IMPRUDÊNCIA - Infrações no trânsito aumentaram em mais de 15% nos últimos seis meses em Caxias

20.7.18

Conduzir moto ou veículo similar sem o uso do capacete continua sendo a principal infração cometida no trânsito de Caxias. Nos seis primeiro meses deste ano, agentes do Detran e do Departamento de Trânsito do Município já aplicaram 639 multas. Não muito diferente, 312 condutores foram flagrados pilotando ou dirigindo sem a CNH ou com documento vencido.

Ainda consta nas estatísticas dos órgãos, que estacionar em local proibido ou de forma inadequada ou ainda transitar pela contramão, são imprudências recorrentes em Caxias com 312 registros.

Entre os condutores de automóveis, além do flagrante de dirigir sem a CNH, as outras desobediências registradas nos seis primeiros meses deste ano são: dirigir sob a influência de álcool, utilizando o celular ou com fone de ouvido ligado à aparelhagem sonora e deixar de usar o cinto de segurança, que juntos somam 45 infrações.

Ao todo, de janeiro a junho deste ano foram aplicadas 2160 multas. No ano passado, neste mesmo período foram 1848, um aumento em mais de 18%. No total, os órgãos fiscalizadores do trânsito do Estado e do município registraram nos últimos dezoito meses 9171 infrações nas ruas de Caxias. (Portal Noca)

3 comentários:

  1. Tá faltando é fiscalização. Carro estacionado em lugar proibido, gente furando o semáforo, motoqueiro sem capacete. Todo mundo faz o que quer nessa cidade e nada de multa.

  1. Nunca vi uma blitz da lei seca nesse município.

  1. Lailson Ramos dos Anjos disse...:

    O cidadão em si deve ter educação no transito. Falta educação para com o trânsito. A falta de fiscalização também corrobora para o altos indice de imprudência.

Postar um comentário