Presidente da Câmara Municipal de Caxias comenta sobre ex-vereadores eleitos deputados

23.10.18

Caxias saiu bem representada nas eleições de primeiro turno no Maranhão, inclusive por políticos com passagem pelo Legislativo Caxiense. Na sessão dessa segunda-feira (22), o presidente da Câmara Municipal, vereador Catulé (PRB), comentou sobre ex-colegas de parlamento que conquistaram vaga na Assembleia Legislativa.

Pronunciamento:

“Eu dizia na sessão anterior que a nossa cidade, que era rica em representação estadual e federal, se ressentia de representantes na Câmara Alta e na Câmara Baixa do nosso país.

Mas dizia, lá muita atrás, que esta Casa, o nosso Legislativo Municipal, estava definhando também em relação a essa representatividade que tanto fez e continua fazendo falta a Caxias.

E agora eu acho que nós começamos a viver bons momentos. Ventos parecem que vêm soprando na direção da nossa cidade, senão vejamos!

Primeiro sai daqui dos assentos dessa Casa um prefeito jovem para comandar o nosso município [Fábio Gentil (PRB)]. Pela primeira vez um vereador de mandato assume o comando maior do nosso município.

Agora nós assistimos um colega também que nós tivemos a oportunidade de conviver aqui nesta Casa, que com muita maestria, com muita sabedoria, até por que ele teve dificuldades em fazer campanha na nossa cidade, se tivesse tido a oportunidade tenho certeza absoluta que teria tido uma votação muito melhor, se elege a deputado estadual.

Se elege também a deputada Cleide Coutinho (PDT), que tem representante nesta Casa, como Adelmo Soares (PC do B), bem como o prefeito tem também como representante lá no legislativo, o seu pai [Zé Gentil (PRB)], que também teve assento nesta Casa, inclusive aqui onde está este presidente.

Então acho que a nossa cidade não pode reclamar mais de representação do Legislativo Estadual, e esperar que Deus ilumine a todos para que eles façam jus a esse mandado que o povo do estado do Maranhão, e sobretudo o povo de Caxias, lhe outorgou.

Salve, salve Caxias, e a todos eles!”

Fonte: Ascom/CMC

0 comentários:

Postar um comentário