Juiz federal Roberto Veloso é o novo presidente da Ajufe

14.4.16
O juiz federal Roberto Veloso é o novo presidente da Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe). Ele foi eleito nesta terça-feira (12/4) e ficará à frente da entidade no biênio 2016-2018. A chapa Avançar Sempre, encabeçada pelo julgador, recebeu 1.149 votos. Outros 29 associados optaram pelo voto em branco.

No pleito também foram disputadas as vagas do Conselho Fiscal da entidade, que terá como membros titulares nesses dois anos Claudio Kitner (441 votos), José Airton de Aguiar Portela (558 votos) e Marianina Galante (637 votos). Os suplentes serão Leonardo da Costa Couceiro (422 votos) e Marcelo Guerra Martins (402 votos).

O presidente eleito prometeu dedicação para que a Ajufe seja cada vez mais reconhecida e respeitada. “Iremos trabalhar e nos dedicar muito para que os juízes tenham a garantia de um tratamento respeitoso. É uma tarefa grande, por isso contamos com a união de todos os associados nessa busca.

Veloso também destacou o ambiente de união vivenciado pela Ajufe nos últimos anos, que acabou resultando na candidatura única. "Há 20 anos não acontecia uma eleição na Ajufe com uma única chapa. Isso foi um motivo de satisfação, pois mostra que a Associação está unida para enfrentar os desafios que se apresentam no futuro da carreira."

A comissão eleitoral foi integrada pelos associados Marcus Vinícius Reis Bastos, Valéria Caldi Magalhães, Otávio Henrique Martins Port, Paulo Paim da Silva e Alcides Saldanha Lima.

Novo presidente

Ex-presidente da Associação dos Juízes Federais da 1ª Região (Ajufer), Roberto Veloso graduou-se em Direito pela Universidade Federal do Piauí (1987) e tem mestrado e doutorado em Direito pela Universidade Federal de Pernambuco.

O magistrado atuou como professor adjunto da Universidade Federal do Maranhão e professor doutor do Uniceuma. Foi titular da Vara Ambiental e Agrária do Maranhão, ocupou o cargo de diretor para Assuntos da Magistratura da Associação dos Juízes Federais da 1ª Região e é membro da Comissão de Juristas encarregada de elaborar o novo Código Eleitoral.

Em seu currículo destaca-se também a participação como membro da Academia Maranhense de Letras Jurídicas e a coordenação do Curso de Especialização em Direito Eleitoral da UFMA. Antes da magistratura federal, Roberto Veloso atuou como promotor de Justiça do Maranhão e juiz dos tribunais regionais eleitorais do Piauí e do Maranhão. Com informações da Assessoria de Imprensa da Ajufe e da Ajufer.

0 comentários:

Postar um comentário