Policial civil de Caxias morre afogado em piscina de sítio em Teresina

11.12.17
Aydon Aristóteles
O policial Aydon Aristóteles e Silva Fonteneles, lotado na Polícia Civil de Caxias, morreu afogado na tarde desse domingo (10) em uma piscina de um sítio, na estrada da Alegria, na zona sul de Teresina/PI. Na ocasião, a vítima participava de uma confraternização.

A perícia foi acionada para realizar os trabalhos no local e uma equipe do Instituto Médico Legal (IML) realizou a remoção do corpo, que já foi liberado para os familiares, ainda no domingo.

Segundo informações prestadas pela perícia, amigos que estavam na confraternização tentaram reanimá-lo, bem como a equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que esteve no local.

"Foi feito o exame do local, mas já estava descaracterizado, pois houve o afogamento e no momento do acidente ninguém viu, quando perceberam ele estava no fundo da piscina. Com isso, tiraram ele com a esperança de socorrê-lo e fizeram alguma manobras de ressuscitamento, mas não obtiveram êxito. Havia sangue, o corpo tinha características de que sofreu o afogamento. Havia uma pequena escoriação na cabeça e é compatível com o que disseram, pois nas manobras de tentar ressuscitá-lo, parece que ele arranhou a cabeça no chão", disse o perito Jefferson.

Conforme o diretor do IML, André Biondi, a avaliação preliminar é que Aydon foi vítima de afogamento, possivelmente associado à intoxicação exógena (álcool ou outra substância), mas só será confirmado através do exame toxicológico).

Aydon Aristóteles era casado e deixa, também, uma filha.

Fonte: Com informações do GP1

0 comentários:

Postar um comentário