“Beira a insanidade”, diz Braide sobre tentativa do governo de espionar opositores

20.4.18

O deputado Eduardo Braide (PMN) também se manifestou hoje (20) depois da revelação de que o governo pretende espionar opositores nas eleições deste ano.

Em postagem nas redes sociais, o parlamentar disse que “beira a insanidade” a decisão da PM de fichar adversários dos comunistas no Maranhão – o comando da PM garante que as determinações já foram tornadas sem efeito.

Veja abaixo a manifestação:

“Onde o Governo Flávio Dino quer chegar com tanta perseguição? Que o governador é autoritário, todo Maranhão já sabe. Mas é preciso dar um basta a esse tipo de prática que já beira a insanidade. Um governador deve ter é o controle dos atos de seu governo – que está precisando e muito – e não das ações de seus opositores políticos. O mais grave é usar a Polícia Militar como instrumento nessa perseguição, prática que deveria ter acabado junto com a ditadura. Pra quem afirmou no seu discurso de posse que os leões do palácio nunca mais iriam rugir contra o povo, o que vemos é que a mudança tão falada ficou só na promessa. O povo maranhense merece ser livre de verdade!”

0 comentários:

Postar um comentário