Vitória acachapante de Zé Gentil em Caxias fortalece liderança de Fábio Gentil e deixa oposição atônita e sem rumo

9.10.18

Popularidade de Fábio Gentil impulsionou candidatura de 
Zé Gentil nestas eleições
A votação esmagadora recebida pelo candidato a deputado estadual apoiado pelo prefeito de Caxias nestas eleições, deixou seus adversários locais perplexos e sem rumo.

Nas semanas que antecederam o pleito, era comum ouvir de figuras proeminentes do grupo Coutinho que o resultado destas eleições indicaria um caminho seguro à sucessão do prefeito de Caxias. Nas análises dos integrantes do grupo Coutinho, Cleide teria mais votos que o pai do prefeito de Caxias na disputa por uma cadeira na AL e que isso pavimentaria seu nome na disputa de 2020. Quebraram a cara! A diferença pró-Zé Gentil foi de 13.142 votos em solo caxiense.

A quantidade de pick-ups hilux e saw4 estacionadas nos locais das reuniões de Cleide Coutinho em Caxias era impressionante e indicava que os ricaços da cidade estavam esperançosos por uma boa votação que pudesse garantir a eles o direito de sonhar com as benesses da Prefeitura.

Os escribas do grupo Coutinho que atuam nas redes sociais estavam a postos esperando o resultado das urnas para, a partir de uma votação de Cleide Coutinho superior a Zé Gentil, partirem para formular análises estapafúrdias projetando, desde já, um caminho fácil para a volta ao poder municipal.

No dia seguinte ao fechamento das urnas em Caxias, nenhum dos comunicadores oposicionistas se atreveu a formular nenhuma tese mirabolante sobre as eleições e muito menos fazer projeções sobre 2020, uma vez que a moral da tropa ficou bastante abalada. Nenhuma análise ‘amazonicamente’ distante da realidade foi feita para nortear o futuro político do grupo oposicionista local.

Emoção de Fábio e Zé Gentil após o resultado das urnas

Por sua vez, Fábio Gentil saiu fortalecido das urnas ao conseguir um número recorde de votos para seu candidato a deputado estadual, Zé Gentil, que teve mais de 13 mil votos frente a segunda colocada no âmbito do município.

Para se ter uma ideia do tamanho da vitória política de Fábio Gentil em Caxias, a votação recebida pelo seu pai no município foi maior que aquela obtida por Humberto Coutinho na última eleição que ele disputou, em 2014, quando conseguiu 26.414 votos para deputado estadual, sendo superado em 5.073 votos por Zé Gentil em 2018.

Já ouvi de um ex-mensalinho do grupo Coutinho que a excepcional votação obtida por Zé Gentil em Caxias deve-se ao aumento do eleitorado no município em 2018, o que é inverídico, uma vez que nas eleições de 2014 a princesa do sertão possuía 107.732 eleitores, um número distante da atualidade, que, devido a biometria, caiu para 96.420 eleitores.

Portanto, após demonstrar uma força política nunca antes vista em Caxias, o prefeito Fábio Gentil se projeta como uma das maiores lideranças do Maranhão, o que pode representar boas notícias para sua terra e uma péssima realidade para os seus opositores.

4 comentários:

  1. Anônimo disse...:

    Chora Saba Roseana não ganhou, ela tá voltando para onde ela.nao deveria volta chupa. Acabou até no senador para os Sarney kkkkkk, e se se cuida q essa prefeitura vai ter dois pra leva. Cuidado com o q diz pq pode sofrer um revés depois. Igual a sua Roseana

  1. claudio saba disse...:

    De vez em quando eu libero um comentário feito por anônimos imbecis. Esse aí, que manda eu chorar porque a "minha" Roseana não ganhou é dos mais cretinos que já pintaram por aqui. Como tem gente sem noção nesse mundo...

  1. Unknown disse...:

    Bom dia, sua analise precisa considerar também os 41% dos votos validos obtidos por Paulo Marinho Junior. Acredito que a manutenção de Fabio Gentil em 2020 passa pelo apoio do vice prefeito e primeiro suplente de Deputado Federal Paulo Marinho Junior ao atual prefeito de Caxias.

  1. Anônimo disse...:

    Ligue não Sabá, essas pessoas não insignificantes sem o dom da escrita...são jumentos...

Postar um comentário