Muuuito estranho!!! Depois de ser preso pela PF em 2015, Fernando Júnior é contratado pelo grupo Coutinho para fazer pesquisa de opinião em Caxias

11.2.16
Depois de ser preso pela PF no esquema denunciado no Fantástico, Fernando Júnior 
recomeça negócios com pesquisa de opinião em Caxias, onde suas empresas 
faturaram milhões nos governos da família Coutinho

Depois de uma temporada atrás das grades por conta de acusações de fazer parte de um esquema criminoso que desviou recursos públicos federais do Fundeb e do FNDE por meio de contratação de “empresas de fachada”, num caso que ficou conhecido nacionalmente no ano passado através do Fantástico, da Rede Globo, o empresário Fernando Júnior, amigo e parceiro de Humberto Coutinho em negócios que envolveram milhões na Prefeitura de Caxias durante mais de 10 anos, foi o escolhido para fazer a primeira pesquisa de opinião contratada pelo grupo dominante do município com vistas as eleições de 2016.

Fernando Júnior foi preso em outubro de 2015 pela Polícia Federal na Operação Atallea, que desbaratou toda a quadrilha que é acusada de saquear os cofres públicos da Prefeitura de Anajatuba.

Em 2014, certamente por saber que estava sendo investigado, Fernando Júnior não ‘acionou’ seu Instituto Escutec naquelas eleições. Nem mesmo Humberto Coutinho, parceiro de primeira hora de FJ, quis usar os préstimos da Escutec naquele pleito.

Após deixar a prisão, Fernando Júnior encontrou dificuldades para se aventurar novamente no mundo dos negócios, seja ele naqueles que o levaram a prisão ou mesmo nos de pesquisa de opinião, onde é mais conhecido.

Pois bem, em meio a enormes dificuldades para mostrar aos críticos uma pesquisa de opinião que possa calar os adversários e ao mesmo tempo encorajar os mensalinhos e fantasmas da Assembleia, Humberto Coutinho surpreendeu pela audácia ao contratar o último instituto de pesquisa do mundo que pudesse levar um mínimo de credibilidade nessa aferição.

A pesquisa da Escutec, de acordo com o antecipado aqui no blog na tarde desta quinta-feira, 11, será de fato feita neste final de semana (entre os dias 12 e 14), sendo liberada para divulgação na quinta-feira, dia 17.

Preparada na carona do denominado “melhor carnaval da história de Caxias”, Humberto Coutinho espera que Léo Coutinho esteja 10% na frente do segundo colocado.

Feita por Fernando Júnior, que teve com Humberto Coutinho negócios de mais de R$ 20 milhões de reais nos últimos anos, não duvido nadinha que a Escutec mostre um Léo Coutinho bem mais turbinado que esses 10%.

Contratada por R$ 10 mil reais pela Rádio Caxias Ltda, que desconfiou ser a razão social da emissora da família Coutinho, o valor lembra muito os 10 pontos de vantagem esperados pelo presidente da AL.

Entrevistando 400 pessoas, a pesquisa não indica no registro na Justiça Eleitoral o condomínio Village Caxias como local a ser pesquisado.

Não sei porque, mas começo a duvidar dessa pesquisa antes mesmo dela começar...

5 comentários:

  1. Anônimo disse...:

    hummm, aí tem marmelada.

  1. Anônimo disse...:

    Tirania total, isso que move a politica da nossa cidade hoje.

  1. Anônimo disse...:

    Inacreditavel como em tempos de democracia onde o direito de escolha deveria ser prioridade e valer, uma unica familia impoe a famosa ditadura! Não sou perfeito tenho meus defeitos mas esta publico e notorio que nossa Caxias esta jogada sem emprego, concurso publico, saude e educação de qualidade! O Carnaval foi sim tranquilo mas isso nao tira o foco principal de uma cidade que deveria estar crescendo e não regridindo como é o caso de Caxias. Precisamos abrir os olhos que este é um ano eleitoral e esse PREFEITINHO ira tentar maquiar a cidade para tentar se reeleger, meus amigos um cara desse não tem coração entao por nosso filhos não repitam ou não votem nesse cara Caxias so ira cair cada vez mais. Precisamos de alternancia de poder! Pensem nisso!
    Quanto a pesquisa isso sera uma forma de tentar cooptar aqueles ignorantes politicos. Pensem nisso!

  1. Anônimo disse...:

    Regredindo, Caxias regredindo? Só na tua cabeça amigo. Se teus interesses estão sendo podados por algum motivo, tudo bem. Mas dizer que Caxias não tem crescido...aí sim, tem coisa.

  1. Anônimo disse...:

    O poder é assim amigo, aliás, sempre foi. Retroaja no tempo e procure se de como trataram Humberto Coutinho e seus seguidores nos governos de Paulo Malino e Márcia Marinho? Simplesmente, conseguiram obrigar os Coutinhos a fechar a Casa de Saúde. Naquele tempo foram 600 funcionários despedidos. Reclamam do quê, agora? É o jogo do poder - a dança dos cargos públicos. Sei que é doido, pois já passei por isso, mas, dá prá aguentar. Aguenta!!!

Postar um comentário