Guerra de interesses

31.8.13
Por Caio Motta, colaborador

E os embates ficam cada dia mais interessantes na Casa do Povo. O que se vê claramente é um campo de guerra. Embora os “exércitos” tenham uma quantidade bem diferente de “soldados”, as batalhas não deixam de ser excitantes.

Os espectadores dos embates ficam esperando o momento em que algum assunto vai fazer com que os ânimos fiquem alterados e o duelo de palavras comece. Com as eleições para o governo do Estado se aproximando, é que os ataques e defesas se tornam mais intensos. Cada um quer puxar sardinha para o seu lado e, logicamente, não podem ficar por baixo.

Porém, uma pequena parte dos combatentes acaba se perdendo em palavras e fazendo um discurso repetitivo. As defesas ficam confusas e os presentes não entendem muito bem o que estão realmente tentando fazer.

De um lado temos uma oposição que está querendo mostrar serviço e do outro uma situação que defende os seus com unhas e dentes e querem mostrar que seu candidato ao governo pode ser a possível solução para todos os problemas encontrados na cidade e no Estado. Apontam defeitos e enchem a boca para puxar sardinha para o seu lado.

A oposição, mesmo em minoria não fica calada e tenta rebater de todas as formas as acusações que são lançadas iguais a mísseis para cima deles.

Como foi citado na tribuna, quase todos os vereadores agem com coerência e com respeito. Apesar do clima de competição existente dentro da casa do povo, dá para ver que a guerra não atinge a todos, e que muitos soldados ficam apenas observando, se movimentando na surdina, já que não correm risco de sofrer com “fogo amigo” e ficar espreitando é a melhor atitude que podem tomar, pois em boca fechada não entra mosca.

A maior preocupação é que alguns problemas reais e seus principais afetados ficam em segundo plano. Esperando que eles deixem um pouco de lado esses embates e se unam em prol de uma Caxias cada vez melhor, como citam tanto nas propagandas.


Timon - Prefeito recebe representantes do Sindicato dos Trabalhadores da Educação

Prefeito Luciano Leitora recebeu sindicalistas 
para tratar da educação do município
O prefeito de Timon, Luciano Leitoa, e a secretária de Educação do município, Dinair Veloso, reuniram-se, hoje (30), com representantes do Sindicato dos Trabalhadores em Educação da Rede Pública Municipal de Timon (Sinterpum). O objetivo do encontro foi discutir os assuntos em pauta no Dia Nacional de Paralisação da Categoria.

O prefeito iniciou a reunião falando da reforma administrativa e reafirmando seu compromisso de melhorar a cidade. “Nesse contexto todo que estamos hoje, já pagamos mais de R$ 9 milhões de salários atrasados, INSS, IPMT. Agradeço ao Sindicato pela colaboração e compreensão que vem demonstrando”.

Os representantes do Sindicato pediram ao prefeito resposta sobre o plano de cargos e carreira dos professores. “Queremos evitar distorções e precisamos oficializar tudo. Estamos saindo de um governo que nos maltratou e desestabilizou. Agora querem aproveitar as mudanças no governo atual para brincar com os sentimentos dos funcionários, não podemos deixar isso acontecer. Por isso queremos uma resposta para levar aos funcionários e professores”, afirmou Márcia Nascimento.

O prefeito se comprometeu de que no dia 11 de setembro Sindicato e Prefeitura reúnem-se novamente para a apresentação das contrapropostas para o Plano de Cargos e Salários. “Dia 11 nos reunimos e fechamos todas as questões. Só peço que pensemos como timonenses, independentemente de Sindicato e Prefeitura”, afirmou Luciano Leitoa.

A secretária Dinair Veloso reforçou a importância do Sindicato para a classe e reafirmou a necessidade de sua participação nas mudanças. “Temos que estudar como o Sinterpum pode nos ajudar porque temos professores efetivos que não se apresentaram e isso gera grandes prejuízos. Não tivemos uma transição de governo, não tínhamos dados sobre as escolas e lotamos de acordo com as necessidades trazidas pelos gestores”, explicou.

Luciano colocou a importância de enxugar a folha para garantir os pagamentos em dia e que tudo melhorará com o concurso. “O concurso vem aí, é uma forma democrática e correta de contratar e efetivar funcionários. Não anunciamos ainda o concurso porque temos que ver a entidade que irá elaborar as provas e também ver as questões de custos disso”, destacou.

Márcia Nascimento elogiou a atuação da prefeitura com relação ao segundo turno dos professores municipais. “O senhor libertou o professor de ter que ir atrás de um padrinho político, pela primeira vez, em mais de 20 anos, tenho o segundo turno, enfrentando uma fila e concorrendo de forma igual com todo mundo. Sua atitude foi louvável”, contou ao Prefeito.

Dinair afirmou que a preocupação é de melhorias na Educação tendo sempre como objetivo o aluno. “Estamos trabalhando para que tudo corra bem e funcione como deve, sem prejudicar o nosso o público principal que é o alunado”, concluiu. (Fonte: Secom/Timon)

Uma ‘forcinha’ para ver se o empreendimento decola

Venda e aluguel ‘de rosca’
O pai do prefeito de Caxias, mega empresário Eugênio Coutinho, construiu há cerca de 2 anos um prédio residencial no bairro Castelo Branco.

O empreendimento tem 4 andares e 16 espaçosos apartamentos.

Cada futuro morador tem a sua disposição uma vaga na garagem.

Para garantir um incremento a mais no negócio, vários pontos de aluguel foram inseridos no projeto.
Ruas estão recuperadas e carros
trafegam com tranquilidade

Segundo pessoas ligadas ao empresário, a ideia original não seria vender os apartamentos, mas sim alugá-los. “Eles querem uma renda certa todos os meses”, disse-me um amigo do proprietário.

Mas, passados 2 anos desde sua construção, nenhum apartamento foi negociado. Não apareceu nem comprador, nem inquilino interessado em morar no local.

Os pontos comerciais construídos na rua mais vistosa do empreendimento também não encontraram interessados.

“Droga! Um prédio tão bonito e feito pelos poderosos da cidade não encontra quem queira comprá-los ou alugá-los”, pensa aquele correligionário mais subserviente.

Bom, não se sabe o porque da falta de interesse da classe média e alta da cidade pelo condomínio, mas o que se sabe é que o negócio não decola de jeito nenhum.

Mas eis que a Prefeitura de Caxias acaba de dar uma ‘forcinha’ pro empreendimento do pai do prefeito.

É que as ruas do entorno do condomínio receberam nova malha asfáltica ou uma bela de uma operação tapa-buracos, proporcionando aos futuros moradores do prédio um caminho livre de buracos e dos incômodos catabis.
Se a Praça do bairro Castelo Branco for recuperada,
condomínio do pai do prefeito pode finalmente decolar

Mas já deve ter um invejoso e despeitado achando que a recuperação das ruas do entorno do condomínio do pai do prefeito é imoral ou coisa parecida.

Que nada! Foi só coincidência.

Agora se a coincidência da recuperação da pracinha que fica em frente ao prédio acontecer, com certeza a ‘forcinha’ pode ajudar ainda mais.




Zé Reinaldo em Caxias: “O Flávio se afastou do Holandinha pra não se contaminar”

30.8.13
Ex-governador não contou com a presença de
nenhum membro da família Coutinho na platéia
 
Em palestra na Academia Caxiense de Letras na noite desta sexta-feira, 30, onde veio pregar a união das oposições no Maranhão, o ex-governador José Reinaldo Tavares fez algumas colocações bastante esclarecedoras.

Quando se referia a disputa pela Prefeitura da capital no ano passado, onde Flávio Dino insuflou quatro nomes para concorrer com João Castelo, Zé Reinaldo disse que tentou demover Dino da empreitada.

“Flávio, não sai candidato nem lança ninguém”, lembrou ZR em conversa pré-disputa sucessória de 2012 em SL temendo que as mágoas provocadas com a escolha de determinado nome iriam causar.

Público pequeno não correspondeu as expectativas 
dos organizadores do evento
“Ele não me ouviu e preferiu apoiar o Edvaldo Holanda Jr. que é um bom rapaz, mas é inexperiente e o Flávio já começa a se contaminar”, afirmou Zé Reinaldo acrescentando que o presidente da Embratur, “por conta disso [da contaminação], já se afastou dele”.

Zé Reinaldo afirmou ainda que Flávio Dino não é dedicado a política.

“Ele já é o favorito nas eleições do ano que vem, mas se ele fosse mais dedicado na política, se chamasse os prefeitos aliados da governadora para conversar e reconhecer que os mesmos precisam receber os recursos do Governo do Estado, ele com certeza já estaria com a vitória garantida”, disse Zé Reinaldo.

O ex-governador revelou que no próximo dia 13, o governador de Pernambuco, Eduardo Campos, estará em São Luis e vai definir o processo de escolha do candidato do PSB ao Senado.

“Estive com o Eduardo Campos anteontem e ele me disse que a decisão do nome do Partido que irá disputar o Senado será feita em conjunto com o diretório estadual e o nacional”, anunciou o ex-governador, que trava uma guerra surda com o vice-prefeito de São Luís, Roberto Rocha, para saber quem receberá as bênçãos da sigla para concorrer ao Senado.

Outra colocação interessante feita pelo ex-governador foi quanto ao plano de governo, ou a falta dele, do pré-candidato Flávio Dino.

“O Flávio não liga muito pra isso, mas como é que vamos vencer as eleições e quando chegar lá não termos um plano de governo para executar e com as pessoas certas?”, questionou ZR.

Embora fosse esperado um número razoável de pessoas, o público que compareceu na Academia Caxiense foi pequeno, não mais que 50 convidados.

Mas se o público pequeno foi decepcionante para as pretensões do ex-governador, a ausência de correligionários do PSB, como o prefeito Léo Coutinho e a deputada estadual Cleide Coutinho, com certeza foi mais ainda.

Assim como o ex-prefeito Humberto, tanto Cleide quanto Léo Coutinho estavam na cidade, mas não foram prestigiar o governador que mais enviou recursos para o município em toda a sua historia.

Muy amigos!


Reintegração de posse de terra deixa 12 famílias sem ter onde morar

A reintegração de posse aconteceu nesta quinta-feira(29). Logo no início da manhã, o oficial de Justiça, acompanhado do advogado da parte interessada com o apoio da policia militar, iniciaram a desocupação da terra situada na Rua das Flores, bairro Seriema, em Caxias (MA).

O despejo atendeu um mandado de reintegração de posse expedido pela Comarca do Município. Cerca de 12 famílias ocupavam o terreno, algo em torno de 70 pessoas moravam em casebres feitos de pau a pique (taipa), muitos deles já viviam no local à mais de dois anos.
 
"Eu morava de aluguel antes, fizemos nossa casa aqui nu terreno baldio, mas infelizmente foi tomada essa decisão e nós temos que cumprir, é muito triste, não sei nem para onde vou ainda" disse o ocupante da área Alberto Pereira de Araujo, o "seu Beto", um dos primeiros a erguer construção no terreno.

O empresário Miguel Ribeiro, popular Miguel da Antártica garante que o terreno lhe pertence há mais de 20 anos, é que no começo das ocupações ele já teria tentado falar com os invasores que não quiseram acordo.

A área de 4176m² , na verdade está em nome de Iranir Alves Noronha. O oficial de Justiça que acompanhou o despejo informou que os moradores já havia participado de uma audiência conciliatória e receberam um prazo para desocupar o terreno; no entanto como isso não ocorreu de forma voluntária, foi preciso executar o pedido de reintegração.

Durante a desocupação das terras a Policia Militar esteve no local em busca de manter a ordem, mas não houve necessidade de intervenção.
No rosto de cada morador, o semblante de tristeza e frustração. Às pressas, eles retiravam tudo que podia ser reaproveitado, como madeira e telhas. Ninguém da Secretaria de Assistência Social esteve no local para acolhimento e orientações às famílias.

Depois de desocupados os imóveis, em poucos minutos a casas vieram abaixo, derrubadas por uma retro-escavadeira. (Fonte: Noca).


Alô Ministério Público, essa turma não tem limites!!! Prefeitura de Caxias fará licitação no próximo dia 10 de obra iniciada há 30 dias

Pois é, caros leitores, não duvidem de mais nada do governo que se intitula Cada Vez Melhor. A última deles é tentar fazer uma licitação no próximo dia 10 de setembro de uma obra iniciada há 30 dias.

A obra em questão trata-se da “execução da implantação de Sistema Simplificado de Água do Bairro Vila Esperança”, conforme aviso de edital de licitação publicado no Jornal Pequeno, edição do último dia 23 de agosto. De acordo com o edital, o certame será realizado dia 10 de setembro.

Senti cheiro de queimado no ar instantaneamente. Ué?! E não foi essa mesmíssima obra que o prefeito Léo Coutinho fez um grande evento no dia 29 de julho passado, com direito a sistema de som, máquinas no local e a simbólica assinatura da ordem de serviço? Exatamente, caros leitores! Trata-se da mesma obra

Imagem 1 – Em 26/07, diretor do SAAE, junto 
com equipe, visita o local onde seria o poço
Nas imagens acima e abaixo, tiradas de prints de reportagens do site difusoracaxias.com.br, o leitor pode refrescar a memória e lembrar do anúncio, 3 dias antes da assinatura da ordem de serviço da obra (imagem 1) no dia 26/07, onde o diretor do SAAE, Carlos Alberto Martins, juntamente com sua equipe, visita o local onde seria feito o poço da Vila Esperança.

Imagem 2 – Em 29/07, prefeito assina ordem 
de serviço da obra que começa naquele dia
No segundo print (imagens 2 e 3), cópia da reportagem do mesmo site difusoracaxias.com.br, com várias fotos. É o próprio prefeito Léo Coutinho, com as máquinas ao fundo, assinando a ordem de serviço no dia 29/07 e discursando para os moradores.

A TV Difusora Caxias também deu ampla cobertura para o evento e a mídia palaciana passou vários dias martelando o assunto.

Imagem 3 – Também em 29/07, prefeito discursa 
durante o evento do início da obra
Para me inteirar totalmente do caso, comprei o edital da Tomada de Preços 008/2013.

Mas o leitor deve estar perguntando: E aí, Sabá? O que é que tem demais nisso? Calma, explico agora.

A licitação que acontecerá no próximo dia 10 prevê exatamente isso:

O projeto contempla as macros etapas de captação, adutora de recalque, rede de distribuição e ligação domiciliar, com custo total de R$ 430.440,96 (quatrocentos e trinta mil, quatrocentos e quarenta reais e noventa e seis centavos).

No bojo do edital, no item Concepção do Sistema, está claramente explicitado do que se trata o item considerado mais caro num Sistema Simplificado de Água: Captação – poço tubular com 150m de profundidade e diâmetro de 6”; Adução e Recalque – através de conjunto motor-bomba submersível elétrico monofásico e implementos hidráulicos e elétrico...
Imagem 4 – Edital da Tomada de Preços do dia 10 de setembro, 
previsão de poço tubular que já está concluído

O que está escrito acima e na imagem (4) ao lado, caros internautas, é a perfuração do poço tubular.

Mas como as imagens desta postagem mostram, o prefeito assinou a ordem de serviço da obra no dia 29 de julho. Visitando o local nesta quinta-feira, 29, constatei que a parte mais cara do sistema de água, que é a perfuração do poço tubular, já está concluída.

Mas como é que irão fazer uma licitação daqui a 10 dias para uma obra iniciada e cuja parte mais onerosa já está feita?

No momento que fiz os registros fotográficos deste post, conversei com o encarregado das máquinas.

“São duas empresas que estão fazendo essa obra aqui”, disse-me o senhor José de Fátima. Perguntei-lhe então que empresas eram essas que estavam fazendo a obra antes da licitação da mesma.

“Uma é a JMM e a outra é a Fernando Azevedo”, contou-me o funcionário informando ainda que as duas empresas são de São Luis. “A JMM se juntou com o Fernando Azevedo, pois ele conhece esses prefeitos tudinho daqui do Maranhão”, revelou José de Fátima que ao se despedir, perguntou se eu trabalhava no SAAE. Respondi-lhe que não, e que estava fazendo apenas uma reportagem sobre a obra.

“Ah! Pensei que o senhor era do SAAE, pois se fosse, era pra mandar água pra cá, pois o poço já ta cavado até 122 metros e já ta bom, mas pra finalizar, tem que ter água pra botar nas máquinas”.
 
Quanto a rede de distribuição e ligação domiciliar na Vila Esperança prevista na licitação 008/2013, ela já existe. Apenas a água que deveria escoar por ela, não.

Na segunda-feira, dia 02, irei procurar o Ministério Público em Caxias com cópia do edital e o registro fotográfico da obra da Vila Esperança.

Quero ver qual a explicação que irão dar para mais essa incoerência do governo Léo Coutinho.



Luciano Leitoa visita sede do Ifma em Timon

Reunião do prefeito com diretoria do IFMA
O Prefeito de Timon, Luciano Leitoa, atendeu convite da diretora geral do Instituto Federal do Maranhão (Ifma), Márcia de Deus Moreno, e fez uma visita às instalações do local, na tarde desta quinta-feira (29). Na oportunidade, o prefeito anunciou o asfalto na avenida que passa em frente ao Instituto, a Luis Firmino Sousa.

Aconteceu ainda uma reunião com membros da diretoria do Ifma, que solicitaram ao município doações de material didático, como livros e data show. Para isso, ficou acertada uma reunião, na próxima semana, com alguns secretários municipais para ver a viabilidade das demandas serem atendidas.

“É com grande prazer que venho conhecer esse Instituto. A Prefeitura está sempre disponível para contribuir, principalmente quando se trata de investimentos em educação. Vamos marcar uma reunião com os secretários, mais técnica, e ver como podemos contribuir com o Ifma”, explicou o Prefeito.

Durante a visita, Luciano Leitoa conversou com funcionários e alunos, conheceu salas de aulas, quadra e a nova piscina, além de conversar com a turma “Mulheres Mil”, um programa mantido pelo Ifma em parceria com a Prefeitura.

“É a primeira vez que um prefeito da cidade de Timon atende nosso convite para nos visitar. Estamos em fase de expansão e primamos pelo ensino de qualidade. Por isso, é de extrema importância essa proximidade com o poder público do município a qual nós pertencemos”, destacou a diretora. (Fonte: Secom/Timon).




Confira a 39ª Extração do Sabiá da Sorte

Conheça a premiação desta semana, que está mais imperdível do que nunca.

A 39ª extração do Sabiá da Sorte está com 6 premiações.

Vai ficar fora dessa? Veja os valiosos prêmios que você pode faturar:  

1º. Uma ligeirinha de R$ 500,00
2º. Uma ligeirinha de R$ 500,00
3º. Uma ligeirinha de R$ 500,00
4º. Uma poupança de R$ 1.500,00
5º. Uma poupança de R$ 2.000,00
6º. Uma super poupança de R$ 20.000,00
E mais 10 rodadas da sorte no valor de R$ 100,00  

Não perca tempo e adquira a sua cartela em um dos nossos pontos de venda. Você ajuda o projeto social de iniciação esportiva e ainda pode ganhar valiosos prêmios.

Fonte: www.sabiafcma.com.br

Micareta fora de época de Aldeias Altas começa nesta sexta-feira

29.8.13
A partir desta sexta-feira (30), o município de Aldeias Altas vai se tornar a capital da folia no leste maranhense. É que vai começar a primeira Micareta aldeense.

A folia, que começa amanhã, se estenderá até domingo. O prefeito Tinoco convida a todos para participarem da festa.

“Tenho a honra de convidar a todos para estarem na Micareta de Aldeias Altas entre a sexta-feira(30) e o domingo(1º). Sem dúvidas, as  presenças de todos vai engrandecer ainda mais a festa, que vai contar com apresentações de artistas consagrados nacionalmente e com a alegria do povo aldeense.  O Aldeias Folia vai ser a maior e melhor festa dos últimos tempos na região”, promete o prefeito Tinoco

A Micareta de Aldeias Altas, porém, não acontece apenas na avenida João Rosa. A festa vai acontecer em todo circuito do Aldeias Folia e os abadás estão a venda em diversos pontos da cidade.

A tranquilidade dos foliões vai ser garantida por um efetivo de policiais militares, civis e homens de uma empresa de segurança de Caxias.  Secretarias municipais também estão se empenhando para oferecer uma festa harmoniosa e tranquila à população. (Fonte: blog do irmão inaldo).

Caxiense entre as vítimas do desabamento de construção em São Paulo

O jovem José de Ribamar Soares do Nascimento, de 26 anos, conhecido como Ribinha, morreu ontem em São Paulo, após o desabamento de um prédio localizado na Av. Mateo Bei, no bairro São Mateus, na Zona Leste da capital paulista.

Ribinha é do bairro Caldeirões, era casado com Cristiane Medeiros e deixa um filho de 1 ano por nome de Arthur. Segundo informações o corpo do caxiense se encontra no IML de São Paulo, e há previsão de quando será liberado nesta quinta-feira (29).

José de Ribamar saiu de Caxias há quatro anos, em busca de emprego e melhores condições de vida. "Todos os dia às 9h horas ele ligava pra mim. Quando eu via a matéria na TV eu disse pra minha família, lá é o lugar onde Rinha tá trabalhando. Eu não queria acreditar, mas, infelizmente aconteceu. Ele se foi e nada será como antes",frisou a esposa.

A vítima esteve recentemente em Caxias. Dia 9 de agosto retornou para São Paulo onde já trabalhava na construção civil. "Eu só quero que seja feita Justiça", desabafou José de Ribamar, pai do caxiense morto no desabamento em São Paulo.

Outros caxienses podem estar entre as vítimas. Pelo menos um irmão de Ribinha e três outros primos, inclusive um deles continua desaparecido, trabalhavam na obra.

O desabamento total do imóvel de dois pavimentos aconteceu por volta das 8h30 de terça-feira. A estimativa é que cerca de 35 pessoas estivessem na obra de construção de uma loja da rede Torra Torra no momento do acidente.

Irregularidades e multas
A construção era irregular e já foi multada em mais de R$ 100 mil, segundo a Prefeitura. Antes da construção, um posto de gasolina funcionava no local. A empresa dona do imóvel, a Jamf Empreendimentos Agrícolas Ltda, não se pronunciou sobre o caso. Segundo a Subprefeitura de São Mateus, antes do início da obra, um posto de gasolina funcionava no local.

Futura loja popular
Em nota, o Magazine Torra Torra informou que o imóvel não era de propriedade da rede. Segundo a empresa, havia um contrato de locação do prédio e a rede só assumiria o imóvel após finalizadas as obras estruturais pelo proprietário, a Jamf Empreendimentos Agrícolas Ltda, que não comentou o caso até as 12h20.

A investigação deverá ouvir depoimentos de sobreviventes e de pessoas ligadas à obra. O inquérito será presidido pelo delegado Luiz Carlos Unzelin, que foi ao local do desabamento.

Os outros maranhenses mortos no desabamento são:
Marcelo De Sousa Rodrigues, 22 anos, natural de Barra Do Corda - Maranhão
Leidiano Teixeira Barbosa, 27 anos, natural de Barra Do Corda - Maranhão
Ocirlan Costa Da Silva, 19 anos, natural de Mirador - Maranhão
Antônio Carlos Carneiro Muniz, 36 anos, natural de Grajaú - Maranhão
Raimundo Barboza De Souza, 38 anos, natural de Imperatriz - Maranhão
Felipe Pereira Dos Santos, 20 anos, natural de Imperatriz - Maranhão
Raimundo Oliveira Da Silva, 29 anos, natural de Itaguatins - Tocantins


Fonte: Noca

Segurança de Holandinha atua em evento eleitoreiro de Flávio Dino em pleno expediente…

Rocha discursa em Tuntum e Chagas, sentado, olha para o lado
A imagem ao lado é um print de um vídeo do discurso do vice-prefeito Roberto Rocha (PSB), durante a campanha fora-de-época do chefe comunista Flávio Dino em Tuntum, semana passada.

O homem que aparece sentado, do lado esquerdo de Rocha, é conhecido por Chagas.

Ele é o chefe da Segurança do prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PTC). E está em pleno horário de expediente.

Aliás, neste caso, o chefe da Segurança de Holandinha segue o exemplo do tutor do seu chefe, que também gazeteia expediente na Embratur para participar de campanha eleitoral no interior maranhense.

O vídeo está disponível no próprio perfil do Facebook de Roberto Rocha.(https://www.facebook.com/roberto.rochaii.3?fref=ts)

Observe que, no quadro ao lado, outro print, com a descrição do título do vídeo, é possível ver a data e o horário do evento: Tuntum, 23 de agosto (sexta-feira), 9h da manhã.

Chagas acompanhou a comitiva de campanha comunista na sexta e no sábado, nos municípios de Presidente Dutra, Tuntum e São Domingos do Maranhão.

Mas ele não é o único.

No vídeo, no momento do discurso de Rocha, sobem  descem vários outros personagens.


É possível ver outros servidores da Prefeitura de São Luís atuando no evento.

Deve haver uma explicação para a presença de Chagas – chefe da segurança do prefeito de São Luís – em, pelo horário de expediente, em um evento eleitoral há mais de 500 quilômetros do seu local de trabalho.

Se não houver, fica caracterizado que Holandinha usa a estrutura da prefeitura em favor do seu candidato a governador, e isso é crime.

Simples assim…

Fonte: blog do Marco Aurélio D’Eça

Vereador Fábio Gentil denuncia merenda escolar inadequada em Caxias

“Não existe aprendizado de qualidade com a barriga vazia”

Vereador Fábio Gentil
O vereador Fábio Gentil denunciou na tribuna da Câmara nesta quarta-feira, 28, a qualidade da merenda escolar servidas às crianças das escolas da zona rural do município.

“Visitei 3 escolas, que eu não vou revelar os nomes para que os funcionários não sofram represálias, e lá constatei que só existe frango e arroz no cardápio”, disse o vereador lamentando a falta de outros alimentos que proporcionem mais nutrientes na alimentação das crianças.

“Nessas escolas, os funcionários me disseram que não existe iogurte e frutas de nenhuma espécie, e que somente arroz e o frango, que um dia é assado, no outro é cozido e depois é desfiado está disponível”, lamentou o parlamentar oposicionista revelando ainda que a prefeitura recebe regularmente os recursos da merenda escolar, “que este ano já foram vários milhões”.

Fábio Gentil aproveitou seu discurso para tentar sensibilizar os colegas vereadores e que os mesmos tentem sensibilizar o prefeito Léo Coutinho para essa situação.

“O prefeito com certeza não sabe o que é falta de comida na sua mesa, mas já que sua emissora de TV está filmando essa sessão, espero que ele tome conhecimento e aproveito o momento para pedir que a base aliada reforce e leve até ele essa minha reivindicação”, pediu o vereador que acrescentou ainda que não tem rádio nem emissora de TV para ecoar suas denúncias, “mas apenas a tribuna da Câmara”.

Tanto o vereador Ronaldo Chaves quanto o líder do governo, Mário Assunção, ponderaram que as escolas visitadas por eles no município, tem sim uma variedade de merenda escolar no cardápio.

“Então vamos visitar algumas escolas da rede municipal para constatar se existe realmente esse cardápio variado, que eu já fui em várias escolas e não encontrei”, convidou o vereador.

Ainda na questão da educação, Fábio Gentil lembrou da situação do transporte escolar no município, onde os proprietários dos veículos estão há vários meses sem receber o pagamento pelo serviço.

“Os proprietários de veículos que fazem o transporte escolar estão há 4 meses sem receber o pagamento e os mesmos já chegaram a parar as atividades por uma semana como sinal de protesto e foram ameaçados pelo prefeito de perderem o contrato”, lamentou Fábio diante da situação de descaso que se encontra o setor educacional do município como um todo.

Timon - Prefeitura discute sistema de esgotamento sanitário do município

Foram apresentados convênios e licitações, realizados desde 2005 pela administração anterior, para obras de esgoto na cidade.
A ação aconteceu em reunião na sede do Núcleo de Estudos de Projetos Especiais (Nepe).
 A Prefeitura de Timon apresentou a situação das obras de esgotamento sanitário da cidade. A ação aconteceu em reunião na sede do Núcleo de Estudos de Projetos Especiais (Nepe). Participaram Secretários Municipais, engenheiros do Serviço Autônomo de Águas Esgotos (Saae) e vereadores.

Foram apresentados convênios e licitações, realizados desde 2005 pela administração anterior, para obras de esgoto na cidade. O Assessor Especial da Secretaria Municipal de Infraestrutura, Rafael Sousa, fez uma explicação detalhada da situação e contou que em Timon não existe tratamento de esgoto.

De acordo com Rafael Sousa, entre convênios e licitações realizadas pela gestão anterior, foram captados com o Ministério da Cidade e a Funasa cerca de 25 milhões, sendo que já foram gastos mais de 18 milhões com obras de esgoto que não apresentam funcionalidade. Sobraram 7 milhões, entretanto a Prefeitura precisa de mais 8 milhões para que o serviço seja concluído.

O assessor explicou ainda que desde que teve início a gestão do Prefeito Luciano Leitoa está sendo feito um estudo do sistema de esgotamento sanitário de Timon. A Prefeitura tem um prazo até o dia 30 de novembro deste ano para entrar com um pedido de medição do que já foi feito junto à Caixa Econômica, caso não ocorra terá que devolver o dinheiro captado, 25 milhões, corrigidos desde 2007. A previsão é que a primeira etapa do projeto seja entregue em 18 meses.

“Toda a obra realizada pela administração anterior não foi suficiente para que haja tratamento de esgoto em Timon. Esse foi um problema que herdamos e temos que resolver. Para isso, apresentamos ao Ministério da Cidade um projeto da obra e recebemos um prazo de execução que faremos com os recursos que ainda temos. No início do próximo ano tentaremos captar o que está faltando com o Governo Federal”, explicou.

O objetivo da reunião foi dar uma satisfação à sociedade de como se encontram as obras. Na oportunidade os vereadores tiveram a oportunidade de esclarecer dúvidas e apresentar sugestões sobre a obra.

Fonte: Portal Hoje

Denúncias sobre merenda escolar dominam debates na Câmara Municipal

Por Caio Motta, colaborador

A calmaria reinou grande parte do tempo na sessão desta quarta(28). A presidente da câmara municipal Ana Lúcia Ximenes não estava presente e quem ocupou seu lugar foi o vice-presidente Mário Assunção.

Como sempre, foram apresentados os requerimentos dos vereadores que, geralmente, tratam de asfaltamento e recuperação de ruas, pintura de faixas de pedestres e algumas melhorias para a cidade.

A calma foi quase que total, porém, no grande expediente, o que era para ser um discurso bem simples, acabou gerando uma série de discussões entre situação e oposição.

O vereador Fábio Gentil fez uso da palavra na tribuna para falar sobre uma visita que fez a três escolas de Caxias, onde constatou que havia apenas frango e arroz para o lanche dos alunos. Segundo o vereador, veio para a cidade mais de 1 milhão de reais para a merenda escolar e esse dinheiro não está sendo aplicado de forma correta. Falou que é um absurdo que as crianças não tenham fruta ou algum outro lanche e que até brincavam, dizendo que um dia era frango assado, outro dia frango cozido e no outro era frango desfiado. Então, o vereador pediu para que os colegas investigassem e ajudassem para que esse tipo de problema não ocorra.

A vereadora Taniery relatou que nas escolas que visita, muitas vezes nem frango tem.

Ronaldo Chaves pediu a palavra e parabenizou  o vereador Fábio Gentil, e informou que já visitou escolas, inclusive foi palestrante em uma delas e que está a disposição do vereador para que investiguem juntos e tentem resolver da melhor forma possível esse problema com merenda escolar.

Durval Jr. subiu à tribuna e disse que na câmara todos são respeitosos e coerentes, porém que falar mal é fácil, o problema é participar diretamente e ajudar a resolver.

Em aparte ao discurso de Durval Júnior, Mário Assunção disse que está a disposição dos vereadores para investigar, mas que a realidade que ele conhece é outra. As escolas que visitou tem uma variedade de merenda. Então citou o caso da escola César Marques onde o muro desabou e os alunos estão reclamando bastante, lembrando que a obrigação é do governo do Estado, então como a oposição pediu para que a situação ajudasse com a questão das escolas, então ele pede para que os vereadores oposicionistas se mobilizassem e intervissem e ajudassem também nas melhorias das escolas do ensino médio em Caxias. Assunção leu então uma carta que foi enviada por uma professora que estava na platéia dizendo que na escola onde ela trabalha tem bastante merenda.

Luís Lacerda pediu a palavra e informou que visitou três escolas também e que não viu problema algum com a merenda escolar, inclusive viu uma grande variedade de frutas para o lanche. Parabenizou a oposição pela denúncia e que enquanto vereador e representante do povo, não vai aceitar que crianças não tenham merenda e vai ajudar com certeza.

Seguindo os outros companheiros, Neto do Sindicato também informou que ao visitar escolas não viu problema algum com a merenda.

O que foi visto é que a situação defende com unhas e dente a prefeitura e rebatem todas as críticas vindas da oposição. Inclusive antes do término da sessão Mário Assunção citou que o governo do estado fez um convênio com várias prefeituras, para que essas se responsabilizassem pelo transporte escolar dos alunos do ensino médio e que até hoje não repassou nada do que ficou prometido.

Correios atende reivindicação do vereador Ronaldo Chaves e entrega de correspondência e mudança no CEP do Eugênio Coutinho será normalizado em 30 dias

Vereador Ronaldo Chaves
O vereador Ronaldo Chaves usou o pequeno expediente da Câmara dos Vereadores na sessão desta quarta-feira, 28, para apresentar aos demais colegas do parlamento, uma correspondência enviada pela direção dos Correios por conta das reclamações dos moradores do Residencial Eugênio Coutinho.

É que Ronaldo Chaves trouxe ao conhecimento dos seus pares que a entrega de correspondências para o Eugênio Coutinho não estava regular, sendo que somente as contas de água e energia chegavam, mas que a fatura do cartão de crédito dos moradores, não.

Outra reclamação dos moradores daquela localidade é em relação ao CEP, que nas correspondências recebidas, é de Aldeias Altas.

“Isso acabava prejudicando os milhares de moradores daquele conjunto, pois no caso das faturas do cartão de crédito, um atraso representa juros e multas aos clientes dessas operadoras de cartão”, explicou o vereador que nesta quarta-feira, 28, leu o oficio em que os Correios anunciam a solução do problema em até 30 dias.

“A direção do Correios afirma que em até 30 dias o CEP já estará no sistema e será de Caxias, e não de Aldeias Altas”, explicou o vereador que também informou que a empresa irá disponibilizar mais um carteiro para a entrega das correspondências do EC.

Dupla suspeita de assaltos é presa na Pampulha

28.8.13
Jeová José Oliveira
Populares denunciaram à polícia de que dois elementos em uma moto estariam de forma suspeita, circulando próximo á alguns comércios no bairro Pampulha, em Caxias (MA). Imediatamente o Serviço de Inteligência do 2º BPM acionou o Grupo de Operações Especiais que deu início ás buscas.

No final da tarde desta segunda-feira (26), foi preso o indivíduo identificado por Jeová José Oliveira, 27 anos, natural de Picos (PI). Ele e outro comparsa estavam homiziados em uma residência na Pampulha. O cúmplice de Jeová, identificado como Diego Barbosa Pereira, 24 anos, oriundo de Belém (PA), conseguiu fugir do cerco policial.
Diego Barbosa Pereira está foragido

Com o elemento preso foram apreendidos um colete de mototáxi, uma bolsa necessaire, documentos de veículos e de várias pessoas, possivelmente vítimas da dupla e uma porção de maconha.

Também estava em poder do acusado, um motocicleta CB400, placa OIS 6662, com registro de roubo, uma pistola, que teria sido roubada de um policial e sete cartuchos intactos.

Jeová foi conduzido ao 1º DP e a polícia continua as buscas para prender o segundo elemento.

Fonte: Portal Noca
Arma, documentos e droga apreendidos com a dupla



Bastidores & bastidores

Por onde andas…
Desde o resultado das eleições do ano passado ninguém vê o ex-vereador Chocolate em nenhum canto da cidade.

O nome e o problema
Chama-se Patrícia a ex-administradora da Saúde de Caxias. Demitida há cerca de 12 dias, um pagamento, de cerca de R$ 200 mil reais, referente a aquisição de ar condicionados, teria sido o motivo de sua demissão. Como assim?!

Aumentou
Depois de muita reclamação, o que era mensalinho, tornou-se, como num passe de mágica, em mensalão. Eram ‘apenas’ R$ 6 mil reais mensais. Hoje, R$ 8 mil. Mas abram o olho, tem um de R$ 12 mil, um de R$ 15 mil e outro de incríveis R$ 22 paus.

Valentia
O que deu agora para vereador governista engrossar a voz na defesa do governo não está escrito. Parece uma competição para ver quem mais se destaca em defesas apaixonadas do governo na Câmara Municipal de Caxias.

Nem um pio
Sem usar até agora o microfone da Câmara Municipal, muitos analistas políticos da cidade questionam se o vereador Genival Moto Peças irá conseguir ‘recuperar’ o dinheiro gasto na campanha.

Desgoverno
O prefeito Léo Coutinho entrou com o pé esquerdo no Palácio da Cidade. Sua administração não deslancha e nada que faz consegue ser revertido em melhoria na sua popularidade que, me desculpem os apaixonados, está no chão.

Aposentadoria?
O ex-prefeito Humberto Coutinho pensou que com a eleição do sobrinho teria uma aposentadoria tranqüila. Que nada! Fazendo um governo desastroso do ponto de vista político e também administrativo, a gastrite nervosa de HC tem incomodado mais do que nunca.

Popular?
Caso consiga levar adiante a milionária licitação de publicidade, onde estão previstos gastos de R$ 416.000,00 (quatrocentos e dezesseis mil reais) todos os meses com propaganda, será que a popularidade do prefeito Léo Coutinho irá melhorar?

Para evitar ataques e tirar o foco do prefeito Léo Coutinho, palanque estadual é montado por governistas na Câmara Municipal

Debate estadual é inócuo para questões municipais
A ideia, embora seja um pouco destrambelhada, tem dado certo até agora. A base governista na Câmara aproveita todo e qualquer assunto inerente ao poder público municipal que seja abordado pela oposição, para imediatamente trazer para o debate a distante eleição de 2014.

Se um oposicionista aborda os buracos nas ruas, lá vem um governista apontar falhas nas rodovias estaduais próximas a Caxias. Se os opositores do prefeito Léo Coutinho protestam contra a situação da saúde oferecida aos caxienses, logo um governista raivoso parte pra cima do secretário estadual de Saúde, Ricardo Murad, com gosto de gás. Se alguém aponta corrupção no governo municipal, automaticamente uma denúncia de corrupção no governo do Estado é feita.

Tanto o líder do governo, Mário Assunção, quanto o vereador Ronaldo Chaves, embora tragam a sucessão estadual para o debate na Casa do Povo, o fazem com profundidade e coerência, o que não é feito pelos demais integrantes do governo que, vez ou outra, usam linguagem inapropriada num parlamento para se referir à família Sarney.

Trazer a eleição estadual do próximo ano para o parlamento municipal mostra-se uma jogada de mestre do governo, pois a cada momento que os contrários ao prefeito Léo Coutinho tentam tratar de assuntos de interesse do povo e dos reclames da comunidade, são empurrados para a questão estadual e, quase sempre, deixam os assuntos de interesse dos caxienses de lado e mergulham na onda governista.

Relação dos ganhadores da 38ª extração do Sabiá da Sorte

Sorteio Realizado no dia 25 de Agosto de 2013 (domingo), através da TV Difusora Caxias, canal-11

SABIÁ DA SORTE

1º. PRÊMIO: Uma ligeirinha de R$ 500,00
CARTELA: 27.830
Maria Ivoneide Rodrigues Santos
ENDEREÇO: TV. Cristino Gonçalves
BAIRRO: Volta Redonda
CIDADE: Caxias
VENDEDOR: Maria Lucia

2º. PRÊMIO: Uma ligeirinha de R$ 500,00  
CARTELA: 11.185
Francisco Nunes de Carvalho
ENDEREÇO: AV. Nereu Bitencourt
BAIRRO: Centro
CIDADE: Caxias
VENDEDOR: Raimundinho

3º. PRÊMIO: Uma ligeirinha de R$ 500,00  
CARTELA: 18.718
Fabiana, Pablo, Leonardo
ENDEREÇO: Av. Caxias, Q-A06
BAIRRO: Teso Duro
CIDADE: Caxias
VENDEDOR: Pipa

4º. PRÊMIO: Uma poupança de R$ 1.500,00  
CARTELA: 13.015
Ítalo Gustavo de Sousa Silva
ENDEREÇO: Avenida Fumo Verde
BAIRRO: Fumo Verde
CIDADE: Caxias
VENDEDOR: Mauricio

CARTELA: 28.430
Maria da Natividade Santana da Silva
ENDEREÇO: Rua 23, Quadra 18
BAIRRO: Tezo Duro
CIDADE: Caxias
VENDEDOR: 
CARTELA: 25.007
Júnior e Família
ENDEREÇO: Rua Nossa Senhora de Fátima
BAIRRO: Refinaria
CIDADE: João Viana
VENDEDOR: Chico Boneco

5º. PRÊMIO: Uma poupança de R$ 2.000,00
CARTELA: 10.520
Antônio Lira Machado
ENDEREÇO:  AV. Central
BAIRRO: Refinaria
CIDADE: Caxias
VENDEDOR: Raiane

6º PRÊMIO: Um Celta LS 0km,  com ar condicionado, modelo 2014
CARTELA: 20.190
Cassiane Silva dos Santos
ENDEREÇO: TV. José Tadeu
BAIRRO: Ponte
CIDADE: Caxias
VENDEDOR: Domingos

RODADAS DA SORTE
1º. Lucas Eduardo Ferreira/ CARTELA: 12.500
2º. Jofran Wanderson/ CAERTELA: 22.777
3º. Irivaldo Santos Araujo/ CARTELA: 29.910
4º. Maria da Conceição Chaves da Silva/ CARTELA: 37.281
5º. Inês Mendes/ CARTELA: 26.050
6º. Regivan da Silva Santos/ CARTELA: 16.942
7º. Cleidiane Soares da Silva/ CARTELA: 36.205
8º. Bianca Ribeiro de Jesus/ CARTELA: 23.542
9º. Caylanne V. F. C. Silva/ CARTELA: 32.378
10º. José Santos Gomes/ CARTELA: 21.071

Timon - Dolival e Saney são nomeados INTERINAMENTE para infraestrutura e SEMDES

27.8.13
Dolival Andrade: Homem de
confiança do prefeito Luciano Leitoa
Com as demissões do engenheiro Helder Pontes, do cargo de secretário Municipal de Infraestrutura, ocorrida na sexta-feira (23) e do economista Lázaro Martins, da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Assistência Social e do Trabalho – SEMDES, na segunda-feira (26), o prefeito Luciano Leitoa (PSB), nomeou ainda ontem (26) interinamente Dolival Pereira de Andrade para a Infraestrutura e Saney Sampaio para a SEMDES, conforme publicação feita no Diário Oficial Eletrônico do Municipio de Timon.
Saney Sampaio (ao microfone) 
acompanha Luciano Leitoa desde 
o mandato de deputado federal

Dolival Andrade passa a acumular a Secretaria de Administração e Recursos Humanos e de Infraestrutura, enquanto que Saney Sampaio acumula também agora Secretaria do Gabinete Civil do Prefeito Luciano Leitoa e a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Assistência Social e do Trabalho – SEMDES.

Com isso, Dolival Andrade e Saney Sampaio são considerados homens fortes junto ao prefeito Luciano Leitoa, assim como já ganharam conotações de super secretários.


Fonte: blog do Ademar Sousa

Luís Fernando Silva, o articulador…

Luis Fernando em palestra: amplo conhecimento
Técnico dos mais competentes do Maranhão, profundo conhecedor de todos os setores do estado e gestor de incontestável e comprovada solidez, o secretário de Infraestrutura Luís Fernando Silva (PMDB) tem se demonstrado também um exímio articulador político.

Desde que recebeu o aval político do ministro Edison Lobão para representar o PMDB na disputa pelo Governo do Estado, Luís Fernando caiu em campo e demonstra, em pouco tempo, a forte capacidade de atrair, inclusive os contrários.

O pré-candidato peemedebista ao governo tem em sua base de apoio todos os partidos que compõem a base do governo Roseana Sarney (PMDB), mas vai além.

Com ele, já estão prefeitos importantes do PSDB, do PDT, do PPS, do PSB e até do PCdoB.

Lideranças como o prefeito de Imperatriz, Sebastião Madeira (PSDB) – totalmente engajado na campanha – seguem Luís  Fernando por acreditar em sua capacidade e confiar na sua integridade.

Outros, como Luciano Leitoa (PSB), de Timon, se ainda não se posicionaram favorável ao projeto peemedebista, também demonstram clara admiração pelo seu trabalho.

É desta forma que Luís Fernando segue sua pré-campanha, numa articulação que tem surpreendido politicamente pelos resultados – e isso sem que o grupo da governadora tenha entrado efetivamente em campo.

Imagina em 2014…

Fonte: blog do Marco Aurélio D’Eça

“Fantasmas” ficam livres, leves e soltos! Vereadores governistas votam contra Projeto de Lei que inibiria funcionários que não cumprem expediente no município

Taniery tentou impedir funcionários
fantasmas no município
Ainda não foi desta vez que a Prefeitura de Caxias ficou livre da presença de funcionários fantasmas na folha de pagamento.
 
Projeto de Lei de autoria da vereadora Taniery Cantalice, apreciado na sessão desta segunda-feira, 26, que regulamentava a criação nas repartições públicas do município, e também no legislativo, o ponto biométrico, foi rejeitado pela maioria governista na Câmara Municipal.

O pano de fundo para desaprovação do PL da vereadora oposicionista foi dado pela Comissão de Constituição e Justiça, através de um parecer contrário sobre sua constitucionalidade.

Os oposicionistas tentaram em vão reverter o resultado, mas o placar foi pela desaprovação.

Justificando seu Projeto, a vereadora Taniery afirmou que o mesmo nasceu através de pedidos dos manifestantes do Vem Pra Rua Caxias, ocorrido há cerca de 45 dias, em que os mesmo a convidaram para apresentar esse projeto que inibiria fortemente a existência de funcionários fantasmas no município.

“Foi um ideia que nasceu dos movimentos de protestos e eu achei salutar sua utilização, haja vista que visa tão somente coibir a contratação de funcionários fantasmas nos poderes Executivo e Legislativo”, justificou a parlamentar.

O ponto biométrico é na verdade uma pegadinha contra a prática de gestores sem compromisso com a moralidade administrativa.

Através do ponto biométrico, todo servidor público, contratado ou efetivo do município, teria que marcar presença no serviço através da confirmação de sua impressão digital.

Com isso, aqueles funcionários fantasmas, que de acordo com os vereadores oposicionistas, tão comuns nos últimos anos na Prefeitura de Caxias, sofreriam pelo menos o constrangimento ao terem que ir todos os dias, no início e no final do suposto expediente, registrar seu ponto.

Com uma folha de pagamento de absurdos R$ 300 mil reais, a fila de servidores lotados no gabinete do prefeito Léo Coutinho seria quilométrica.

Vê-los assinando o ponto todos os dias seria o ponto alto do governo que se intitula Cada Vez Melhor.

Seria uma cena surreal.


Na defesa dos trabalhadores rurais - Neto do Sindicato aprova requerimento na Câmara pedindo ao INCRA urgência em vistoria nos povoados Saquinho e São José dos Mesquitas

Vereador Neto do Sindicato
Diante do aumento na tensão entre trabalhadores rurais dos povoados Saquinho e São José dos Mesquitas, ambos no 2° Distrito de Caxias e a empresa Ramires, que alega ser proprietária das áreas desses povoados, o vereador Neto do Sindicato (PT), teve requerimento aprovado na sessão desta segunda-feira, 26, em que pede ao superintendente do INCRA, José Inácio Sodré Rodrigues, de forma veemente, que o mesmo determine, de forma urgente, a vistoria do órgão nas duas localidades a fim de se garantir a tranquilidade das famílias que ali residem.

“haja vista a situação de tensão social em que se encontra a referida Área, estando os trabalhadores rurais que moram e trabalham há décadas no imóvel, constantemente ameaçados pelo suposto Gerente da Empresa Ramires, proibindo o cultivo das lavouras temporárias e coagindo os posseiros a fazerem colheita da mandioca e de outras culturas antes do tempo, e reiterando ameaças de despejo, como se aqueles trabalhadores rurais não tivessem direito adquirido sobre área”, protesta o vereador em seu requerimento.

Ainda na justificativa do seu requerimento, o vereador ressalta a situação daquela área que está sendo reivindicada pela empresa Ramires.

“Vale ressaltar, portanto, que já existe um processo de desapropriação instaurado, por solicitação do Sindicato dos Trabalhadores/as Rurais de Caxias, fazendo-se urgente o presente requerimento de que o INCRA-MA agilize a vistoria do imóvel, sobretudo considerando a atual situação de tensão social e possível conflito naquela área”, explica o parlamentar que teve seu requerimento aprovado por unanimidade pelos colegas do parlamento.

Timon - Mutirão da limpeza chega ao bairro Cajueiro



O mutirão “Amigos da Limpeza” deste sábado (24) aconteceu no bairro Cajueiro, mobilizando quase uma centena de garis, caminhões e caçambas que recolheram quase cinco toneladas de lixo e entulho que vinha incomodando a população do pequeno bairro, que está localizado na zona Sul da cidade.

Os moradores atenderam os apelos do carro de som que percorreu o bairro e acondicionaram os lixos domésticos em sacos plásticos, colocando-os em suas portas.

Aliviados com a retirada do lixo e entulho que propiciavam a proliferação de mosquitos da dengue e muriçocas, os moradores agora estão pedindo à Prefeitura que mande um carro fumacê para aliviar o problema.

A dona de casa Maria da Cruz resumiu a posição dos vizinhos: “Nós moramos aqui há quase dez anos e nunca vimos uma faxina deste tipo. Mas ainda temos o problema dos mosquitos. Por isto estamos pedindo um carro fumacê para matar os mosquitos e principalmente as muriçocas”, disse ela.

Funcionários da SDU Sul, que coordenam o mutirão “Amigos da Limpeza”, se comprometeram a procurar a coordenação do serviço de endemias da secretaria Municipal de Saúde do município para solucionarem o problema dos mosquitos.


Fonte: Secom/Timon

Vereadora Benvinda apresenta emendas ao Projeto de Carreiras, Cargos e Salários do SAAE que visam garantir mais direitos aos servidores da autarquia

Vereadora Benvinda Almeida
Após intenso estudo no Projeto de Lei n° 074/2013, que prevê a criação de um Plano de Cargos, Carreiras e Salários dos servidores do SAAE/Caxias, a vereadora Benvinda Almeida enumerou na sessão desta segunda-feira, 26, alguns benefícios que ela propõe para serem incorporados, através de emendas, ao PL original.

“O que eu quis quando pedi vistas nesse Projeto de Lei, foi para me inteirar do assunto e poder fazer uma análise mais aprofundada, pois minha consciência não permite votar um projeto dessa importância sem conhecê-lo”, iniciou a vereadora usando o pequeno expediente.

“Minha intenção não foi atrasar a votação do Projeto, mas sim garantir benefícios que a proposta original tira dos trabalhadores”, continuou Benvinda para em seguida apontar o que considera inadequado para os servidores do SAAE. “Proponho nas emendas apresentadas para análise dos meus colegas a garantia de licença Premium para os servidores, mudanças no posicionamento das referências salariais, um programa de educação continuada mais amplo e muitos outros que acredito que meus colegas irão analisar e acatar, pois visam a valorização dos servidores do SAAE”, conclamou Benvinda Almeida que pediu para que os integrantes da Comissão de Constituição e Justiça que aproveitem o máximo possível das suas emendas e pensem no bem estar do corpo de funcionários da autarquia.

“Acredito que todos os vereadores, governistas ou não, pensam e querem o melhor para os valorosos membros da mais importante autarquia do município”, comentou a vereadora conclamando os colegas a se posicionarem ao lado desses trabalhadores.

Com um grande número de funcionários do SAAE no auditório, após sua explanação sobre as emendas apresentadas ao PL 074/2013, a vereadora Benvinda pediu que os mesmos se manifestassem levantando as mãos pela aprovação do Projeto com, e sem alterações.

A grande maioria do público deixou bem claro a aprovação pelas emendas relatadas levantando as mãos quando se perguntou se os mesmos queriam o PL com emendas.

Alguns vereadores governistas ainda tentaram argumentar que os servidores do SAAE estavam com pressa e que corriam o risco de não ter os supostos benefícios do Projeto no pagamento do próximo dia 20.

“Eu não entendo como querem ter essa pressa toda, pois estamos falando aqui de alguns dias apenas que irão representar ganhos para a vida toda desses servidores”, justificou a vereadora oposicionista.

As emendas propostas por Benvinda Almeida foram encaminhadas à Comissão de Constituição e Justiça que terá o prazo regimental para dar o parecer final antes da votação pelo plenário.

Apesar de aprovado por unanimidade dos vereadores, o Projeto de Cargos, Carreiras e Salários do SAAE só será considerado concluso após apreciação das emendas.

As emendas apresentadas pela vereadora Benvinda Almeida foram exaustivamente discutidas com um grupo de servidores do SAAE e analisadas por técnicos e advogados.

Em nenhum ponto dessas emendas, existe a possibilidade dos servidores do SAAE serem prejudicados. Pelo contrário, visam apenas garantir o máximo possível de benefícios e segurança na carreira de todos.