Rafael Leitoa confirma passividade de Alexandre Almeida como líder do governo Roseana Sarney

26.3.15
O deputado estadual Rafael Leitoa, teve uma manhã movimentada, nesta quarta (25), durante a sessão da Assembleia Legislativa. Presente na tribuna em dois momentos, Rafael fez a defesa do Hospital Alarico Pacheco, em Timon e após ser inquirido por Alexandre Almeida, voltou numa segunda participação, reforçando o discurso da sessão do dia 24 de março, onde apontou inconsistência na postura do deputado do PTN.

Rafael Leitoa rebate acusações de Alexandre 
Almeida (Fonte: JR Lisboa e Marcio Diniz/Agência AL)
Em sua primeira fala, Rafael lembrou o andamento das obras de reforma e ampliação do Hospital Alarico Pacheco, unidade estadual de saúde, que foi idealizado como hospital macrorregional no governo de Jackson Lago, mas que após o retorno de Roseana Sarney esse projeto foi deixado de lado, estando o hospital em reforma desde então. Como forma de contextualizar a deputada Andréa Murad às realidades e necessidades de Timon, Rafael informou que a cidade era preterida das ações da governadora, principalmente após a chegada de Luciano Leitoa à prefeitura.

No debate com Alexandre Almeida, Rafael viu uma tentativa de desconstrução de sua fala do dia anterior, se esvair na mesma inconsistência defendida na sessão da última terça-feira (24) e continuou a defesa das ações do grupo que pertence, bem como lembrou o deputado Alexandre de seu passado recente de passividade frente às necessidades de Timon. “As acusações que eu fiz ontem, mexeram com o deputado Alexandre, porque infelizmente o governo Roseana para Timon não apareceu”, recordou o pedetista.

Governo Flávio Dino e inclusão de Timon no mapa do Maranhão

A fala recorrente de Rafael Leitoa é que Timon voltou a fazer parte do mapa do Maranhão, já que durante todos os mandatos do grupo Sarney, bem como dos políticos ligados a ele, a exemplo de Alexandre Almeida, a cidade foi deixada de lado, principalmente nas administrações de Chico e Luciano Leitoa, adversários históricos da agonizante oligarquia.

Segundo Rafael Leitoa, enquanto o governo governador Flávio Dino, em três meses de mandato, já enviou 4 milhões e quase 16 km de asfalto, Alexandre Almeida, em período de campanha, divulgava que Roseana Sarney tinha enviado para Timon 8 km de asfaltamento, coisa que nunca aconteceu.

Não se preocupe, deputado Alexandre, nós estamos articulando junto com o governador Flávio Dino para que aquele asfaltamento seja retomado e o povo de Timon beneficiado, o povo é o mais importante, pois ficou todo esse período que ficou sem representante nesta Casa. Digo ao povo de Timon que agora, de fato, Timon tem um deputado que representa bem a nossa cidade”, finalizou Rafael Leitoa.

0 comentários:

Postar um comentário