Qual o instituto? Quem pagará? Quem elaborará o questionário? Muitas dúvidas sobre pesquisa para apontar candidato do grupo Coutinho

5.10.19

Pesquisas apresentadas pelo grupo Coutinho nos últimos anos devem deixar Júnior 
Martins de olhos bem abertos

Não é nada confortável a situação do ex-prefeito de Caxias, Júnior Martins, diante da proposta, aparentemente nobre, de que o candidato do grupo Coutinho será escolhido por meio de uma pesquisa de opinião.

Embora tenha uma aparência democrática, e feita justamente para que os blogs amigos louvem a medida por conta disso, a tal pesquisa, independente de qual instituto a faça, não tem o condão da verdade e certamente trará muita desconfiança para quem for preterido na avaliação.

Ninguém ainda especulou sobre o assunto, mas é quase certo que a tal pesquisa será encomendada pelo ex-marqueteiro e hoje assessor parlamentar Carlos Alberto (trabalha com a deputada Cleide Coutinho na Assembleia Legislativa).

A trajetória de pesquisas confiáveis do grupo Coutinho perdurou até o término do segundo mandato de Humberto Coutinho como prefeito de Caxias, que fazia pesquisas de opinião praticamente todos os meses e fazia questão de dividir os números publicando-os na mídia.

A prática e a seriedade das pesquisas feitas por Humberto não foi mais vista durante a gestão do sobrinho na Prefeitura, onde as mesmas ficavam restritas ao consumo interno da família.

Mas na tentativa de reeleição de Léo Coutinho a seriedade das pesquisas do grupo foi para o espaço. Durante a campanha de 2016, todas as pesquisas divulgadas pelo grupo Coutinho, feitas por diferentes institutos, davam uma vitória folgada para o então prefeito, vindo daí o descrédito que marca qualquer sondagem do grupo desde então.

Já nas eleições de 2018, outros institutos de pesquisa foram usados em Caxias para apresentar números extraordinários para a candidata a deputada estadual Cleide Coutinho, que surgia disparada em primeiro lugar no município e apontava José Gentil num humilhante 3º lugar empatado tecnicamente com um ex-vereador. Abertas as urnas, José Gentil foi o mais votado em Caxias e obteve quase o dobro de votos de Cleide Coutinho na cidade.

Tendo uma representante da família Coutinho como pré-candidata a prefeita, é bom o ex-vice-prefeito Júnior Martins, também pré-candidato, ficar de olhos bem abertos diante das brincadeiras de mau gosto praticadas em verões passados.

Se em ano que haja eleição, quando a Justiça Eleitoral determina que as pesquisas eleitorais sigam regras duríssimas para evitar fraudes, essa turma que hoje encontra-se na oposição em Caxias já protagonizou tanta esquisitice, fica difícil acreditar no resultado quando um membro da família está diretamente interessado na generosidade dos números.

Abre o olho, Júnior Martins...

2 comentários:

  1. Anônimo disse...:

    1 Thais
    2 Jr Martins
    3 Magno

    Quais desses candidatos você votaria como representante do quase extinto grupo Coutinho?

    Falta uma alternativa mas sabemos que não terão coragem de inseri-la.

  1. Anônimo disse...:

    ahahahahhaha....

    Eita Inferno pra ter Cão !!!!!


    ah Bela Caxias

Postar um comentário