ARTIGO - Sossego versus paredões de som

30.3.17
Por Renato Meneses

Não há coisa mais incivil que a ignorância sonora dos paredões de som propagando um subproduto musical a altos decibéis de estourar os tímpanos. Eles promovem a desordem pública e a agressão ambiental em horário noturno com total destemor; atraem a venda de drogas, aliciamento de menores, prostituição infantil etc.; resultam em violência, após tensões de disputas entre si para se saber quem faz mais barulho. O balneário da Veneza é o palco principal desse show de horror. Ali, todo final de semana há um corpo estendido, de bala ou de faca, para delírio da plateia de zumbis.

O amparo legal, para proibir esse tipo de contravenção praticada pelos paredões de som e que definitivamente assegure o sossego do cidadão, é suficiente para iluminar o caminho e firmar um pacto de autoridades responsáveis contra essa aberração de comportamento fundamentalista. O artigo 42 da Lei de Contravenções Penais, o artigo 54 da Lei de Crimes Ambientais (Lei Federal nº 9.605/98) e, ainda, a nova Resolução do Cotran de nº 624/2016, que prevê a apreensão do paredão de som, a habilitação do dono do veículo e sua condução coercitiva para a delegacia, são controles satisfatórios.

Não é falta de lei, portanto. É falta de entendimento e de ação das autoridades legítimas. O governo estadual tem a obrigação constitucional de garantir a segurança pública, e se faz ausente nesse ponto, renuncia ao dever, negligencia por incompetência de agir ou por razão da querela política derivada ainda do inconformismo da última derrota eleitoral sofrida em Caxias. Se a motivação for mesmo essas duas opções, a grave consequência recairá sempre sobre o cidadão caxiense que clama por socorro e não é ouvido, que paga seus impostos e não é correspondido, que tem direito ao sossego e lhe é negado. Então, que Deus nos acuda!

6 comentários:

  1. Anônimo disse...:

    É o pior que esses indivíduos passam a noite encomodando o cidadão que no outro dia tem q trabalhar enquanto o bacana vai passar o dia dormindo,Mas o carras não incomodam os que se dizem autoridades pois não colocam paredões próximos a suas residências

  1. Anônimo disse...:

    a administração do homem já esta ruim Renato e tu ainda vem com essa. faça-me uma garapa macho vei.

  1. Unknown disse...:

    Parabéns pelo artigo Renato. Realmente a problemática dos paredões tem que ter uma atuação mais contundente dos poderes públicos. Inclusive se faz necessário que o município de Caxias providencie fiscais da secretaria do meio ambiente para exercer seu papel de fiscalização junto com a polícia militar.

  1. Unknown disse...:

    Parabéns pelo artigo Renato. Realmente a problemática dos paredões tem que ter uma atuação mais contundente dos poderes públicos. Inclusive se faz necessário que o município de Caxias providencie fiscais da secretaria do meio ambiente para exercer seu papel de fiscalização junto com a polícia militar.

  1. esse poeta sempre falou que muitos não querem ouvir

  1. Sufista Caxiense na Ilha disse...:

    Em outras cidades a briga é pela qualidade das obras , em Caxias a briga é por causa de Paredões de Som.

    Eu quero saber quando é que os Caxienses irão brigar pela ampliação e melhorias da Academia Caxiense de Letras? Quando irão brigar pela construção da nova avenida beira rio? Quando irão brigar pela construção de ciclovias? Quando irão brigar pela revitalização do parque da cidade? Quando irão brigar pela iluminação da BR 316 que da acesso ao Caxias Shopping Center?

    Como é que pode uma cidade que possui 160.000 habitantes e que possui filhos ilustres como Gonçalves Dias, Coelho Neto, Vespasiano Ramos e muitos outros conta com uma pífia e apequenada Academia Caxiense de Letras? O Prédio é feio e não tem o significado de imponência que Caxias merece , é apenas um quadrado na esquina que não chama a atenção de ninguém e isso me revolta.

    Imperatriz tem filhos ilustres mais importantes que os filhos ilustres de Caxias?

    Que eu saiba NÃO!!

    Imperatriz é o berço da poesia Brasileira?

    Que eu saiba NÃO!!

    Então qual o motivo da Academia Imperatrizense de Letras possuir um prédio lindo e imponente?

    Qual o motivo da Academia Caxiense de Letras possuir um prédio pífio e apequenado?

    TÁ TUDO ERRADO EM CAXIAS..
    CAXIAS.. CIDADE DO ATRASO...
    CAXIAS.. CIDADE QUE NÃO CRESCE VERTICALMENTE...
    CAXIAS.. CIDADE POBRE...
    CAXIAS.. CIDADADE QUE NÃO TEM REPRESENTATIVIDADE!!!

    EITA CAXIAS APEQUENADA SIÔ!!

Postar um comentário