Caxias ganha 3 motos para realização do Cadastro Ambiental Rural e 35 Quintais Produtivos

27.4.16

Mais uma parceria entre a Prefeitura de Caxias e o Governo do Estado beneficia os agricultores familiares do município. Em solenidade realizada na manhã desta quarta-feira (27), na Secretaria Municipal de Agricultura, foram entregues 3 motos para o levantamento do Cadastro Ambiental Rural (CAR), além de 35 Quintais Produtivo de meio hectare para agricultores que fornecem para o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA).

Segundo o secretário de Agricultura de Caxias, Manoel Silveira, “as motos destinadas ao CAR, bem como os kits que atenderão 35 famílias, irão ajudar a alavancar mais ainda a produção local, e os produtores da zona rural que necessitem de investimento na produção”.

Na oportunidade, o prefeito de Caxias, Leo Coutinho, enfatizou a importante parceria com o Governo do Estado. “Nesse quase um ano e meio de governo Flávio Dino, desde ações pequenas a ações mais complexas, quase todo mês a zona rural de Caxias é contemplada com alguma novidade. Esse é o nosso compromisso, dizer ao homem do campo que estamos aqui do lado. E quanto mais apoio e suporte tivermos, é claro que quem ganha é a população”.

Para o homem do campo

Para o vereador Neto do Sindicato, também representando a classe de trabalhadores rurais, “o município está de parabéns por ser contemplado com mais equipamentos que visam criar e fortalecer espaços de promoção e comercialização dos produtos da agricultura familiar”.


O município de Caxias é prioritário dentro das nossas diretrizes de trabalho no desenvolvimento da agricultura familiar no Maranhão”, afirmou o secretário de Estado de Agricultura Familiar, Adelmo Soares. (Fonte: Ascom/ Prefeitura de Caxias)

2 comentários:

  1. Anônimo disse...:

    O que é que a vereadora Thays Coutinho, tá fazendo ai mesmo. O quê que ela é no jogo do bicho ai nesse meio? Só ta faltando o Daniel Coutinho.

  1. Anônimo disse...:

    Este prefeito acha que isto é vantagem inaugura ou entrega motos e ambulância se não gera emprego fecha uma coisa pra abri outra
    A pergunta é o dinheiro que fecha o outro vai pra onde seu prefeito
    Pensa que nos somos bobos fala sério né prefeito.

Postar um comentário