Novo decreto mantém suspenso comércio não essencial em Caxias até 30 de abril

21.4.20

Nesta terça-feira (21), foi publicado um novo decreto municipal que prorroga até o dia 30 de abril, o fechamento de todas as atividades comerciais e de prestação de serviços privados não essenciais. Essa é uma medida em virtude da existência de casos confirmados pelo novo coronavírus e H1N1, no município de Caxias.

De acordo com o novo decreto, as lojas de tecidos podem se manter em funcionamento, devido ser de comercialização do material de confeccionar máscaras.

Ainda conforme o decreto os bancos, as lotéricas e outras prestadoras de serviços financeiros devem disponibilizar servidores efetivos ou contratados para cumprir o limite mínimo de distanciamento de 2 metros entre as pessoas, com sinalização no solo, dentro e fora do estabelecimento, devendo evitar aglomerações e com atendimento de clientes reduzido a 50% da sua capacidade.

Os mesmos também só poderão atender e deixar adentrar nas suas agências, quem estiver usando máscara, devendo ainda disponibilizar álcool gel 70% ou outra forma de higienização, sob pena de multa e cassação do alvará de funcionamento, fora a responsabilização cível e penal.

As medidas do novo decreto poderão ser reavaliadas a qualquer momento, a depender da evolução dos casos no município.
(Portal Guanaré)

0 comentários:

Postar um comentário