Sistema SAF entrega mais de 6 toneladas de sementes para Projetos de Assentamentos Estaduais

18.5.16
Como parte das ações para melhorar a produção do agricultor familiar, a Secretaria de Estado da Agricultura Familiar (SAF), por meio do Instituto de Colonização e Terras do Maranhão – Iterma, entregou nesta quarta-feira (18) ao Sindicato de Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Barreirinhas (STTR) 6,5 toneladas (6.500 kg) de sementes de feijão.

As sementes vão beneficiar 1.300 famílias de assentamentos estaduais no município de Barreirinhas e auxiliar no aumento da produção de cada agricultor familiar. Foi a primeira vez que sementes foram diretamente destinadas para os Projetos de Assentamento.

A chegada das sementes foi motivo de muita satisfação tanto para a SAF e o Iterma quanto para as famílias que vão receber, elas vão poder plantar e produzir para subsistência e também para a comercialização”, explicou o diretor de Assentamento de Iterma, Levi Alves.

Em reunião com os agricultores do STTR, foram discutidas as necessidades da comunidade rural assim como o que abrange o Programa Mais Sementes. O ‘Mais Sementes’ tem como principal objetivo aumentar a renda, produtividade, qualidade das sementes de arroz, milho e feijão, e ainda, promover à população tanto produtora, quanto a consumidora, alimentos de valor elevado que combatam a insegurança nutricional e alimentar e, também, a pobreza no meio rural.

De acordo com o secretário de Agricultura Familiar, Adelmo Soares, as políticas públicas voltadas para o homem do campo só denotam que o Governo do Estado está no caminho certo. “O Governo está priorizando e dando vez ao agricultor rural, é a primeira vez que é destinada uma quantidade específica de sementes para atender as necessidades dos Projetos Estaduais de Assentamentos, um grande progresso”, disse. 

Além do diretor de Assentamento do ITERMA, Levi Alves, estava no ato de entrega das sementes, o presidente do STTR de Barreirinhas, Chico Farias, e Delegados Sindicais do município.

0 comentários:

Postar um comentário