Suplente do PT, Vinícius Sabá assume mandato na Câmara Municipal de Caxias; licença de Ricardo Rodrigues é de 120 dias

20.6.22

Vinícius Sabá prestando juramento de posse na Câmara

Primeiro suplente do Partido dos Trabalhadores em Caxias, o jovem Vinícius Sabá assumiu interinamente nesta segunda-feira, 20, o mandato na Câmara de Vereadores do município. A interinidade deu-se por conta do afastamento do titular do mandato, vereador Ricardo Rodrigues, pelo período de 120 dias.

A posse do suplente aconteceu em solenidade realizada na sala da presidência da Câmara Municipal e contou com a presença da maioria dos vereadores.

Após prestar juramento de posse, Vinícius Sabá fez um pronunciamento exaltando a importância do mandato parlamentar e lembrou a militância política da sua família, que sempre manteve uma relação de amizade e respeito com o vereador Catulé. “Minha família acompanha o vereador Catulé há 30 anos, e ao assumir interinamente esse mandato, ainda encontro o vereador nesta Casa, numa demonstração de que estávamos certos na nossa escolha política”, comentou Sabá.

Demonstrando cortesia com o mais novo colega de parlamento, Catulé ressaltou que o ex-presidente Juscelino Kubitschek “conseguiu fazer 50 anos em 5 e o Vinícius pode marcar seu nome nestes 4 meses”, disse Catulé registrando ainda que o atual prefeito de Caxias, Fábio Gentil, “foi vereador pela primeira vez de forma interina, quando assumiu após licença do então vereador Bezerra”, fato ocorrido na legislatura eleita em 1996.

Tendo obtido 584 votos nas eleições de 2020, a interinidade do jovem empresário e bacharel em direito, Vinícius Sabá, é uma forma de garantir uma maior exposição e consequente valorização dos quadros do Partido dos Trabalhadores no município, que volta a ser uma das siglas com importante representação no legislativo caxiense graças a articulação do vereador Ricardo Rodrigues, que tem demonstrado saber mexer as peças certas no difícil tabuleiro da política caxiense.

0 comentários:

Postar um comentário