Finalmente!!! Prefeito concede vantagens e reconhece importância dos guardas municipais... Em São Luís

28.12.13
Prefeito de São Luis, Edvaldo Holanda Jr.
Após várias semanas de protestos contra perdas salariais e melhores condições de trabalho, os guardas municipais de São Luís finalmente tiveram uma boa notícia nesse final de ano.

É que o prefeito de São Luis, Edvaldo Holanda, se sensibilizou com a causa da categoria e resolveu atender a vários pontos da pauta de reivindicação dos Guardas.

Leia a matéria publicada nesta sexta-feira, 27, no Jornal Pequeno:

Aumento de gratificação (I)
A Prefeitura de São Luís concederá aumento de 14% sobre a gratificação de segurança pública para a Guarda Municipal. Pelo acordo, os guardas receberão agora 20% de gratificação sobre os salários.
O percentual foi acordado durante reunião, ontem, entre a comissão setorial da Prefeitura e integrantes do órgão pertencentes à Secretaria de Segurança com Cidadania (Semusc).
Segundo a secretária de Administração, Mittyz Rodrigues, a pauta de reivindicação apresentada pela corporação está sendo discutida dentro da realidade financeira do município.

Aumento de gratificação (II)
Pela pauta de reivindicação apresentada pela categoria, a gratificação de segurança pública, garantida pelo Plano de Cargos, Carreira e Vencimentos, aprovado em 2012, era de 6%.
Eles pediam um aumento de 1.000% no valor da gratificação. “Esse valor era inviável diante da realidade financeira da Prefeitura de São Luís”, esclarece a secretária Mittyz Rodrigues.
Na mesma reunião também foi acordado que o pagamento da gratificação por insalubridade está garantindo para cerca de 130 guardas que habitualmente exercem funções em locais de risco à saúde.

Aumento de gratificação (III)
Guardas municipais lotados em seis postos possuem direito ao pagamento da cobertura por insalubridade, incluindo os guardas lotados na Banda de Música e Salva-Vidas.
Em conformidade com o Estatuto do Servidor, o percentual da gratificação por insalubridade é de 20% sobre o valor do salário.

0 comentários:

Postar um comentário