Educação em tempos de pandemia

30.7.20

Da Coluna do Mário Assunção (Portal Noca) 

Com a redução da curva de mortes e o contágio da pandemia do coronavírus, começa-se a perceber os problemas deixados, que necessitam urgente de soluções. Um grande desafio é a educação em tempos de pandemia. 

Foram criadas ferramentas que ajudam bastante a superar o obstáculo da presença do estudante no colégio. As aulas remotas, ou mediadas por tecnologia, vieram para ajudar o estudante a continuar os estudos à distância, mas com acompanhamento dos professores e respeitando uma pedagogia própria. 

Os estudantes dos ensinos Superior, Médio e Fundamental do 5º ao 9º ano, tiveram seus prejuízos minimizados. O que preocupa bastante são os ensinos Infantil, Fundamental e o do campo. As crianças não possuem capacidade e disciplina de acompanhar o ensino remoto e precisam de um acompanhamento muito próximo, com pedagogia própria dos seus professores. A mesma coisa se observa no Ensino Fundamental, onde o acompanhamento deve ser feito pelos pais ou responsáveis, que muitas vezes não possuem capacidade pedagógica para fazê-lo. 

Mas, o mais preocupante é o ensino da zona rural. A grande maioria dos estudantes da zona rural não possui acesso à tecnologia para poder acompanhar as aulas, tão pouco possui internet ou sinal de celular para tal finalidade. 

Outro fato importante é a escolaridade dos pais ou responsáveis, que não possuem muitas vezes a formação básica para poder acompanhar os seus filhos. Muitas vezes os pais não têm condições nem de ir à escola buscar as atividades dos seus filhos. Assim, faz-se necessária uma ação energética do Poder Público da seguinte forma: 

1 - Imprimir as atividades para os alunos poderem ter acesso; 

2- Colocar plantões com os professores na escola para tirar dúvidas dos pais e alunos; 

3-Colocar os professores para explicarem o desenvolvimento da atividade de forma presencial na escola para os pais ou responsáveis; 

4-Colocar os transportes escolares para levarem os pais dos alunos para a escola para recolherem as atividades, tirarem dúvidas e receberem orientação pedagógica dos professores e da coordenação pedagógica do desenvolvimento das tarefas. 

Dessa forma, a prefeitura irá diminuir o impacto negativo da falta de aulas presenciais nas escolas de nível Infantil e Fundamental e estará salvando a educação de uma geração inteira de caxienses.

0 comentários:

Postar um comentário