TAMANHO É DOCUMENTO? Vereador de Caxias quebra a internet ao publicar foto do “bilau” em grupo de whatsapp

17.7.17
iMAGEM É FORTE: Nudes do vereador viralizou rapidamente

Tirem as crianças da sala, pois a imagem é bastante forte.

Espera-se de um vereador, legitimado num cargo eletivo como representante do povo, ações e posturas de um... representante do povo.

Neste domingo (16/07) em Caxias aconteceu algo que, literalmente, quebrou a internet no âmbito do município.

Num grupo de whatsapp formado por secretários municipais, vereadores, jornalistas e advogados, eis que um parlamentar caxiense resolve publicar a foto de um microscópico pênis e revolta os demais membros do grupo.

“Explicação”, pede o servidor público Verner de Oliveira Aragão. “Virou foi esculhambação esse zap”, diz indignado outro membro do grupo. “Me perdoem, mas não posso ficar mais neste grupo, haja vista alguns haverem perdido a noção de responsabilidade. Ninguém merece isso”, comenta o vereador Sargento Moisés antes de sair do grupo motivado pelo ato depravado do outro membro.

Apesar da indignação da maioria, outros membros do grupo não perderam a chance para “tirar onda” com o tamanho do ‘instrumento’ postado. “Pikinininhu... desprovido”, brincou o representante de uma pizzaria  da cidade. “Domingão sem nada pra fazer... ai pahhh vou tirar foto do pinto p poder dar o zomm... kkk”, continuou ele na brincadeira.

Rapidamente o assunto viralizou no aplicativo de celular e passou para o facebook, com os prints da conversa devidamente publicados e onde se pode ver o nome do parlamentar que teria postado a badalada foto.

Além do ato imoral de compartilhar fotos intimas em um grupo denominado “Política Caxias Oficial”, o tamanho do pênis apresentado chamou a atenção, pois o mesmo, além de pequeno, é bastante desengonçado. “Tô fora! Esse aí não me representa”, comentou um internauta no facebook.

O proprietário do diminuto ‘instrumento’ rapidamente saiu do grupo de whatsapp e nem se deu ao trabalho de dar a clássica desculpa de que o celular teria sido roubado ou mesmo clonado, o que só aumentou a especulação em torno do caso.

O blog não publicará o nome do infeliz vereador em solidariedade ao mesmo, haja vista que sua situação junto ao eleitorado, principalmente o feminino, é bastante delicada.

Apesar de não revelar o nome do dito cujo, não poderia omitir que o mesmo faz parte da oposição ao prefeito Fábio Gentil na Câmara Municipal.

Na sessão desta segunda-feira, 17, espera-se um pronunciamento oficial sobre o assunto, onde o ínfimo vereador irá dar a sua versão do episódio.

Era mesmo dele? Queria impressionar alguém? Mandou para o grupo errado?

As dúvidas são muitas, mas as respostas serão conhecidas na sessão da Câmara Municipal desta segunda-feira, 17.

Hoje vai ser casa cheia...

2 comentários:

  1. Anônimo disse...:

    O que deu a sessão. Vc está em débito com seus leitores sobre o Caso 'Pikinininhu'.

  1. Anônimo disse...:

    E essa é nossa Câmara com o nível dos vereadores cada vez mais baixo, legislatura após legislatura.

Postar um comentário