Mudança de planos... Rubens Pereira não teria combinado com Carlos Brandão sobre convite para Fábio Gentil compor equipe do governador e afastamento do prefeito parece estar descartado

9.7.22

De fora das imagens negativas, vereador Mário Assunção captou e expôs de forma magistral
o caráter da reunião dos colegas caxienses com o governador

Quando comentei no blog na última terça-feira (05) sobre o convite feito pelo secretário estadual de Articulação Política, Rubens Pereira, para que o prefeito de Caxias Fábio Gentil integrasse a tropa de elite do governador Carlos Brandão (reveja aqui), registrei que aqueles que tivessem fé rezassem e que os descrentes se preparassem, pois teríamos mudanças na política local com a anunciada licença do gestor caxiense pelo período de 60 dias. Teódulo Aragão, presidente da Câmara, e devido a renúncia do vice-prefeito Paulo Marinho Júnior, o segundo na linha sucessória do município, assumiria interinamente o cargo de prefeito durante a ausência do titular.

Mesmo funcionando como uma espécie de capitão do time do governo do estado, assim como no futebol, Rubens Pereira tem o poder de articular e orientar a equipe durante o jogo, mas sendo a escalação dos jogadores prerrogativa exclusiva do treinador, no caso o governador Carlos Brandão.

E foi se orientando pelos resultados aferidos durante o campeonato eleitoral que o apressado convite de Pereira para o prefeito de Caxias compor a equipe não teria sido endossado pelo treinador. Amparado por pesquisas para consumo interno nada confortáveis, Brandão teria refugado a ideia do afastamento de Gentil da Prefeitura e consequente composição na sua equipe. O governador prefere Fábio no comando do município para garantir a vitória em Caxias, onde os números, pela ausência de pesquisas de opinião, não seriam nada confortáveis.

Segundo fontes do blog, o ‘desconvite’ teria sido feito durante a reunião ocorrida entre o governador e o prefeito tendo 9 vereadores como testemunhas na última quinta-feira (07) no Palácio dos Leões.

Coube ao vereador Mário Assunção capturar de forma magistral a essência e o caráter nada confortável da dita reunião da trupe caxiense com o governador. Estrategicamente de fora das imagens negativas, Mário tratou de expor apenas o que lhe conviesse, numa demonstração de que é o mais astuto da turma, o que garante o melhor e maior bocado em tudo que lhe interessa.

O titular do blog não conseguiu contato com o prefeito para confirmar a reviravolta em torno do seu afastamento. Tanto o prefeito quanto o presidente da Câmara parece que escolheram a zona rural do município para digerir o desenrolar dos acontecimentos.

O blog está aberto para os esclarecimentos do prefeito sobre o assunto e a postagem poderá ser alterada a qualquer momento.

1 comentários:

  1. Anônimo disse...:

    E quem disse quê isso somaria alguma coisa!

Postar um comentário