Fechamento de ruas do Centro de Caxias diminui aglomerações e incentiva isolamento social

19.5.20

Nesta terça-feira (19), a cidade de Caxias vivenciou os primeiros momentos do fechamento das principais ruas do Centro Comercial e Histórico. O resultado ficou evidente, com a redução de forma grandiosa da quantidade de pessoas em circulação. A diminuição das aglomerações foi um dos pontos positivos da ação, segundo o secretário adjunto de Transportes, Alberto Simão.

“Os vendedores ambulantes e comerciantes entenderam a importância da medida e estão colaborando. Caxias está de parabéns pela adesão ao pedido da administração municipal para que a gente possa tirar de vez o novo coronavírus da nossa cidade. Até sexta-feira, nós estamos fazendo esse trabalho para saber qual o resultado que vamos produzir, para que outras medidas sejam tomadas. O que nós queremos é que o mais rápido possível esse vírus saia do nosso convívio”, disse o secretário.

A diminuição da quantidade de pessoas no Centro Comercial, comércio que também colaborou, fechando as portas e aderindo à solicitação da gestão municipal, deu uma demonstração de humanidade e ajuda no processo de conscientização da população caxiense sobre a importância de permanecer em casa o máximo que for possível durante o período da pandemia. Quem foi acessar serviços essenciais no Centro ficou surpreso com a presença de poucas pessoas na rua.

“Eu fiquei surpresa, pouca gente na rua. Mas tem que intensificar mesmo, realmente tem muita gente que não está dando a devida importância. A gente só vê os casos crescendo, e é preciso fazer alguma coisa. Eu acho boa essa ideia”, afirma Natália Correia, dona de casa.

Com a proibição da circulação de veículos no Centro Comercial, a Prefeitura de Caxias visa proteger as vidas dos caxienses. Esta é mais uma ação que se junta à pulverização das ruas com hipoclorito de cálcio com os carros atomizadores; à distribuição gratuita de máscaras para a população; ao serviço do Tele Corona, com o qual, por meio de videochamada, os pacientes suspeitos de síndromes gripais tiram dúvidas com os profissionais de saúde, dentre outras ações.

As ações estão respaldadas no Decreto nº 156 e nas informações epidemiológicas da Secretaria Municipal da Saúde, que registrou nos últimos dias baixa adesão às determinações de distanciamento social.

Com isto, fica proibida ainda a aglomeração de mototaxistas estacionados em vias, logradouros e pontos de mototaxistas, devendo os mesmos guardarem distância mínima de 2 metros entre as motos e os transeuntes, sob pena de responderem a procedimento administrativo e passíveis de perda da respectiva licença.

No perímetro do Centro Comercial será permitido o funcionamento apenas de bancos, lotéricas, farmácias, cartórios e serviços essenciais e será fechado para trânsito de veículos, com exceção de veículos de transporte de valores, abastecimento de farmácias, ambulâncias, motolância, carro funerário, Bombeiros e Polícia Militar, a partir de 18 de maio de 2020 e com termo final a ser estabelecido em decreto posterior. Será vedado o ingresso e fluxo de vendedores ambulantes no perímetro do Centro Comercial.

No Decreto n° 156 fica estabelecido o toque de recolher do dia 18 a 31 de maio de 2020, das 23h às 5h59 do dia seguinte, para confinamento domiciliar obrigatório em todo território do município de Caxias, ficando terminantemente proibida a circulação de veículos, exceto quando necessária para acesso aos serviços essenciais e sua prestação, comprovando-se a necessidade ou urgência. O acesso de veículos motorizados será permitido exclusivamente por moradores das ruas onde se dará o isolamento, mediante apresentação de um comprovante de residência.

Confira as ruas do perímetro do Centro Comercial que terão pontos de fechamento e controle pelos agentes públicos municipais:

Rua Riachuelo com a 1° de Agosto (Livraria Graúna)

Rua Dr. Berredo (Casa dos Estudantes)

Rua São Benedito (Escola Infantil São Luís)

Rua Senador Costa Rodrigues com Praça do Rosário

Rua Desembargador Morato com Praça da Matriz

A ação conjunta acontece em parceria com o Comitê de Prevenção e Enfrentamento ao Novo Coronavírus, composto por diversos órgãos: Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Comando do Tiro de Guerra, Secretaria Municipal de Saúde, Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Defesa Civil e Câmara Municipal de Caxias. (Da assessoria)

0 comentários:

Postar um comentário