Palestra na Câmara Municipal destaca contribuição de Caxias para o Brasil

20.11.19

Evento aconteceu numa parceria da Academia Sertaneja de Letras, Educação e Artes do Maranhão (Asleama) com o Poder Legislativo.

O jornalista, escritor e administrador Edmilson Sanches ministrou na noite de terça-feira (19), no plenário da Câmara Municipal, uma palestra ressaltando a contribuição do município de Caxias para o Brasil. O evento aconteceu numa parceria da Academia Sertaneja de Letras, Educação e Artes do Maranhão (Asleama) com o Poder Legislativo.

A palestra fez parte da programação de eventos da Asleama em homenagem ao filósofo e matemático caxiense Raimundo Teixeira Mendes, criador da Bandeira Brasileira, cujo dia nacional transcorreu nesse 19 de novembro. Confrades e confreiras da academia ocuparam assentos no plenário da Câmara.

"Que minhas palavras sejam de gratidão à prontidão com que esta Casa, que é a Casa do Povo, por meio do Sargento Moisés (PSD) e do vereador Catulé (PRB), atendeu ao nosso convite, convite da Casa de Teixeira Mendes, tomando todas as providências para que este momento de solenidade e de sadio orgulho ocorresse", frisou o presidente da Asleama, professor Guilherme Sousa.

Segundo Edmilson Sanches, "o passado é o presente de maior futuro de Caxias e do nosso Maranhão. Esta palestra é um tributo à inteligência, ao talento, à cultura e ao conhecimento".

Para o vereador Darlan (PHS), "nesses quase três anos na Câmara, a maior alegria que teve foi no dia quando recebeu o diploma e agora com essa palestra, trazendo tudo o que é a cidade de Caxias".

Ramos (SD) declarou ter se emocionado com a apresentação. "Você, Edmilson Sanches, é um arquivo vivo da nossa cidade. Foi uma das maiores aulas de história que já tive", afirmou o parlamentar.

Vereador Magno Magalhães (PSD) disse que saiu dali mais caxiense, mais responsável, mais humano e mais político ainda, ao rever o nosso passado glorioso e, na maioria das vezes, esquecido de forma brutal e premeditada.

Sargento Moisés, que presidiu a sessão solene, ressaltou que "a importância da Asleama para nossa cultura reside no fato de estimular o desenvolvimento da literatura no município, além de premiar os méritos dos mais destacados cultores das letras e da arte em Caxias e região".

Caxienses ilustres

O caxiense Raimundo Teixeira Mendes, além de autor da Bandeira nacional, contribuiu para a criação de diversas Leis em benefício, por exemplo, de trabalhadores, doentes mentais, menores, índios, além de ter sido o redator da Lei que fez a separação da Igreja do Estado, o que permitiu que todo brasileiro pudesse escolher sua própria religião ou até não ter uma.

Além de Teixeira Mendes, diversos outros filhos de Caxias utilizaram seu talento, tempo, esforço e outros recursos para o desenvolvimento de atividades pioneiras no Brasil em diversas áreas. Coelho Netto, conhecido como escritor, foi indicado diversas vezes ao Prêmio Nobel, foi responsável pela dignificação da capoeira como esporte e arte, além de ter sido o introdutor do cinema seriado no Brasil.

Mais do que escrever livros, filhos caxienses criaram escolas literárias, como o Indianismo, de Gonçalves Dias; o Parnasianismo, de Teófilo Dias; o Modernismo nas Artes Plásticas, com Celso Menezes. É também de Caxias Aderson Ferro, considerado "Glória da Odontologia Brasileira", autor do primeiro livro sobre a Arte Dentária no Brasil, no século 19.

Outro caxiense, João Cristino Cruz, é o criador do Ministério da Agricultura. Por sua vez, o caxiense Sinval Odorico de Moura era conselheiro do Império e administrou quatro estados (províncias). Caxienses como Carlos Gomes Leitão foram fundadores de cidades, no caso, Marabá, no Pará.

O advogado caxiense João Mendes de Almeida foi redator da Lei do Ventre Livre. Ubirajara Fidalgo, teatrólogo caxiense, foi o primeiro dramaturgo negro do Brasil. Mãe Andresa Ramos foi líder espiritual estudada por antropólogos e sociólogos e outros estudiosos de diversos países. José Murilo Martins foi médico pioneiro na implantação da Hematologia no estado do Ceará. Armando Maranhão estudou com os maiores gênios do cinema da Europa e é considerado a "Pedra Angular do Teatro Paranaense". Outro caxiense, Joaquim José de Campos Costa de Medeiros e Albuquerque foi o responsável pela realização do primeiro Censo demográfico do Brasil, em 1872, hoje realizado de dez em dez anos, como ocorrerá em 2020.

Outros nomes foram elencados por Edmilson Sanches, como demonstração da forte participação de Caxias na construção da identidade brasileira. (Ascom/CMC)

Na França, Simplício Araújo busca solução para refino de petróleo no MA

19.11.19
Reunião na sede da empresa Entrepose, em Paris, que pretende implantar refinarias de 
pequeno porte no Brasil

O Secretário da Indústria,Comércio e Energia (Seinc), Simplício Araújo e o Subsecretário, Expedito Rodrigues Júnior, encontram-se na França em uma discussão técnica que visa resolver definitivamente o processo de refino de petróleo e produção de derivados no Maranhão.


Após o fracassado projeto da refinaria premium em Bacabeira, algumas soluções já foram buscadas para tornar realidade o projeto, em virtude da localização estratégia do Maranhão, que além de ser a única saída viável para resolver o estrangulamento dos portos do sul do país, é a principal porta de entrada de combustíveis para diversos estados brasileiros.

Reunião na sede da empresa Entrepose, em Paris, que pretende implantar refinarias de 
pequeno porte no Brasil

Além disso, os portos maranhenses, contam com o melhor calado do arco norte liderados pelo Porto de Itaqui, e estão estrategicamente próximos ao golfo do México, grandes descobertas da Guiana e entre potenciais bacias petrolíferas da margem equatorial brasileira como Foz do Amazonas, Para-Maranhão e Barreirinhas.

Simplício Araújo conheceu a parceria entre o Oil Group, a Entrepose e a Axens, que pretende implantar algumas refinarias de pequeno e médio porte no Brasil nos próximos anos, uma delas, como capacidade de produção entre 20 e 30 mil barris por mês, no Maranhão.

Reunião na Axiens, empresa estatal francesa que domina umas das melhores tecnologias 
de refino de petróleo do mundo

A proposta vem sendo debatida entre o Governo do Estado, por meio da Seinc, e os representantes das empresas desde o início de 2019. “Com a visita técnica a sede da Entrepose e Axens, em Paris e ao IFPEn, instituto Francês de Petróleo e Energia, na cidade de Lyon, o próximo passo é discutir um cronograma de trabalho com os empreendedores para dar mais celeridade ao processo”, disse Simplício Araújo.

O projeto do Oil Group já está avançando no Rio de Janeiro, no Porto do Açu, em São João da Barra e será executado pela Entrepose e Axens, onde o grupo busca reproduzir a mesma estrutura no Maranhão. (Da assessoria)

Conheça a história do caxiense que criou a Bandeira Nacional Brasileira


Dia da Bandeira é comemorado anualmente em 19 de novembro.

Por Wybson Carvalho, poeta e membro da ACL.

Hoje, terça-feira, 19 de novembro, é um dia cívico consagrado à Bandeira Nacional Brasileira e é uma data importantíssima para a cidade de Caxias, pois foi um filho ilustre dessa terra que fora incumbido de idealizá-la com um cunho, eminentemente, patriótico e republicano pautado num ente tríplice de amor à Família, à Pátria e, consequentemente, à Humanidade. – “ O povo brasileiro, assim como a maioria dos povos ocidentais, acha-se, urgentemente, solicitado por duas necessidades, ambas imperiosas e que se resumem em duas palavras: Ordem e Progresso”, escrevera, em 1889, convictamente, o filósofo caxiense Raimundo Teixeira Mendes o lema da nossa Bandeira atualíssimo até aos dias atuais.

Mas, a importância de Teixeira Mendes reside na sua vigorosa e contínua atuação política, filosófica, social e religiosa, baseada nos princípios propostos pelo filósofo francês Augusto Comte, isto é, no Positivismo, em sua versão religiosa (a Religião da Humanidade). Após a proclamação da República e criação da Bandeira Nacional, Raimundo Teixeira Mendes empreendeu uma atividade de propaganda do Positivismo e de interpretação da realidade sócio-político-econômica brasileira.

Quatro dias após a proclamação, no dia 19 de novembro, Teixeira Mendes apresentou ao governo provisório, por meio do Ministro da Agricultura, o também positivista Demétrio Ribeiro um projeto de bandeira nacional republicana, em substituição ao projeto anterior, cópia servil da bandeira estadunidense (apenas com as cores trocadas). Esse projeto atualizou a bandeira imperial, mantendo o verde e o amarelo - indicando com isso a permanência da sociedade brasileira - e substituindo o brasão imperial pela esfera armilar com uma idealização do céu do dia 15 de novembro e o dístico "Ordem e Progresso" (da autoria de Augusto Comte) - indicando a evolução para um regime político aperfeiçoado e o espírito que deveria animar esse novo regime. O projeto foi prontamente aceito.

Mais tentativas e novas esperanças:a ELA não é fácil

18.11.19

Por Chico Leitoa

Chico Leitoa cuida com carinho e dedicação da
esposa, Berta Leitoa, portadora de ELA
Ao lidarmos com a literatura da esclerose lateral amiotrófica (ELA) doença degenerativa do neurônio motor, da qual dona Beta é acometida, tomamos a decisão de desafiarmos a situação associando Ciência e religião, sendo que por tudo que buscamos, a conclusão é única: estamos nas mãos de Deus. Como ele mesmo disse: faz por ti que ti ajudarei, fomos à luta. E estamos desafiando as estatísticas pois elas apontam que os portadores de ELA (uma a cada 100 mil pessoas no mundo) em geral morrem num tempo de dois a cinco anos. Os raros casos que resistem, vão para o imobilismo, traqueotomia, colostomia etc. e passam a movimentar apenas com os olhos... dependência total !

Pois bem, 10 anos e meio depois da primeira manifestação da doença, Beta ainda consegue comer mesmo com alguns engasgos, se locomover, mesmo com dificuldades, pequenas distâncias, já tendo que usar aparelho que ajuda na respiração na hora de dormir, com ajuda de Deus estamos enfrentando o grande desafio.

De 05/10 a 08/10, cumprimos mais uma etapa dessa grande batalha. Domingo 06/10 pela quarta vez fomos à missa da cura, na Igreja de Pai Santo em Santo Amaro, com Padre Eugênio Maria. 07/10 as 13 h uma avaliação com testes de espirometria com a especialista em fisioterapia de doenças do neurônio motor, Dra Celiana.

De 14:30 as 16 h, uma minuciosa consulta com Dr Pedroso. No final, apenas uma preocupação, a necessidade do uso mais intenso do bipap e uma medicação específica para fortalecer os músculos do pulmão. Mas no geral, a doença não evoluiu, ou evoluiu muito lentamente, o que já é um milagre.

Além da maratona de médicos, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, nutricionistas e vez por outra, especialistas, dona Beta, há um mês, dois dias na semana, pratica hidroginástica com leves exercícios, o que com certeza trarão efeitos positivos.

No campo da ciência, poucas novidades, apenas a esperança nos avanços do  oligonucleotídeo, já com efeitos positivos nos portadores de ELA, que tiveram origem genética, (menos de 5 % dos casos)  infelizmente não é o caso de Beta.

Nossa consulta coincidiu com o momento em que roda freneticamente na internet, um vídeo sobre um suposto tratamento da doença, a partir da indução de proteínas através de choque térmico.

Claro que é algo que faz nascer uma esperança, porém, sobre o assunto, a Associação Brasileira dos portadores de ELA, ABRELA, emitiu a seguinte nota:

“Não existem dados disponíveis na literatura vigente, comprovando que tal abordagem possa, reverter ou mesmo atenuar os danos provocados pela ELA.

Dr. Marco Orsini ressalta que a fisiopatológico das doenças citadas no vídeo (ELA, alzheimer e parkinson) é completamente diferente. Sendo assim, como seria possível o mesmo tratamento abarcar todas as doenças degenerativas? Não podemos tirar a esperança dos pacientes, mas não podemos dar informações precipitadas que possam prejudicar os tratamentos atuais.

Em relação ao vídeo apresentado, esclarecemos que toda pesquisa em ELA é bem vinda. Realmente o estudo da indução de proteína por choque térmico tem aberto novas perspectivas de entendimento e de tratamento. Entretanto, até o momento, o que foi apresentado não preenche os requisitos mínimos para que o procedimento seja considerado terapêutico.

Quanto à melhoria relatada na paciente com transtorno de movimento, qual era seu diagnóstico ?

Embora, com vídeo curto, o transtorno de movimento mais parece está relacionado a comprometimento funcional, e não orgânico.

Dr Acary de Sousa Bulle de Oliveira, alerta para o fato de que precisamos analisar as informações com parcimônia, sem prometer algo baseado em interrogações, mas também sem retirar esperanças.

Neste mesmo sentido, em pesquisa publicada recentemente, os autores (Lyon e Milliban, 2019) concluem que é necessário compreender melhor os mecanismos intra e extra celulares envolvidos nesta Técnica,  antes que esse tratamento possa ser usado com eficiência em um ambiente clínico !” ABRELA - Associação  Brasileira de Esclerose Lateral Amiotrófica (da qual somos sócios).

Claro que fomos e estamos tentados a fazer essa tentativa. Porém, estamos cautelosos, pois nossos médicos que fazem parte de um grupo seleto de estudiosos do assunto, assim recomendam e alertam para eventuais consequências.

Vamos continuar enfrentando, cuidando de dona Beta com todo o carinho e pedindo sempre ao Espírito Santo, que nos mostre o caminho da cura. E vamos conseguir apesar da ELA não ser fácil.

(Chico Leitoa é engenheiro, ex-deputado e ex-prefeito de Timon (MA)
Outubro de 2019

Começa segunda fase da vacinação contra o sarampo


Pessoas na faixa etária de 20 a 29 anos de idade são o alvo principal.

A segunda fase da Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo começa nesta segunda-feira (18) em todo o país. As pessoas, na faixa etária de 20 a 29 anos de idade, são o alvo desta etapa.

De acordo com o último boletim epidemiológico sobre sarampo do Ministério da Saúde, esta faixa etária é a que mais acumula número de casos da doença. Nos últimos 90 dias de surto ativo, foram confirmados 1.729 casos em pessoas de 20 a 29 anos.

O secretário de Vigilância em Saúde, do Ministério da Saúde, Wanderson de Oliveira, disse que um dos motivos é que esse público não tomou a vacina em nenhuma fase da vida e, se tomou, não voltou para aplicar a 2ª dose, necessária para a proteção.

Para atingir essa faixa etária, o ministério adotou algumas estratégias. Uma delas é a realização da segunda fase da campanha de vacinação em locais de grande circulação dessas pessoas. A ação será realizada em conjunto pelas três níveis de governo: federal, estadual e municipal.

Prefeitura de Caxias e Embrapa realizam treinamento para 59 agricultores familiares do 3º Distrito


A reunião técnica realizada pela Secretaria Municipal de Agricultura e Pesca em parceria com a Embrapa Meio-Norte para agricultores familiares aconteceu na manhã da última quinta-feira (14) no povoado Santa Rosa, no 3º Distrito de Caxias. O objetivo é fortalecer os laços das comunidades com os órgãos, levando conhecimentos sobre as Ações de Transferência de Tecnologias para o homem e a mulher do campo.

A programação aconteceu durante toda a manhã com palestras e entrega de sementes de feijão da espécie BRS Tumucumaque. A secretária municipal de Agricultura e Pesca, Luciana Soares, destacou a importância do Termo de Cooperação em parceria com a Embrapa. “São ações de Transferências de Tecnologias com o intuito de fortalecer a agricultura familiar. A Prefeitura de Caxias está atuante e buscando sempre parcerias para dar assistência a essas famílias”, pontuou a secretária.

Os 59 agricultores das localidades Santa Rosa, Boca da Mata, São Pedro, Aliança, Capão e Canoa, cadastrados no projeto, foram contemplados com pacotes contendo mais de 2 kg de feijão, o suficiente para plantar mil metros quadrados. Valdinar é agricultor familiar e está satisfeito com o apoio que vem recebendo da Embrapa e da Prefeitura de Caxias. “A gente vai utilizar a tecnologia na roça, e eu acredito que vai elevar muito nossa produção. Estamos aprendendo muita coisa”, disse o agricultor.

A intenção foi reverter o quadro de riscos ambientais e econômicos da agricultura familiar da região, além de diversificar a produção e, consequentemente, as fontes de renda dos produtores, atenuando, acima de tudo, os estragos e prejuízos identificados nas áreas agrícolas, como destacou o engenheiro agrônomo José Câmara. “Inicialmente fizemos um rápido levantamento para saber o que eles realmente faziam. Observamos o nível tecnológico que eles estavam utilizando e aí criamos um plano de trabalho. Fizemos vários treinamentos no plantio de feijão e criação de animais”, destacou. (Da assessoria)

Coelho Neto mostra avanços no setor de saúde pública na gestão Américo de Sousa

17.11.19

A Prefeitura de Coelho Neto tem promovido nos últimos dois anos e dez e meses de gestão uma série de investimentos em saúde pública por meio de ações estratégicas para melhoria na estrutura física e na qualidade do atendimento prestado à comunidade.

Ampliação das equipes do Programa Saúde da Família (PSF) e Núcleo de Apoio a Saúde da Família (NASF). Implantação da Planificação da Atenção Primária em Saúde e Planificação Hospitalar. No município, a Planificação da Atenção Primária em Saúde tem apresentado grandes resultados. Com isso, conseguiu-se reduzir consideravelmente a mortalidade Materna, Infantil e Fetal, nos últimos anos, e outros inúmeros avanços. O processo também foi implantado na rede hospitalar.

Realização de Seletivo público para Agentes Comunitários de Saúde com 23 vagas mais cadastro reserva; Implantação do Centro de Apoio à Pessoa com Deficiência-Centro Milca Gardênia Oliveira de Araújo; Reforma e ampliação das Unidades Básicas de Saúde São Francisco, Anil, Quiabos e Santana (algumas em andamento); Modernização predial do Centro de Atenção Psicossocial-CAPS I; Modernização, ampliação e identificação do Centro de Especialidades Odontológicas-CEO; Reforma e adequação do Centro de Imagem; Reforma e implantação da base própria do Samu; Aquisição de equipamentos hospitalares, administrativo e estrutura para todas as Unidades Básicas de Saúde; Aquisição de um equipamento de ultrassonografia com doppler; Aquisição de 05 veículos para o Programa Saúde da Família e 02 ambulâncias em parceria com o governo do estado.

Implantação do primeiro Laboratório Público Municipal; Duas novas salas cirúrgicas; 40 novos leitos climatizados, equipados e modernizados no Hospital Municipal e Maternidade e uma nova ordem de serviço foi assinada para segunda etapa de reformas.

A rede serviços dispõe atualmente de Médicos, Dentistas, Enfermeiros, técnicos em Enfermagem, Fisioterapeutas, Educadores Físicos, Nutricionistas, Fonoaudiólogos, e várias especialidades como: Pediatra, Psiquiatra, Cardiologista, Ortopedista,Ginecologista, Infectologista, Gastro/Proctologistas, Endrocnolista, dentre outros.

SOBRE DENÚNCIAS APRESENTADAS NAS REDES SOCIAIS

“Nossa equipe tem trabalhado sobremaneira para entregar à comunidade espaços dignos e atendimento respeitoso, direito de todo cidadão. Como exemplo, temos, há mais de 10 anos, a Casa de Saúde que não recebia melhorias efetivas. Não se trata, agora, de uma simples maquiagem, trata-se de dignidade. Não temos nenhum histórico de pacientes com infecções hospitalares registrado no município. A reposição de lençóis é feita de maneira regular, nosso estoque foi totalmente renovado.PRECISAMOS SER RESPONSÁVEIS PELO QUE COMPARTILHAMOS. Toda a equipe trabalha para dispensar o melhor atendimento aos coelhonetenses. Esse é o nosso foco”, destacou a secretária Ravanne Bastos.

O Prefeito Américo de Sousa segue buscando trabalhar continuamente, driblando às dificuldades e realizando investimentos como esses que visam melhorar a vida da população.

(Com informações da assessoria)

Para Sarney, crise na América Latina é ‘fenômeno das democracias pobres’


Uma hipoteca da Guerra Fria

                     Da Coluna do Sarney

O século XX foi caracterizado como o mais violento da história do Mundo Ocidental. Tivemos duas guerras mundiais, com milhões de mortos. Pensou-se que, depois da última, o mundo iria viver em paz e harmonia; mas surgiu uma nova espécie de guerra, que foi a Guerra Fria, da confrontação e da ameaça da arma nuclear. Houve o enfrentamento de duas ideologias: a comunista e a capitalista.

Na esteira da descolonização e da maior onda de democratização que já vivemos, a queda do Muro de Berlim acabou a Guerra Fria.

Mas na América ficamos com uma herança, que foi Cuba, onde continuou o embargo dos EUA — que já no meu mandato o Brasil rompeu. A Revolução Cubana procurava se exportar para toda a América Latina. Isto correspondeu ao período das ditaduras militares estimuladas e reconhecidas pelos EUA, das agitações populares e da implantação de um anarco populismo. Procurava-se destruir a autoestima nacional, estimular a luta das minorias e promover a guerra de guerrilha, coisas que foram perdendo força à proporção que o mundo se ia transformando.

O que ficou nos dias de hoje foi o fortalecimento do proletariado e a tomada de consciência da prioridade dos direitos humanos, cujas violações tornaram-se intoleráveis e impossíveis de aceitar, e uma sociedade cada vez mais inconformada com a desigualdade.

No mundo de hoje acabou-se a polarização entre duas potências — Rússia e EUA —, para uma multipolarização, com destaque maior para a China, potência científica e militar que caminha para ser a primeira economia do mundo.

Assim, esta turbulência que vive a América Latina é uma distante hipoteca da Guerra Fria, misturada a rebeliões populares do longínquo século XIX. É um fenômeno das democracias pobres, não amadurecidas e consolidadas do mundo ocidental. É o caso da Venezuela, da Nicarágua, do Peru, do Equador. Na Argentina sobrevive e ao mesmo tempo agoniza o peronismo, cuja ideologia não se sabe bem o que é, mas resiste ao tempo. O problema da Bolívia é inteiramente diferente.

Na Bolívia houve a presença de um fenômeno pessoal: Evo Morales. Ele fez um brilhante governo. Pela primeira vez o país teve um longo período de estabilidade, crescimento econômico e paz social. O Presidente Morales julgou que isso lhe assegurava perpetuar-se no poder e avaliou mal o sentimento popular. A rotatividade no poder é a base da estabilidade democrática. Ele convocou um plebiscito para ver se o povo concordava em dar-lhe um quarto mandato e o povo respondeu não. Ditatorialmente, dominando a Justiça, obteve da Corte Suprema desconhecer o veredito popular e forçou uma nova eleição, comprovadamente fraudulenta. Deu no que deu.

A Bolívia é país sofrido, instável, com uma história de expoliação de seu território, tendo sua saída para o mar cortada e passado por mais de 150 golpes militares.

Vamos esperar que volte ao caminho que vinha seguindo: democracia e crescimento. Ela merece.

Cachê do cantor de 'Caneta Azul' mais que dobra e chega a R$ 20 mil

16.11.19

Assim que começou a 'viralizar' nas redes, Manoel cobrava R$ 8 mil.

O maranhense Manoel Gomes, autor do hit ?Caneta Azul? está com os negócios em alta. O novo cantor e compositor faz shows por todo o país a um cachê de até R$ 20 mil.

A canção dele caiu no gosto popular a partir de compartilhamentos de vídeos nas redes sociais. O sucesso foi tão grande que Wesley Safadão, Neymar e Rodrigo Faro já cantaram a música.

De acordo com o colunista Leo Dias, do portal Uol, o valor do cachê do maranhense mais que dobrou em menos de um mês. Assim que começou a 'viralizar' nas redes, Manoel cobrava R$ 8 mil para se apresentar, mas toda a repercussão e a quantidade de pedidos de shows fez o cachê inflacionar. 

Hoje, os valores giram entre R$ 15 e R$ 20 mil, mas a previsão é de que eles subam ainda mais, simplesmente porque está prevista uma participação do 'Caneta Azul' em uma ação da Mega da Virada, em rede nacional, nas próximas semanas.

Agora, engana-se quem acha que a alta no cachê de Manoel Gomes afastou os contratantes. Pelo contrário! Segundo uma fonte próxima ao novo artista, a agenda de shows está fechada até o final do ano. Datas disponíveis, somente a partir de janeiro.

(Fonte: Gazetaweb)

Caxias: Realizada aula inaugural da capacitação com as 50 mulheres selecionadas pelo Programa Mais Renda Mulher


As 50 mulheres selecionadas pelo Programa Mais Renda Mulher, que visa incentivar as caxienses a terem seu próprio empreendimento, participaram da aula inaugural que ocorreu na sede do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (SENAC/Caxias). A parceria com a prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Políticas para as Mulheres, vai garantir que todas elas sejam capacitadas durante 45 h/a. O prefeito Fábio Gentil participou da abertura dos trabalhos acompanhado da secretária da pasta, Aureamélia Soares.

A capacitação vai durar um mês. Ao final, todas as mulheres serão certificadas e só então vão receber o cartão com o valor de R$ 500,00 para empreenderem em seus negócios. O recebimento do cartão ocorrerá em uma solenidade em dia ainda a ser marcado.

“A gente traz o início dos cursos, são temas que trazem como empreender, motivação, a igualdade de gênero, o empreendedorismo, para que a mulher entenda que ela tem essa capacidade” ressalta Rosy Bonfim, gerente do SENAC/Caxias.

Leidiane Barros quer melhorar o trabalho com salgados no Residencial Santa Teresinha. “Eu procurei me interessar, fiz minha inscrição. Quando saiu minha inscrição eu fiquei muito feliz, porque vai aprimorar o meu trabalho e vai ser uma renda que vai me ajudar bastante, porque eu trabalho com salgados”, diz.

Maria Iramar tem um reforço escolar no bairro Mutirão. Ela quer dar mais conforto aos alunos e melhorar o negócio.

“Esse projeto vai ajudar tanto a mim, quanto as minhas demais colegas na questão de a gente investir no que estamos trabalhando em questão de infraestrutura. Eu vou fazer uma adequação no meu estabelecimento, eu quero dar mais conforto e acessibilidade aos meus alunos, fazendo com que eles se sintam bem onde eles estão. Esse valor vai ajudar muito, porque também tem a capacitação pra gente aprender administrar o que ganha”, afirma a empreendedora.

Teresa Marques é cabeleireira e quer ampliar o leque de produtos oferecidos. “Vai ajudar muito porque eu vou me capacitar mais e vou ampliar mais meu negócio na área de depilação, massagem, cabelo”, diz.

A previsão é que a entrega dos cartões seja feita em dezembro. A expectativa é que o programa cresça ainda mais em 2020.

“Hoje estamos iniciando a capacitação do Programa Mais Renda Mulher. Eu quero parabenizar ao prefeito Fábio Gentil por essa oportunidade. Estamos iniciando este ano, 50 mulheres estão sendo contempladas e, no próximo ano, serão mais 150 mulheres que podem concorrer ao programa”, afirma a secretária Aureamélia Soares.

“As mulheres são empreendedoras, o que precisam é de uma oportunidade. Com esta parceria entre a Prefeitura de Caxias e Secretaria de Políticas para as Mulheres, nós oferecemos o Programa Mais Renda Mulher para que as mulheres coloquem seu próprio negócio e possam lutar e dar sustentabilidade às suas famílias”, afirma Fábio Gentil. (Da assessoria)

Deputado Rafael Leitoa visita reforma de escolas do estado em Timon


Na próxima semana iniciará a reforma de mais uma escola jurisdicionada à Unidade Regional da Educação (URE) Timon. Desta vez, será o Centro de Ensino Dr. João Lula, que recebeu nesta quinta-feira (14/11), o Deputado Estadual e Líder do Governo na Assembleia Legislativa, Rafael Leitoa; o Gestor da URE Timon, professor Regino Nolêto; o ex-prefeito de Timon e assessor do Senador Weverton Rocha, Chico Leitoa, e a equipe de construtores responsáveis pela obra para juntos receberem a escola, que encerrou o ano letivo hoje.

“Durante a visita conversamos com a gestão escolar e os professores sobre esta reforma e com isso, não podemos deixar de agradecer ao Secretário de Educação, Felipe Camarão, e ao Deputado Rafael Leitoa, pelo empenho e comprometimento deles em mais uma reforma em nossa Regional de Educação. Agradecemos também ao Governador Flávio Dino por esta reforma que em breve devolverá a nossa cidade mais uma Escola Digna”, disse o professor Regino Nolêto.

Ainda nesta manhã, o professor Regino e a equipe de construtores também visitaram o Centro de Ensino Anna Bernardes, que foi reformado neste ano, mas agora passará por uma ampliação para se tornar, em 2020, um centro de ensino de tempo integral.

(Da assessoria)

Prefeito Américo de Sousa realiza entrega da Praça Alfredo Vieira Neto

15.11.19

O prefeito Américo de Sousa realizou hoje, 14/11, a entrega da PRAÇA ALFREDO VIEIRA NETO aos moradores do Cruzamento da Avenida Santana com a Rua Vicente Correia Lima. O espaço, totalmente construído e reformado, proporcionará à população mais espaço de lazer, prática de atividades físicas e de convivência.

A entrega da Praça Alfredo Vieira Neto demonstra o compromisso da gestão municipal com a qualidade de vida e bem-estar da população. A Prefeitura Municipal também requalificou a Praça Tonico Couto, e está desenvolvendo ações na revitalização da Praça da Subestação.

Prefeito Américo com as filhas do Senhor Alfredo Vieira Neto, Olímpia e Malu

Na oportunidade, o prefeito Américo de Sousa agradeceu ao público que marcou presença, aos vereadores Marcos Tourinho, Júnior Santos, Luiz Ramos, Wilson Vaz, Mohabe Branco, Reginaldo Janse, ao ilustre ex-presidente da Câmara Domingos Jaques e sua filha Graça Melo, Jademil Gedeon, além das lideranças, servidores e populares que estiveram presentes.

Catulé afirma que nova instalação do Ministério Púlico deixa mais fortalecida a Cidade Judiciária de Caxias

14.11.19

Ao se pronunciar para a imprensa sobre a inauguração da nova sede do Ministério Público do Maranhão, em Caxias, na tarde dessa quarta-feira (13), o presidente da Câmara de Caxias, vereador Catulé (PRB), louvou a iniciativa do Procurador Geral de Justiça do Estado, Luiz Gonzaga Martins Coelho, por colocar mais uma célula em funcionamento no contexto da Cidade Judiciária de Caxias, que já é um complexo de edificações que aglutina, em uma só área, no bairro Campo de Belém, as mais importantes instituições ligadas ao sistema judiciário do nosso país.

Satisfeito por ter contribuído para a consolidação do empreendimento do Ministério Público Estadual em Caxias, uma vez que foi a Câmara Municipal que aprovou a solicitação da prefeitura para a doação de um terreno para a entidade, contribuindo para retirá-la das instalações modestas onde funcionava, no centro da cidade, ao lado onde esteve instalada a antiga casa da Justiça, o presidente da Câmara lembrou, em entrevista, os passos iniciais que assistiu para que a Cidade Judiciária de Caxias se tornasse hoje uma referência, não somente na região do leste-maranhense, mas em todo o interior do Estado.

"Vejo, com satisfação, que é uma Cidade Judiciária se tornando realidade, mais forte ainda. Quando ela foi idealizada, pelo então ministro-presidente do Superior Tribunal de Justiça, o caxiense Edson Vidigal, alguns levaram a proposta na gozação, e até diziam que era um sonho que não se realizava. Mas, hoje, está aqui o resultado. Além das instalações do Fórum do Tribunal de Justiça do Maranhão, do Ministério Público Federal, da Justiça Federal, da Justiça Federal do Trabalho, da Receita Federal, da Ordem dos Advogados do Brasil, enfim, dos órgão públicos que servem à sociedade brasileira, agora, nós estamos aqui recebendo o Ministério Público Estadual, uma instituição forte, instalada em prédio seguro, confortável, e isso vai fazer com que ele seja um órgão mais ágil e, portanto, em condições de oferecer um trabalho mais preciso, mais célere, a toda região do leste maranhense", afirmou na oportunidade. (Ascom/CMC)

Câmara de Vereadores entrega título de Cidadão Caxiense ao procurador Luiz Gonzaga


A Câmara Municipal de Caxias homenageou, em sessão solene realizada na noite dessa quarta-feira (13), o procurador-geral de Justiça no Maranhão, Luiz Gonzaga Martins Coelho, com o título de Cidadania Honorária Caxiense.

A iniciativa de conceder o título foi do vereador Tevi (SD), aprovada em plenário por unanimidade dos vereadores. "O motivo maior para a concessão dessa honraria deve-se ao fato do Dr. Gonzaga, logo ao assumir a Procuradoria Geral, ter se empenhado de forma absoluta para a construção do novo prédio das promotorias de justiça de Caxias. Saiba que aquela casa da cidadania foi um desejo do povo caxiense. Somos gratos por ter priorizado a construção de uma nova sede em solo caxiense em um momento de grave crise econômica", destacou o autor da proposta na sessão solene.

O procurador Luiz Gonzaga agradeceu a Câmara de Caxias pelo reconhecimento do seu trabalho no município por meio do título de Cidadania. "Hoje recebo minha segunda certidão de nascimento. Me torno filho desta terra de poetas, heróis e de homens públicos admiráveis. E se assim renasço é porque o faço amparado pelo entusiasmo e compromisso que tomo por empréstimo do Ministério Público que amo e para quem dedico esta conquista", declarou o homenageado, passando às mãos do presidente da Câmara, vereador Catulé (PRB), o seu pronunciamento escrito para registro na Casa.

A palavra foi franqueada aos vereadores presentes na sessão. O primeiro orador foi o vereador Sargento Moisés (PSD): "Nossos parabéns pela comenda tão significativa para nós, mas também para a vossa biografia e sua história de vida".

"Caxias está de braços abertos para receber a vossa excelência e a todos que querem o bem, o desenvolvimento e querem fazer uma Caxias cada vez melhor", ressaltou o vereador Mário Assunção (Cidadania).

A vereadora Thaís Coutinho (PSB) elogiou o pronunciamento do homenageado e disse que tem orgulho da Câmara conceder o título de Cidadão Caxiense a um homem que presta serviço, que cuida e protege a sociedade.

Segundo o vereador Darlan (PHS), "receber um título não é para qualquer um. A cidade de Caxias está em festa porque um filho ilustre nasceu".

Magno Magalhães (PSD) também elogiou o discurso do procurador, por enaltecer a história da cidade e personalidades caxienses, e parabenizou o vereador Tevi pela indicação do título.

Na tribuna, o prefeito de Caxias, Fábio Gentil (PRB), deixou sua homenagem. "Para mim é satisfação de ter como parceira e direcionadora a Promotoria Pública de Caxias. Sabemos reconhecer o potencial e o trabalho de cada um. Neste momento o senhor ganha o título, mas quem ganha o presente é a cidade de Caxias".

"Vossa excelência no estado do Maranhão tem demonstrado pontualidade a frente do Ministério Público, tem dado a oportunidade a todas as classe de se aproximarem do parquet do nosso estado, e isso fez com que tivesse admiração de todos os pares desta Casa. Daqui a vossa excelência sai com a sua certidão de nascimento, chancelada pela mais importante Câmara Municipal do interior do estado do Maranhão, digo com orgulho como caxiense que sou", frisou o vereador Catulé no encerramento do evento. (Ascom/CMC)

Presidida por Rafael Leitoa, Comissão Especial discute nova divisão de bacias hidrográficas no Maranhão


Por Agência Assembleia


Em reunião da Comissão Especial, Rafael Leitoa inicia discussão sobre comitês de bacia e um 
novo modelo de gestão de recursos hídricos  (Fonte: Nonato Castro)
Criada pela Resolução 776/2019, a Comissão Especial Temporária da  Assembleia Legislativa, sob a presidência do deputado Rafael Leitoa (PDT), reuniu-se, na tarde desta quarta-feira (13), na Sala da Escola do Legislativo, para discutir a nova regionalização proposta pelo Conselho Estadual de Recursos Hídricos e a ampliação de comitês de bacias hidrográficas no Estado. A reunião foi um desdobramento da audiência pública realizada no dia 6 de novembro, na Sala das Comissões, também sob a coordenação de Leitoa.

Assessorado pela consultora de Meio Ambiente da Assembleia Legislativa, Luzenice Macedo, Rafael Leitoa ouviu propostas de representantes da Secretaria Estadual de Meio Ambiente (SEMA), Uema, UFMA, FAMEM, IMESC e de outros órgãos ligados ao meio ambiente, que traçaram um diagnóstico dos problemas dos recursos hídricos no Maranhão e apresentaram propostas para serem inseridos com a alteração da Lei Complementar 167/2014.

Conforme as discussões, a nova divisão pode resultar na fixação de 16 comitês de bacias hidrográficas no Maranhão, os quais deverão ser constituídos por representantes da sociedade civil, poder público e de empresas usuárias de água.  Até o momento, apenas dois comitês foram criados. Cada um deverá atuar como uma espécie de fórum responsável pela gestão descentralizada das bacias, verificando problemas e buscando soluções.

O deputado Rafael Leitoa disse, ao final do encontro, que as discussões foram importantes para a criação dos novos comitês.  Além disso, ele afirmou que será feito uma atualização da lei complementar, colocando as novas áreas de atuação, para que se discuta, nos municípios, a criação de mais subcomitês e para que eles possam deliberar sobre suas políticas locais. Essas ações descentraliza as políticas e fortalece a preservação dos recursos hídricos no Maranhão.

A engenheira agrônoma Rita de Cássia Cunha, representante da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão- FAMEM, destacou a importância da criação de um órgão estadual exclusivo para tratar dos recursos hídricos. Ela argumentou que a Secretaria do Meio Ambiente carece de estrutura suficiente para tal demanda.

O secretário municipal de Meio Ambiente e Defesa Civil de Caxias, Pedro Marinho, fez uma enfática defesa do comitê da bacia hidrográfica e destacou que a problemática dos recursos hídricos e do meio ambiente deve ser tratada com extrema urgência por parte do poder público.

Também se manifestaram a respeito Elienê Pontes de Araújo, da Uema; Ana Cristina Fontoura, da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e secretária executiva do Conselho Estadual de Recursos Hídricos; José Raimundo Silva Filho, presidente do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Mearim e do Fórum Maranhense de Comitês, e Helen Barreto, da UFMA.

Integrante da Comissão Especial Temporária, o deputado Felipe dos Pneus (PRTB) afirmou que estava à disposição para auxiliar na montagem desse novo organograma dos comitês de bacias hidrográficas no Estado.

Ao final, o deputado Rafael Leitoa agendou, de comum acordo com os demais participantes, uma nova reunião para o próximo dia 4 de dezembro, quando os órgãos envolvidos deverão apresentar o esboço de um projeto para que ele possa encaminhar a plenário uma propositura, a ser enviada ao Poder Executivo, para as alterações necessárias na Lei Complementar 167/2014.

font

A saúde do presente, bem melhor do que a do passado

13.11.19

Por Téodulo Aragão

O Hospital Geral Municipal Gentil Filho, hoje Complexo Hospitalar Gentil Filho, após ampliação e modernização, conta com estoques de insumos e medicamentos para melhor atender a grande demanda de saúde em Caxias. Com o estado passando por dificuldades, muitas vezes a nossa rede municipal tem dado suporte tanto com insumos quanto atendimentos em especialidades como dermatologia, reumatologia, dentre outras.

O Complexo Hospitalar Gentil Filho é campeão em resolutividade de procedimentos cirúrgicos graças ao corpo clínico qualificado e especializado e aos programas de capacitação e parceria que o município tem mantido. O prefeito Fábio Gentil não mede esforços para prestar um serviço de excelência na área mais sensível para o cidadão: a saúde.

Com essa estrutura atraímos a atenção de municípios vizinhos, aos quais não podemos negar atendimento, tais como Afonso Cunha, Aldeias Altas, Buriti, Coelho Neto, Duque Bacelar, São João do Sóter, entre outros 54 municípios da macrorregião. Estes por sua vez amparam-se em nossa estrutura de saúde. E nós atendemos!

Somado a esse cenário, temos números positivos alcançados pela gestão Fábio Gentil. Fazemos exames de triagem neonatal em 400 bebês por mês com a mesma qualidade de qualquer grande cidade. Só na maternidade, antes conhecida nacionalmente e negativamente como "Maternidade da Morte", temos 276 funcionários, 2 médicos plantonistas obstetras, um retinólogo, pediatra na sala de parto, pediatra na UTI, radiologista (ultrassom 24 horas) e anestesista no plantão.

Somos o único município a gabaritar os 16 indicadores do Programa de Qualificação das Ações de Vigilância em Saúde.

Sabemos que nem tudo está perfeito, mas estamos trabalhando para melhorar, ainda mais, o que já fazemos com excelência. O que eu não aceito é alguém que trabalhou para fechar o hospital no passado, agora vir criticar o trabalho que está dando certo.

* Téodulo Aragão é coordenado de RH da Secretaria de Saúde de Caxias (MA)

Veja prefeituras que compraram veículos em esquema derrubado pelo Gaeco

Imagem meramente ilustrativa

Ao deflagrar operação contra possível organização criminosa com atuação na venda de veículos para prefeituras do Estado do Maranhão, o Ministério Público informou que pelo menos 17 gestões podem estar envolvidas no esquema.

De acordo com as investigações, os negócios eram feitos “mediante fraude e possível desvio de verbas públicas, com a participação de empresários, despachantes e servidores públicos”.

Veja abaixo a lista completa das prefeituras citadas pelo Gaeco:

Bom Lugar
Pio XII
Anapurus
Buriti
Altamira do Maranhão
Tasso Fragoso
Santa Luzia
Mirador
Vargem Grande
Afonso Cunha
Esperantinópolis
Cedral
Bequimão
Araioses
Serrano do Maranhão
Cidelândia
Santa Luzia do Paruá

Outro lado

Abaixo, nota do Detran-MA sobre o assunto:

Em relação a matéria veiculada sobre operação da Gaeco na venda de veículos para prefeituras do Maranhão, O Detran MA informa, que ainda em 2017, foram detectadas irregularidades no registro de veículos oficiais ocorridos na Ciretran de Santa Inês. O serviço foi imediatamente suspenso e feita comunicação para a Sefaz e Polícia Civil, que tomou providencias, abrindo o inquérito policial cujos desdobramentos resultaram na operação deflagrada hoje.

Em 2018 no entanto, uma funcionária da Ciretran de Santa Inês identificou nova tentativa de irregularidade, desta vez através da DANF, com o objetivo de burlar o sistema de registro no Detran MA e as alterações que haviam sido feitas para impedir as situações detectadas em 2018. Novamente foi feita a comunicação aos órgãos de fiscalização do Estado.

O Detran MA destaca que a Ciretran de Santa Inês e nenhum servidor do órgão foram alvos de investigação da Gaeco, visto que foi a denuncia da própria Ciretran, que deu início a tais investigações e que, só por meio delas, a Sefaz verificou a fraude.

O Detran MA informa ainda que todos os esforços do órgão são envidados no sentido de coibir qualquer tipo de irregularidade e para isso tem investido maciçamente em dispositivos de segurança.

(Blog do Gilberto Léda)

Distribuidora de bebidas em Caxias anuncia vaga de emprego para Analista Administrativo


Interessado deve possuir superior completo (Administração, Contábeis ou áreas afins), experiência com excel e pacote office, pró atividade, liderança e dinamismo.

A Discar Distribuidora em Caxias anunciou a abertura de vaga de emprego para Analista Administrativo. 

O interessado deve possuir superior completo (Administração, Contábeis ou áreas afins), experiência com excel e pacote office, pró atividade, liderança e dinamismo.

As inscrições devem ser feitas mediante envio de currículo no e-mail recrutamento@distbebidas.com.br ou entregar na recepção da Discar Distribuidora, que fica localizada no endereço Rodovia BR-316, 3400, no bairro Volta Redonda. (Portal Noca)

Programação do Festejo da Padroeira de Caxias 2019 é divulgada em coletiva de imprensa


Festejo ocorrerá de 29 de novembro a 8 de dezembro, dia dedicado à Nossa Senhora da Conceição.

Uma coletiva de imprensa foi realizada na manhã desta terça-feira (12) na Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição e São José com o intuito de divulgar a programação oficial do Festejo da Imaculada Conceição, Padroeira de Caxias.

Com o tema "Com a Imaculada Conceição, continuemos na missão", o festejo ocorrerá de 29 de novembro a 8 de dezembro, dia dedicado à Nossa Senhora da Conceição.

O pároco da igreja, Padre Raimundo Rios, junto à equipe organizadora do evento, fez comentários sobre o festejo e convidou a comunidade católica para participar da programação, que iniciará com uma caminhada missionária, a partir das 18h.

Ainda fazendo parte da programação, haverá uma bicicletada na manhã do dia 7 de dezembro.

O último dia de festejo começará às 7h da manhã com uma missa presidida pelo bispo diocesano, Dom Sebastião. Logo após, como já é tradição, acontecerá uma caminhada com as comunidades rurais, e por fim carreata pelas principais ruas da cidade. (Portal Noca)

CAXIAS - Vereador Mário Assunção recebe denúncias contra presidente de associação

12.11.19

Vereador Mário Assunção

Mário Assunção (Cidadania) fez uso da tribuna, na sessão de segunda-feira (11), para relatar duas denúncias recebidas pelo parlamentar em desfavor do presidente da Associação de Moradores do Povoado Santo Antônio, no 2º Distrito.

Uma denúncia tem relação com o parcelamento de lotes em comunidades assentadas, medida implementada desde o governo Temer. No Povoado Santo Antônio, o presidente da Associação estaria vendendo os lotes para favorecer compradores conforme negociações. O vereador pediu dos denunciantes um abaixo-assinado para levar ao Incra o pedido de suspensão do procedimento.

A outra denúncia diz respeito de um trator com implemento doado pelo Governo do Estado à comunidade. Segundo os denunciantes, o presidente da Associação teria uma tabela e estaria cobrando pelo uso do maquinário público. O parlamentar informou que tratará do caso junto à Secretaria de Estado da Agricultura Familiar.

"Nossa função é fiscalizar não só o prefeito ou o Estado, mas todo tipo de política pública implantada em Caxias", destacou Mário Assunção. (Ascom/CMC)