Empresa que contratou Datailha em Caxias usou 100% do seu capital social em pesquisa que prejudica um dos candidatos

16.7.20

Entrou com tudo: empresa do José Celton investiu todo seu capital social
na contratação do Datailha

O capital social de uma empresa, geralmente utilizado para a compra de computador, maquinário, ou reservado em caixa para uso do empreendedor, foi 100% investido pela empresa JC Serviços na contratação da pesquisa Datailha prevista para ser divulgada no próximo domingo (19) em Caxias.

A empresa de José Celton Gonçalves Bezerra, localizada na Avenida Central, Nº 1684, bairro Centro, no mesmo prédio onde funciona a loja Look Doçura no município, que era uma ilustre desconhecida dos caxienses até a contratação dessa pesquisa eleitoral, resolveu investir pesado nestas eleições.

A utilização de 100% do seu capital social para a contratação de uma pesquisa eleitoral com aparência de fraude é mais um ingrediente nesse enredo ardiloso.

Apesar de aparentemente desconhecida, a empresa do José Celton tem tudo para deslanchar na região, pois a contratação de pesquisa eleitoral duvidosa já ganhou as atenções da imprensa e pode ganhar também a reprovação da Justiça Eleitoral, como já aconteceu com o Datailha no início do mês no município de São José de Ribamar (veja aqui).

Com um questionário que já foi aplicado na cidade (a pesquisa foi feita entre 9 e 12 de julho), a grafia de um dos pré-candidatos apresenta um erro grosseiro e inaceitável, o que desqualifica totalmente o seu resultado.

O pré-candidato do MDB, César Sabá, foi apresentado aos entrevistados simplesmente como Saba, sem o primeiro nome e sem o acento agudo no sobrenome, o que o torna desconhecido dos eleitores (reveja aqui).

O mesmo instituto Datailha apontava em 2018 que o então candidato Zé Gentil receberia menos da metade dos votos de Cleide Coutinho naquele pleito em Caxias.

Abertas as urnas, Zé Gentil obteve quase o dobro de votos de Cleide Coutinho no âmbito do município, deixando, desde então, as aferições do instituto Datailha no descrédito perante os caxienses.

O que será que o Datailha vai apresentar aos caxienses no domingo?

3 comentários:

  1. Anônimo disse...:

    Sabá! Se eu fosse tu, parava por aí e não mexia no que é passado.

    Você está procurando conteúdo?

    Aguarda só mais um pouco!

    Porque na campanha do falecido deputado Zé Gentil, até os doadores voluntários de R$ para sua campanha foram grosseiramente fraudados com nomes de parentes, aderentes, que nem se quer tinham condições de doar 100,00. E consta lá CPF e nome de pessoas que doaram montantes que jamais teriam valores antes da gestão Gentil.

    Ainda tem mais! Dias antes e no dia da eleição de 2018, também consta negociatas, para não nomear com outros substantivos em favor do então falecido deputado.

    Pois bem! Percebe-se que tua vara é curta.

    Você mexe desnecessariamente em alguns assuntos que não vai somar e nem agregar nada para a sonhada reeleição do teu fracassado Prefeito.

  1. Cláudio Sabá disse...:

    Caro anônimo, por acaso essa matéria lhe ofende ou ofende alguém que você conheça?

  1. Anônimo disse...:

    As regras só tem validade para alguns, principalmente quando queremos fazer média, para justificar o patrocínio.

Postar um comentário