Como é que é?! Governo Léo Coutinho realiza treinamento para preparar conselheiros municipais na fiscalização dos recursos

15.7.14
A frase “faz o que eu digo, mas não faz o que eu faço” é geralmente usada por aqueles que gostam de impor a sua vontade aos subordinados sem ouvir nenhuma contestação. Vejo agora num site mantido com o dinheiro da Prefeitura de Caxias algo parecido com isso.

No primeiro momento pensei que fosse brincadeira ou algum novo quadro criado pelo marqueteiro da Prefeitura. O ‘gancho’ da matéria, que estava disponível num vídeo do you tube, dá conta de um treinamento, realizado no auditório da Secretaria Municipal do Trabalho, que teve como objetivo “preparar melhor os conselheiros na fiscalização nos recursos disponíveis para as políticas públicas”. Ora, caros leitores, falar em fiscalização de recursos no governo Léo Coutinho é o mesmo que falar em colocar uma raposa para cuidar de um galinheiro.

Não sei se num lance de esperteza, em nenhum momento da ‘reportagem’ usa-se o termo “recursos financeiros”, deixando no ar a possibilidade de tratar-se apenas de recursos humanos, recursos de pesquisa, recursos de estudos ou qualquer outro tipo de recurso, ficando a gosto do freguês escolher qual a abordagem que se queira usar.

O ‘treinamento’ foi feito pela assistente social do Rio de Janeiro, Elaine Ferreira. Entre outras coisas, Elaine Ferreira falou que o “controle social e a participação, que é a habilidade de fiscalizar ações e orçamento público para a efetividade das políticas públicas para as mulheres”.
Curso de Controle Social teve como objetivo treinar conselheiros para fiscalizar recursos disponíveis para politicas públicas. Mas como irão fiscalizar recursos no atual governo?!

Bem, convidada, a assistente social carioca com certeza não sabe muita coisa de nossa cidade. Acho que ela não sabe é de coisa nenhuma ao comandar um treinamento que nada mais é que apenas um evento para ser mostrado na mídia palaciana, haja vista que em nada será efetivado na atual administração.

Mas, a palestrante, não sabe nada de Caxias. Já os conselheiros caxienses, estimados pela reportagem em 40, sabem muito bem que falar em fiscalização, aplicação no orçamento ou transparência nos recursos públicos é quase chamar os mandatários “pra briga”.

Uma das conselheiras que participou do treinamento soube explicar bem o que tinha acabado de ‘aprender’ no final do evento: “A gente... tá vendo como... vamos tá atuando melhor dentro dos conselhos”.

Esse é o governo Cada Vez Melhor.

2 comentários:

  1. Anônimo disse...:

    Caro Sabá.
    Gostaria que o nobre bloqueiro fizesse uma materia investigativa sobre o MAIS EDUCAÇÃO, uma fez que é recurso federal e é repassado desde do início do ano, mas só agora vai reiniciar o programa, pois os professores estão sendo chamados. A coriosidade é: pra foi o dinheiro desse programa que seria para iniciar no começo do ano? Os sofridos professores do programa ficaram sem receber o dinheiro ate essa data, e estão sendo convocados para trabalhar agora e ainda com redução. No entando, o repasse do programa foi aumentado e a Coordenadora do programa fala é em redução. Investigue e torne isso ao público em seu blogue. Obrigado(a). Fico no aguardo. da materia.

  1. Anônimo disse...:

    Boa tarde. Bem interessante se sair essa matéria, pois a secretaria é incoerente com a realidade da Educação.

Postar um comentário