onde irão aprender a fazer blocos de papel e imãs de geladeira.

Paredões de som, num total de 13, estarão presenteando os ouvidos dos presentes com músicas que, com certeza, o prefeito Léo Coutinho não ouve no conforto do seu lar.

A noite, a partir das 21hrs., o cantor Bil Martins fará uma apresentação na concha acústica do balneário.

E a programação da comemoração da adesão de Caxias à Independência se resume a isso.

Nas redes sociais, os caxienses não pouparam nas criticas.

Uma montagem, pegando como base a mesma arte utilizada para anunciar o evento, foi modificada e lá ‘anunciaram’ como atrações: Badyo Skema 10, MC Guiné, Michel Teló, Cláudia Leite, Jackson Douglas e Victor & Léo. No rodapé da arte a devida explicação: “e muito mais... em pendrives tocando nos paredões de som!”

Pelo jeito, o governo intitulado Cada Vez Melhor não está muito interessado em melhorar os índices de popularidade que ostenta.

Ah! Antes de tudo isso, teremos alvorada em frente a Prefeitura de Caxias, onde terá ainda o hasteamento das bandeiras de Caxias, Maranhão e do Brasil.

O tradicional discurso das autoridades será feito após o hasteamento das bandeiras.

Quem quiser participar e ouvir o discurso do prefeito de Caxias, Léo Coutinho, deve acordar cedo, pois isso será às 06:00hrs da manhã. Vale a pena o esforço, afinal de contas, ele não anda discursando muito por ai ultimamente.

2 comentários:

  1. Anônimo disse...:

    ISSO É UMA VERGONHA !!!
    Ainda terá babão que vai aplaudir , para servir de chacota depois.

  1. Anônimo disse...:

    Fim dos tempos....

    Fim da Cultura, fim do Lazer, fim da Saúde, fim da Vergonha, fim da confiança de um Povo.

    Conseguiu, ele conseguiu...

    Cidade que foi dilapidada por um "bebê" abastecido de fúria e impregnado de vingança.

    Vingança essa que ninguém entende, pois, recebeu o bastão de comando de um membro da própria família.

    Devia apenas ater-se à melhoria contínua, e não o inverso das relações de parceria.

    Fizesse somente a manutenção do público ainda que, obstinado pelo poder, pensasse no particular.

    Voto desperdiçado...Sentimento de frustração eterno, até mesmo por aqueles que fazem parte do sistema elementar da administração, das rodas de drinks dos fins de semana ou mesmo dos contemporâneos acadêmicos.

    Nunca foi tão fácil fazer oposição. Em tempo algum houve tamanha devassa na receptividade do povo perante a seu gestor.

    É sustentado pelo egocentrismo e, óbvio, pelo mandato que o elegeu, engabelando-nos e transformando nossa confiança na maior chacina de otimismo registrada até hoje.

    O rastro deixado pelos seus desatinos, ficarão visíveis em todas estradas desse nosso município, até mesmo nos ramais desses pequenos povoados embrenhados nesses babaçuais inúmeros.

    A léguas e léguas de distância do palácio misantropo, ouve-se falar do doutor que era desconhecido e agora para sempre não será esquecido...

    Ave César !

    Levais contigo este título merecido de " Mártir Corrosivo da Confiança Depositada"

    Ninguém detém a marcha inexorável do tempo...

    Ninguém melhor que ele(tempo), para detonar o dispositivo da sua sensibilidade ególatra

    Marcelo Alcântara de Bourbon e Algarves Kuerten II

Postar um comentário