Câmara aprova indicação que exige a presença de intérpretes de Libras em repartições públicas

18.7.17
A Câmara Municipal de Caxias aprovou, nesta segunda-feira (17), a indicação de autoria do vereador Magno Magalhães (PSD), que obriga toda repartição pública a inclusão de intérpretes da Língua Brasileira de Sinais (Libras).

O autor da proposta havia apresentado inicialmente, em sessão anterior, a disponibilização de intérpretes de Libras em sessões plenárias. Acatando sugestão de colegas parlamentares, Magno Magalhães alterou o projeto e estendeu a todas as repartições públicas.

A matéria segue agora para apreciação do Poder Executivo. “Espero que o nosso prefeito sancione essa lei, que vai ser muito positiva no quesito inclusão social em Caxias”, destacou o parlamentar durante o Pequeno Expediente.

Justificativa

No Brasil o número de pessoas com surdez é muito alto. De acordo com os dados populacionais coletados pelo IBGE 2000, o Brasil tem mais de 5 milhões de pessoas com problemas relacionados a surdez. A ação deste profissional é uma ferramenta riquíssima na integração e valorização dessas pessoas surdas, por isso a sua contribuição não é apenas funcionar como intérprete de Libras, mas principalmente do contato com a comunidade de deficiência auditiva. (Fonte: Ascom/Câmara Municipal de Caxias)

0 comentários:

Postar um comentário