Pedro Fernandes desiste de ser vice-líder de Temer e culpa Sarney

9.1.18
Depois de atribuir ao ex-presidente José Sarney (MDB) o veto a sua indicação para o Ministério do Trabalho, o deputado federal Pedro Fernandes (PTB-MA) agora culpa o emedebista por mais uma decisão envolvendo sua relação com o governo Michel Temer.

Nesta terça-feira (9), o petebista encaminhou ofício ao líder do Governo na Câmara, deputado federal Aguinaldo Ribeiro (PP-PB), pedindo sua destituição do posto de vice-líder do governo Temer na Casa.

Segundo Fernandes, a decisão foi tomada “para evitar embaraços do Sr. Presidente Michel Temer com o Sr. Ex-Presidente José Sarney (sic)”.

Na semana passada, após a versão sobre o suposto veto de Sarney a Fernandes no MTE, o ex-presidente manifestou-se sobre o assunto. E negou qualquer oposição ao nome do maranhense na equipe de Michel Temer. (Do Blog do Gilberto Léda)

0 comentários:

Postar um comentário