Moradores são beneficiados com reativação de poços em Timon

6.12.13
A reativação dos poços beneficia a região do bairro Flores, Loteamento Boa Vista, Centro Operário

Moradores agora terão água diuturnamente
De acordo com informações do diretor do SAAE, a reativação dos dois poços adicionou à região uma vazão de 100mil L/hora, atendendo a cerca de 2.600 famílias. “Os poços estavam desativados porque foi inaugurado um sistema em 2010 que acreditavam ser autossuficiente, mas não era, por isso mesmo que deixou uma defasagem de vazão, porque era insuficiente. Um dos poços que foram reativados possui vazão de 80 mil L/hora, ou seja, tem capacidade três vezes maior que a do sistema inaugurado em 2010”, explicou Richard França.

Os poços serão interligados à rede de abastecimento
A reativação dos poços beneficia a região do bairro Flores, Loteamento Boa Vista, Centro Operário, Bela Vista e parte do Parque Piauí II. O Sr. Noé da Silva, de 82 anos, mora no bairro Centro Operário há 19 anos e disse que, depois da intervenção do SAAE no local, “a água está chegando limpa, limpa, limpa e forte. Eu nem ia mais pagar talão de água, porque a gente não tinha água, mas como agora tem, resolveram o problema, está aqui o talão que eu acabei de pagar”, disse o aposentado, retirando do bolso o comprovante do pagamento que acabara de realizar.

Dona Maria Luiza mora no bairro Bela Vista há 28 anos e afirma que “antes não tinha água de jeito nenhum. A gente ficava acordada até de madrugada esperando a água chegar, mas agora melhorou demais”, relata a moradora.

A Prefeitura tem se esforçado ao máximo para resolver os problemas referentes à distribuição de água. O SAAE conhece os pontos críticos da cidade, em relação ao abastecimento, e tem planejamento para atender todas as áreas. “Além dessa região, já resolvemos, por exemplo, o problema da Vila João Reis, do Cícero Ferraz e da Vila Monteiro. Em breve o bairro Pedro Patrício também será beneficiado. No bairro Cidade Nova, estamos concluindo perfuração de poço também, tudo para beneficiar cada vez mais a população”, afirmou o diretor do SAAE. (Fonte: Ccom/Timon)

0 comentários:

Postar um comentário