Williams Assunção assume Secretaria de Indústria e Comércio de Caxias

25.2.21


A Secretaria de Indústria e Comércio de Caxias conta agora com um novo titular. O engenheiro químico Williams Maranhão Assunção é o novo secretário da pasta.

Nomeado pelo prefeito Fábio Gentil no último dia 22 de fevereiro, Williams Assunção é formado em engenharia química pela Universidade Federal de Pernambuco. No currículo, coleciona ainda a gerência de contas do Banco do Brasil e a chefia do setor de química das Indústrias Assunção.

Williams Assunção foi diretor geral da Câmara Municipal de Caxias durante os últimos quatro anos, período que Catulé foi o presidente do poder legislativo, vindo daí a proximidade e provável indicação do mais novo nome do governo municipal.

A titularidade da pasta impõe um grande desafio ao seu ocupante e o sucesso da empreitada representa uma grande vitória para o município.

Com mais essa nomeação, está praticamente fechado o time do 1º escalão do governo Fábio Gentil.

Grande procura marca 1º dia de vacinação dos idosos a partir de 85 anos em Caxias

Teve início na manhã desta quinta-feira (25), e segue, de segunda à sexta das 8h às 17h, no Ginásio de Esportes Governador João Castelo, a primeira dose da vacinação contra a covid -19, direcionada somente aos idosos que tenham a partir de 85 anos de idade.

A coordenação da Vigilância Epidemiológica, reforça que é Importante lembrar que os idosos devem levar o cartão SUS, CPF, documento com foto, e comprovante de residência. Além disso, o uso de máscara, e apenas um acompanhante por idoso é permitido.

Dona Fátima, levou a mãe dela, Dioclecina para vacinar. “O momento é especial, pois desde que surgiu a possibilidade, isso era um sonho da humanidade. Era meu grande desejo, pensando na minha mãe. Me sinto mais segura, sabendo que ela já tomou a primeira dose da vacina. Não dá nem pra descrever tanta emoção” disse.

A mãe Dioclecina, disse estar feliz, se sentindo segura, e grata a Deus. Ela agradeceu a toda a equipe de saúde pela atenção com ela, e com todos que estão indo ao Ginásio de Esportes buscar a imunização.

Maria Rita, enfermeira da Vigilância Epidemiológica, lembra que manter os cuidados com uso da máscara, é de estrema importância, bem como levar a documentação, reforça ainda que, continua a vacinação dos idosos com 90 anos ou mais, e que os acamados estão sendo vacinados em suas residências.

A coordenadora da Vigilância Epidemiológica, Veronica Aragão, lembra que os idosos de 90 anos ou mais continuam a ser vacinados nesta fase, e que agora com o público maior, está sendo solicitado o comprovante de residência, pois as doses são para idosos residentes no município.

“A previsão é logo estender a novas faixas de idade, e paralelo a isso, estamos vacinando pacientes oncológicos, e pacientes de hemodiálise direto na unidade de saúde onde são atendidos, bem como, estamos seguindo com a vacinação aos profissionais de saúde” completou a coordenadora.

Até esta quinta-feira (24), das 2.466 doses da CoronaVac que chegaram ao município, haviam sido aplicadas 2.465. Já, das 2.040 doses de Oxford/AstraZeneca , 1.781 doses foram aplicadas.

2ª DOSE

Até agora, já forma aplicadas 2.333 doses da vacina CoronaVac. Das últimas 1.600, 420 já foram aplicadas em idosos, conforme dados consolidados nesta quinta-feira (24). (Da assessoria)

Idosa acima de 102 anos é vacinada em Caxias (MA) e fala sobre esperança de passar pela pandemia saudável

A Prefeitura de Caxias (MA), iniciou a vacinação no último dia 15 de fevereiro. O trabalho de uma grande equipe com 50 vacinadores está sendo realizado no Ginásio de Esportes Governador João Castelo no processo de imunização dos idosos com 90 anos ou mais.

Já em casa, seu José Alves e dona Judite estão entre os caxienses que já passaram dos 100 anos de idade, e que foram vacinados contra a covid-19. Eles fazem parte do rol de milhares e milhares de brasileiros que apostam na eficácia da vacina e na confiabilidade do trabalho dos cientistas que estão dando uma esperança aos brasileiros diante da pandemia. Ana Vitória não pensou duas vezes em levar a mãe dela para ser imunizada.

“Eu estou muito tranquila, porque a gente estava achando que a vacina seria uma coisa à longo prazo. Nós ficamos sem receber visitas por conta da minha mãe. E, agora daqui a alguns dias com fé em Deus vai estar todo mundo vacinado e a gente vai poder receber as pessoas em casa. A gente fica feliz por isso, é mais uma tranquilidade para ela. Que as pessoas não tenham receio. Há muito tempo que existe vacina. A vacina é segura, nunca se ouviu falar em efeito colateral. E, a prova está aqui, ela esta ótima graças a Deus”, lembra dona Ana Vitória, Assistente Social.

Para dona Judite de 102 anos, diz que a vacina foi uma bênção que chegou para trazer saúde. “Eu estou me sentindo bem. Eu recomendo as pessoas a tomar a vacina. Graças a Deus eu tomei e vou tomar a segunda dose no dia 11”, disse dona Judite, aposentada.

“Eu quero avisar as pessoas que possam levar com segurança as pessoas lá no Ginásio de Esportes Governador João Castelo. Lá tem uma estrutura montada para atender seu idoso. Depois da vacina você vai sentir muito mais segurança em ter as pessoas em casa”, disse Figueiredo, agente dos correios.

A Prefeitura de Caxias, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, lembra que apenas os idosos com 90 anos ou mais é que estão sendo vacinados neste primeiro momento. Até agora, das 8.572 doses das vacinas que chegaram ao município, 6.934 doses foram aplicadas. (Da assessoria)

Preocupante! Teresina atinge 100% dos leitos em hospitais públicos para pacientes com Covid-19

24.2.21

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) confirmou que os hospitais públicos de Teresina chegaram a 100% de ocupação dos leitos de UTIs destinados a pacientes com covid-19. A situação é considerada crítica pelo presidente da Fundação, Gilberto Albuquerque.

Segundo o presidente da FMS, governo e prefeitura devem instalar nas próximas horas mais 15 leitos na capital, sendo dez no Hospital Getúlio Vargas (HGV) e 5 no Hospital do Dirceu.

“Os leitos de UTIs estão 100% ocupados nos hospitais públicos. Vamos abrir agora dez leitos no HGV e cinco no Dirceu”, informou Albuquerque.

Sem UTIs, as Upas é que estão dando suporte a pacientes que dão entrada com a covid-19.

“Temos ainda as UPAs com uma reserva, as chamadas salas de estabilização”, afirmou.

Gilberto disse ainda que mostrou ao governo a situação técnica. No final da manhã de hoje, o governador Wellington Dias (PT) anunciou que vai se reunir, a partir das 18h, com os membros do Comitê de Operações Especiais (COE) ampliado para avaliar as medidas de restrições necessárias para a contenção da transmissibilidade do coronavírus no Piauí.

O governo garante que novas medidas somente serão anunciadas oficialmente após esta reunião do COE ampliado.

Ontem, o médico otorrinolaringologista Erich Gustavo já havia informado da falta de leitos de internação em Teresina após atender uma paciente com covid-19.

(Fonte: cidadeverde.com)

Governo anuncia investimentos em Educação e Turismo em Barreirinhas

22.2.21

Anúncio ocorreu durante audiência pública realizada na manhã desta segunda-feira (22).

Na manhã desta segunda-feira (22), o Governo do Maranhão, por meio das secretarias de Estado do Turismo (Setur) e da Educação (Seduc), realizou audiência pública no município de Barreirinhas para anunciar a abertura de vagas para curso de Inglês instrumental para profissionais do turismo e ouvir a população sobre a escolha de outros cursos a serem ofertados aos profissionais de turismo no município, ao longo de 2021, por meio do Programa Maranhão Profissionalizado.

Criado pelo Governo do Maranhão, o programa visa oferecer oportunidades de profissionalização a adolescentes, jovens e adultos maranhenses e fomentar a geração de emprego e renda, assim como fortalecer os potenciais econômicos locais e regionais. Para o município de Barreirinhas, a proposta é ofertar cursos de Formação Inicial e Continuada, dentro do eixo tecnológico turismo, hospitalidade e lazer.

O secretário de Estado do Turismo, Catulé Júnior, destaca que o município de Barreirinhas é extremamente abençoado por ter a maior parte do Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses em seu território e é preciso sim intensificar os investimentos em qualificação, para o desenvolvimento local. “Cursos que farão a diferença para o trade turístico e vão ampliar exponencialmente a oferta que temos trazido para a região. Além das belezas naturais, a formação e qualificação profissional é muito importante pois os turistas bem recebidos serão nossos promotores do turismo no Maranhão ”, realçou o gestor da Setur.

Na ocasião, a população escolheu os cursos de Condutor de Turismo em ambientes naturais, organizador de eventos e informações turísticas, além do curso de Inglês Instrumental, que será destinado à qualificação de condutores/guias de turismo local e tradutores de hotéis, pousadas, agências e receptivos turísticos, incluindo bolsa no valor de R$ 500,00.

“Os Lençóis Maranhenses são uma maravilha e precisamos continuar investindo para que toda essa beleza continue sendo responsável também pelo desenvolvimento local e pela geração de emprego e renda. E um dos caminhos é levar qualificação profissional, para que possamos receber nossos turistas cada vez melhor. Por isso, o governador Flávio Dino determinou a nossa vinda a Barreirinhas para lançar o Maranhão Profissionalizado e debater com a comunidade os cursos que abriremos as novas turmas”, declarou o secretário adjunto de Educação Integral e Profissional da Seduc, André Bello.

Estão previstas mais de 40 turmas ofertadas pelo Instituto Estadual de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (Iema).

Programa Destino Lençóis e Delta

Outra grande novidade é o Programa Destino Lençóis e Delta, que investirá R$ 20 milhões em obras, qualificações e ações em 8 municípios nessa primeira etapa. Será um amplo pacote com objetivo de transformar os destinos maranhenses em produtos turísticos consolidados nacional e internacionalmente, possibilitando o desenvolvimento sustentável da região.

Os polos Lençóis Maranhenses e Delta das Américas são compostos pelos municípios de Araioses, Água Doce do Maranhão, Barreirinhas, Humberto de Campos, Tutóia, Paulino Neves, Primeira Cruz e Santo Amaro.

Serão 16 obras como revitalização e construção de praças, Beira Rio, portais de entrada, instalação de sinalização turística, pontos de internet, qualificações, além de investimentos em outros eixos do programa, como artesanato, kitesurfe, lazer e segurança. (Setur/MA)

A campanha Janeiro Roxo, de prevenção à Hanseníase em Caxias (MA), se deu no período de 15 a 31 do referido mês. As demandas se deram através de avaliações realizadas nas 37 unidades básicas de saúde em demanda espontânea.

Ao todo foram avaliadas 4.713 pessoas, com 06 casos confirmados positivos para hanseníase, sendo 04 casos paucibacilares (esquema terapêutico de 06 doses o tratamento) e apenas 02 multibacilares (esquema terapêutico de 12 doses o tratamento), além de todos já iniciados no referido tratamento.

O Coordenador Municipal do Programa da Hanseníase, Cícero Rodrigues, explicou que o resultado foi muito positivo, e que janeiro foi o mês da avaliação e de sensibilização, com o chamado a este tema da hanseníase. “Este ano teve o diferencial, pois não puderam mais ir de casa em casa, como em 2020. Foram avaliadas as pessoas que buscaram as unidades de saúde. Nós sempre estamos chamando a atenção dos pacientes, sobre o seu interesse de querer passar pelo tratamento em busca da cura, e os enfermeiros tem feito este importante papel de conscientização nas unidades básicas de saúde. Vale ressaltar que, a interrupção do tratamento podem aparecer nódulos e caroços, mão em garra, pé caído, e até perda de membro” disse o coordenador.

A campanha contou com muitos profissionais envolvidos, dentre eles: 61 enfermeiros, 54 médicos, 426 agentes comunitários de saúde, além de vigias e técnicos de enfermagem de cada UBS, a Coordenação Municipal do Programa de Controle da Hanseníase e a Coordenação de Vigilância Epidemiológica. (Da assessoria)

Vara Cível de Caxias tem atividade presencial suspensa

19.2.21

A 3ª Vara Cível da Comarca de Caxias terá todas as suas atividades presenciais suspensas pelo período de 10 dias, em razão de danos ocasionados pelas fortes chuvas que atingiram a região no último dia 17. A suspensão, constante na Portaria nº 755/2021, assinada pelo juiz titular Antônio Manoel Veloso, é valida para todo tipo de atendimento a partes, advogados e membros do Ministério Público (MPMA) e da Defensoria Pública (DPE).

De acordo com o magistrado, as chuvas provocaram estragos físicos, como gotejamento, queda do forro do teto, alagamento e danos às instalações elétricas, sendo necessária a suspensão para a preservação da integridade física de servidores, advogados e dos cidadãos que buscam os serviços da Unidade. Na Portaria, ele afirma que será necessário fazer o levantamento dos estragos e adotar as medidas de reparação cabíveis, podendo haver prorrogação da suspensão.

O atendimento na Unidade já está sendo realizado de forma remota, conforme disposições do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA). Os interessados deverão apresentar suas solicitações à 3ª Vara Cível em dias úteis, entre os horários de 08h às 12h e das 14h às 18h, via e-mail institucional (vara3ci_cax@tjma.jus.br); mensagens de texto pelo aplicativo gratuito WhatsApp e videoconferência. As respostas ocorrerão em até 24 horas, salvo quando do vencimento do prazo em dia sem expediente forense, que será prorrogado para o dia útil subsequente. 

No caso das mensagens de texto, via WhatsApp, os interessados pelo atendimento devem encaminhar suas solicitações para os contatos da Secretaria Judicial (99) 98146-8591 ou da Assessora Judicial (99) 98213-3265. Para o atendimento por videoconferência, por meio da plataforma de Videoconferência do TJMA, a solicitação deverá feito previamente, também pelo aplicativo de mensagens. Após confirmação do agendamento, as informações de data é horário, além das orientações de acesso serão repassadas ao solicitante. 

Na Portaria, o magistrado também destaca que esclarecimentos sobre tramitação processual somente serão prestados às partes, seus advogados e ao membro do MPMA. Elenca, ainda, que em hipótese excepcional, para as hipóteses em que fique inviabilizado o atendimento remoto, o atendimento poderá ocorrer presencialmente. Neste caso, deverá ser observado o procedimento para o agendamento prévio, que deverá ser solicitado por e-mail ou mensagem por aplicativo, informando o número do processo, e finalidade da carga (vistas ou cumprimento de prazo para manifestação). (Da assessoria)

Trabalhadores do Centro Histórico são qualificados

Cerca de 50 profissionais que trabalham no Centro Histórico de São Luís, entre moradores e ambulantes, participaram de cursos de qualificação profissional ofertados gratuitamente pela Secretaria de Estado de Turismo (Setur), por meio do programa Mais Qualificação e Turismo. Voltados para contemplar os objetivos do Projeto de Ordenamento da Praia Grande – iniciativa que visa a ordenar a região turística integrando os profissionais e a qualidade no atendimento.

Durante dois dias, os comerciantes conheceram um pouco sobre a qualidade no Atendimento ao Turista e sobre boas práticas para manipulação de alimentos. Os cursos deram direito a certificado com carga horária de 4 horas e foram personalizados para atender ao público que trabalha com turismo na Praia Grande/Centro.

A ambulante Arlete Nascimento participou do curso de atendimento ao turista e aprendeu sobre conceitos de Atendimento, como ser criativo, e que a postura pessoal, profissional e o marketing pessoal, são essenciais para atender bem, valorizando o trabalho do dia a dia junto ao visitante.

“Além da gente conhecer mais a cidade que a gente vive, com as qualificações a gente vai poder ajudar mais o turista, pois quando eles chegam, compram nosso produto, e logo perguntar onde é uma Praça, onde é um monumento, um museu”, avalia.

Segundo o Secretário de Estado do Turismo, Catulé Júnior, o Governo do Estado através da Setur, vem capacitando cada dia mais profissionais, para que os visitantes vejam que além de belezas naturais, o Maranhão tem um povo hospitaleiro e que sabe atender bem. “A gente trabalha tanto no que diz respeito ao atendimento, como a qualidade dos serviços, pois entendemos que uma boa impressão fica e é divulgada por quem nos visita”, ressalta Catulé Júnior.

Já a vendedora ambulante, que vende água, bombons, pipocas no Reviver da Praia Grande, Maria Castro participou dos dois cursos. Ela aproveitou a oportunidade para se aperfeiçoar em “Atendimento ao Turista” e “Boas práticas na manipulação de alimentos”. “Um bom vendedor tem que saber tratar o visitante, para que ele possa se sentir bem e voltar, por isso estou buscando me qualificar, me reciclando e aprendemos algumas novidades do bom atendimento”, ressalta Maria Castro.

Prefeita Dinair Veloso participa de entrega de sementes no povoado São Roque

Os agricultores do Povoado São Roque, situado na zona Rural de Timon, receberam mais de
200 kg de sementes nesta quinta-feira (18).

A entrega foi feita pela Prefeitura de Timon, por meio de parceira com o Projeto Mais Sementes e Mudas, desenvolvido pelo Governo do Maranhão. Ao todo, foram distribuídos 130 kg de sementes de milho e 100 kg de feijão.

Seu Manoel Araujo, 78 anos, trabalha desde a adolescência na roça. Ele foi o primeiro a receber as sementes e garante que na próxima segunda-feira (22) já vai começar a plantar.

“Desde os 12 anos que estou na roça. É muito bom ver a chegada dessas sementes, logo agora que começou a chover. Vamos plantar para depois colher nosso milho e feijão”, disse o agricultor.

A prefeita Dinair Veloso realizou a entrega das sementes e destacou que a ação vai impulsionar a agricultura na região e melhorar a renda dos produtores. Uma das prioridades da gestão do município é desenvolver ações que melhorem a vida dos moradores da zona rural, como a manutenção das estradas vicinais e expansão do sistema de abastecimento de água.

“A entrega das sementes é um incentivo para potencializar aquilo que gera emprego e renda. É dessa forma que vamos trabalhar: andando e ouvindo as comunidades. Acreditem e comecem a produzir porque daqui uns dias vocês serão exemplos para outras comunidades”, disse a prefeita Dinair, orientando, ainda, que os pais agricultores incentivem os filhos a estudar. “O desenvolvimento está aqui na zona Rural. Continuem na escola, porque a educação transforma”, acrescentou a prefeita.

7 hectares de plantação 

O secretário municipal de Desenvolvimento Rural, Rodrigues Neto, explica que as sementes serão plantadas no Campo São Roque. Ao todo, serão sete hectares de área plantada.

“O campo foi todo mecanizado e a partir de segunda-feira (22) iremos enviar técnicos para o povoado para orientar na plantação”, adianta o secretário Rodrigues Neto.

A previsão é que mais povoados recebam as sementes do Projeto Mais Sementes e Mudas. No início deste mês de fevereiro, a prefeitura recebeu 1000 kg de sementes de milho e 500 kg de feijão. Todas as sementes passam por teste de germinação e só são liberadas após laudo que comprove a qualidade.

Para que os produtores rurais recebam as sementes é necessário o preenchimento de um cadastro, onde deverá ser fornecida a Declaração de Aptidão ao Pronaf – DAP e ainda a área de plantio, para que seja feita a distribuição e acompanhamento dos campos em que foram plantadas as sementes.

Cred Vip divulga nota de esclarecimento sobre assalto em empresa

18.2.21

Crime ocorreu no início da semana. 

A Cred Vip divulgou nota oficial em sua página no Facebook sobre o assalto a empresa ocorrido no início da semana:

A Cred Vip informa que na tarde dessa segunda-feira, por volta das 15h50, dois homens armados adentraram o nosso escritório, subtraindo os aparelhos celulares, notebooks e outros bens materiais presentes no local.

Comunicamos que, ao contrário do que vem sendo divulgado por outros canais, não houve nenhuma lesão dinheiro da empresa, pois todas as nossas transações financeiras são feitas somente por meios digitais.

A ação durou aproximadamente 7 minutos e todos os colaboradores se encontram bem fisicamente.

As autoridades policiais foram imediatamente acionadas.

A Cred Vip está adotando todas as providências cabíveis no fornecimento das informações necessárias a investigação, incluindo o fornecimento das imagens do circuito interno de segurança do escritório.

A Cred Vip lamenta profundamente o ocorrido e informa que revisará as medidas de segurança de que dispõe no intuito de reforça-las ainda mais.

Assessoria de imprensa

Cred Vip

Mesmo na Quarta-feira de Cinzas, Prefeitura de Caxias segue normalmente a vacinação dos idosos acima de 90 anos

A Prefeitura de Caxias (MA), por meio da Secretaria Municipal de Saúde e Vigilância Epidemiológica, segue normalmente a vacinação de idosos acima de 90 anos, nesta quarta-feira (17). A vacinação está acontecendo no Ginásio de Esportes Governador João Castelo.

“Hoje, por ser Quarta-Feira de Cinzas deu uma queda na procura, já era esperado isso, mas estamos aqui até as 17h, nem por isso vamos desanimar. A equipe está completa esperando as famílias com seus idosos para serem imunizados contra o Coronavírus”, reforça Rubenilson Luna, coordenador da Atenção Primária e Vigilância em Saúde.

Ao todo já foram vacinados 205 idosos acima de 90 anos, desde à segunda-feira (15). Os dados foram atualizados pela Coordenação da Vigilância Epidemiológica. O objetivo é imunizar 805 idosos com a vacina CoronaVac em todo o município.

Para o momento da vacinação, os idosos devem levar: RG ou Documento Oficial com foto, CPF e Carteira de Vacinação. A imunização será realizada de segunda à sexta-feira, no horário das 08h às 12h e das 13h às 17h.

“A orientação é que os idosos acima de 90 anos continuem procurando a equipe aqui no Ginásio de Esporte Governador João Castelo. É necessário que eles tragam o RG, CPF ou Cartão do SUS. Nós vamos continuar aqui até encerrar a vacinação desse público. Nós recebemos 1.600 doses, a gente deve usar o quantitativo restante em profissionais de saúde, caso ainda haja necessidade. O município ainda vai divulgar o calendário para o novo grupo de pessoas que será vacinado”, destaca Fabiana Ferreira, coordenadora municipal de Imunização.

O serviço de na modalidade Drive Thru, também está sendo oferecido, para aquelas famílias que desejam vacinar os idosos dentro do próprio automóvel sem precisar descer do carro. O trabalho de organização da estrutura para receber os idosos no Ginásio João Castelo, também está contando com a colaboração dos seguintes órgãos: SAMU, Guarda Municipal, Secretaria Adjunta de Transportes, que prepararam um circuito, a fim de organizar o fluxo de veículos dentro da área interna do Ginásio de Esportes e na área externa.

Já os idosos acamados ou impossibilitados de deslocamento ao local de vacinação, a Prefeitura de Caxias, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, informa que eles serão vacinados em seus domicílios. A família deve fazer o agendamento da vacinação na Unidade Básica de Saúde mais próxima da residência.

A Prefeitura de Caxias já vacinou profissionais de saúde da linha de frente, nas seguintes unidades: Complexo Gentil Filho, Carmosina Coutinho, Hospital Infantil, Macro Regional, UBS’s, UPA, PAM, SAMU, Hospital de Campanha (Centro Médico), profissionais de funerárias, CEO, Caps, CEAMI, Cerest, Vigilância Sanitária, APAE, Casa de Saúde/Hemodiálise, HEMOMAR, Clínicas odontológicas e outras da rede privada. Até agora a Prefeitura de Caxias recebeu 8.572 doses de vacinas, e aplicou 6.414 doses.

A Secretaria Municipal de Saúde também conta com um posto fixo de vacinação da própria sede da secretaria, para profissionais de saúde da zona rural e também rede privada. Já foram vacinados também, os idosos do Lar da Divina Providência e da residência inclusiva, por se tratarem de abrigos institucionalizados. Nessa fase, estão sendo contemplados ainda, os pacientes oncológicos e que fazem hemodiálise.

A coordenadora da Vigilância Epidemiológica lembra que o número de casos de pessoas confirmadas com a covid-19 deu uma elevada, e chama a atenção das pessoas. Até esta terça-feira (16), Caxias contava com: 6.571 casos confirmados; 5546 recuperados; 36 internações e 136 óbitos.

“Temos visto que as pessoas estão abandonando as medidas de segurança. Algumas pessoas não estão usando máscara, em bares, restaurantes, na rua mesmo. E, isso está se refletindo na quantidade de casos de pessoas contaminadas. As pessoas que estão procurando os serviços de saúde, não são casos leves. Quem está procurando o serviço de saúde, já procura para internação, ou seja, já está um paciente grave. Nossa ocupação de leitos está com quase 90% nas unidades de atendimento aos pacientes com covid-19. O que pedimos as pessoas é que usem máscaras, façam o distanciamento e usem álcool em gel. Estamos inclusive preocupados porque, não teve Carnaval, mas muitas pessoas foram para os sítios, se aglomerar e fazer Carnaval em família, entre amigos, e a gente sabe que é bem aí que mora o perigo”, frisa Verônica Aragão, coordenadora municipal de Vigilância Epidemiológica. (Da assessoria)

Batalhão de Polícia Militar de Turismo será implantado em Barreirinhas

16.2.21

Ação faz parte do programa Destino Lençóis e Delta, coordenado pela Setur.

Batalhão especializado vai ampliar ações de segurança na região (Foto: Divulgação)

O projeto de implantação do Batalhão de Polícia Militar de Turismo do polo Lençóis e Delta foi apresentado na última sexta-feira (12), em Barreirinhas. A ação faz parte do programa Destino Lençóis e Delta, coordenado pela Secretaria de Estado do Turismo (Setur), que vai destinar R$ 20 milhões em obras e ações para oito municípios inseridos nesta primeira etapa.

O secretário de Estado do Turismo, Catulé Júnior, pontuou sobre o eixo segurança turística do programa. “Priorizamos sempre a segurança e o bem-estar dos nossos visitantes. Além de conhecer nossos encantos, [o visitante] necessita se sentir seguro para visitar e indicar os nossos destinos. Trabalhamos sempre em conjunto com o BPTUR do polo São Luís e agora vamos intensificar essa parceria entre os órgãos do governo”.

O secretário de Segurança Pública, Jefferson Portela, participou da reunião e explicou mais detalhes do batalhão especializado que vai atender Barreirinhas, Atins, Primeira Cruz, Santo Amaro, Água Doce, Paulino Neves e Tutóia.

“Fizemos o pontapé de um projeto que vai se estender de forma integrada envolvendo todo o sistema de segurança pública para que possamos atuar de forma incisiva contra a criminalidade na região”, afirmou Jefferson Portela.

Na proposta apresentada, o batalhão cobrirá uma área total de 10 mil quilômetros quadrados, atendendo a uma população estimada em 229 mil habitantes, com reforço no policiamento e com a vinda de viaturas, motocicletas e outros veículos apropriados para o policiamento nessas localidades.

Turismo Seguro

Ainda no eixo de segurança do programa Destino Lençóis e Delta, técnicos da Setur estarão em Barreirinhas na próxima quinta (18) e sexta-feira (19) para apresentar diagnóstico e próximas etapas sobre o programa Turismo Seguro que vai apresentar novas recomendações para atividades turísticas da região. (Secom/MA)

Prefeitura de Caxias prepara início da vacinação de idosos a partir de 90 anos nesta segunda-feira (15)

15.2.21

Na tarde dessa sexta (12), a Coordenação da Vigilância Epidemiológica, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, reuniu com vacinadores que vão trabalhar na imunização de idosos com 90 anos ou mais. A reunião se deu no Ginásio de Esporte Governador João Castelo, ambiente onde os profissionais vão realizar a vacinação, garantindo o distanciamento social e todos os protocolos de vacinação do estado e do governo federal.

Segundo Verônica Aragão, coordenadora da Vigilância Epidemiológica, o Ginásio é um local centralizado, e garante que não terá aglomeração. “Podem ir com calma e levar seus idosos, vamos contar com 50 vacinadores que vão se revezar. É a esperança que idosos possam rever netos e idosos. E, as pessoas que tem menos idade, aguardem o período de sua vacinação”, lembra à coordenadora.

Para os vacinadores, o momento é de grande importância por se tratar de uma colaboração com a vida de outras pessoas. O vacinador Washington Walber, está animado em poder colaborar com este momento histórico. “O momento é importante na vida das pessoas, e vamos fazer esse trabalho com amor ao próximo, e responsabilidade social, levando segurança através da vacina, então estaremos aguardando os idosos na segunda feira” finalizou.

“O momento será inesquecível, uma experiência única. A ciência avançou muito, e graças a Deus chegou essa esperança de dias melhores a todos” frisa Karolaine Brito, vacinadora.

Os idosos vão receber a primeira dose da vacina CoronaVac, e 21 dias depois, vão receber a segunda dose. É importante que no momento da vacinação, os idosos estejam com os seguintes documentos: RG ou Documento Oficial com foto, CPF e Carteira de Vacinação. A imunização será realizada de segunda a sexta-feira, no horário das 08h às 12h e das 13h às 17h.

Segundo um levantamento da Coordenação Municipal da Atenção Primária, os idosos com idade a partir 90 anos cadastrados pela Rede Municipal de Saúde, somam um total de 700, somente na zona urbana. Outros 100 estão na zona rural, totalizando 800 idosos nesta faixa etária.

No Ginásio de Esportes Governador João Castelo, nesta segunda-feira (15), os profissionais também vão fazer um Drive Thru, para aquelas famílias que preferirem vacinar seus idosos dentro do próprio automóvel. Lembrando que os idosos acamados ou impossibilitados de deslocamento ao local de vacinação, serão vacinados em seus domicílios pela equipe saúde da família mais próxima, mas é importante que a família do idoso, agende a imunização. (Da assessoria)

Sarney critica veto de Bolsonaro a proibição de contingenciamento de fundo cientifico e tecnológico

14.2.21

O Caminho do Futuro

              Da Coluna do Sarney

O futuro da Humanidade não será de países grandes ou pequenos, mas daqueles que dominem tecnologia e ciência. Os outros estão condenados à colonização cultural e econômica para ter acesso aos benefícios das descobertas.

Já faz longos anos, denunciei a fuga de cérebros do Brasil, por falta de suporte mínimo para a pesquisa, e preconizei que fizéssemos um esforço para criar condições para que nossos cientistas aqui tivessem espaço para desenvolver seus trabalhos.

Presidente da República, criei o Ministério da Ciência e Tecnologia, dando aos nossos cientistas recurso e prestígio. Para se ter uma ideia, o CNPq concedeu mais bolsas em meu governo do que em todos os seus 34 anos anteriores. Com isso tivemos grandes marcos científicos, como o primeiro reator de pesquisas o domínio do enriquecimento do urânio, o primeiro acelerador linear de elétrons, o centro de construção e o primeiro laboratório de testes de satélites, o Laboratório Nacional de Luz Sincronton, o sistema de monitoramento ambiental por satélites, o desenvolvimento de novos materiais, como fibras óticas e cerâmicas de alta resistência, avanços em radar, lasers e tantas outras coisas.

A SBPC e outras instituições me homenagearam pelo que fiz. É por isso, com autoridade e responsabilidade, que me preocupo com a atual situação das pesquisas no Brasil, nesse momento decisivo em que a Humanidade, mais do que nunca, necessita delas.

Assim, tive grande satisfação com a aprovação da Lei Complementar 177/21, que definiu que o Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico – FNDCT é um fundo especial de natureza financeira, não podendo, portanto, ser objeto de contingenciamento ou sofrer limitações de qualquer espécie, a não ser a de frustração da arrecadação correspondente, e que os recursos não aplicados não estão sujeitos a anualidades, continuando disponíveis permanentemente para uso. O FNDCT é o principal alimentador da Finep, instituição essencial para o desenvolvimento da pesquisa em nosso País.

A assessoria presidencial incorreu em equívoco ao sugerir que fosse vetado justamente o dispositivo que impedia o contingenciamento de recursos. O Congresso Nacional, que aprovou a lei com votação expressiva — de 71 Senadores e 385 Deputados —, certamente vai superar esse impasse e reafirmar essa lei em sua integridade.

Nunca é demais repetir que a ciência trouxe para a Humanidade contribuições que lhe permitiram sobreviver e levantar sua qualidade de vida de uma forma que não se compara ao que os sistemas políticos jamais fizeram ou farão.

Foram e são, no entanto, os políticos os responsáveis por dar à ciência e à tecnologia as condições de responder aos grandes desafios do conhecimento, de maneira a que avanços fundamentais para a Humanidade possam continuar acontecendo. É o compromisso que o Congresso Nacional tem, neste momento.

É um apelo ao Presidente: dar prioridade aos cientistas e recursos para suas pesquisas.

Bolsonaro diz vai enviar PF ao MA e Dino rebate: “Ele confunde a PF com milícia”

13.2.21

Durante live realizada na quinta-feira (11) Jair Bolsonaro voltou a criticar o governo do Maranhão

Na noite da última quinta-feira (11), Jair Bolsonaro voltou a criticar o governo do Maranhão. Durante live presidencial realizada ele disse que usará a Polícia Federal para investigar o uso de verba pública na Secretaria Estadual de Saúde.

Ao falar sobre o Maranhão falou sobre a menor renda per capita do Brasil. “Não é à toa que é governado pelo Partido Comunista do Brasil. Onde o comunismo cresce é exatamente em cima da miséria”, enfatizou o presidente durante live.

Além disso, o presidente falou sobre o dinheiro do Governo Federal destinado Maranhão durante a pandemia. “Nós fizemos… Foi quase R$ 1 bilhão… Ou melhor R$ 300 milhões, especificamente, para leitos de UTI no estado do Maranhão. Cadê os leitos de UTI? Sumiu tudo? O secretário disse que não estamos ajudando. Pra onde foi essa grana? Acho que vou perguntar para a Polícia Federal”, destacou.

Diante disso, o governador do Maranhão, Flávio Dino rebateu em seu Twitter a posição do presidente e afirmou não ter medo de polícia nem de milícia.

Bolsonaro visita Alcântara

Bolsonaro durante visita à Alcântara no Maranhão. Foto: Reprodução/TV Brasil

Durante a sua visita a cidade de Alcântara, o presidente da República, Jair Bolsonaro falou sobre a iniciativa do governador do estado de ingressar com ação no Supremo Tribunal Federal (STF) pedindo que o governo federal cumpra suas obrigações no financiamento de leitos e Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para pacientes com covid-19 no Maranhão.

Na ocasião, Bolsonaro destacou que o governo federal destinou 109 milhões de reais para o Maranhão e ainda comentou que foram investidos R$ 1,3 bilhões na saúde do estado.

(Fonte: O Imparcial)

Prefeitura de Caxias trabalha em forma de mutirão na aplicação da 2ª dose da vacina CoronaVac

12.2.21

O município de Caxias (MA), começou nesta quarta-feira (10), a aplicar a segunda dose da vacina CoronaVac contra a covid-19.

Neste momento, estão sendo vacinados os primeiros profissionais de saúde que foram imunizados e atuam na linha de frente da pandemia.

“Sensação muito agradável, porque além da gente está seguro com a imunização, levamos essa segurança aos nossos familiares e pacientes”, disse Julia Torres, Técnica em Saúde Bucal.

A segunda dose da CoronaVac, chegou aos profissionais de saúde que atuam na linha de frente da covid-19, nas unidades hospitalares, e unidades básicas de saúde, a exemplo da UBS dos Caldeirões.

“Passamos pela primeira dose que foi muito importante, chegou no dia certo, que é 21 dias depois da primeira dose; esta segunda dose que nos deixa seguro, porque aumenta nossa imunidade contra a doença”, frisou Débora Andrade, Agente Comunitária de Saúde.

Antony Azevedo, cirurgião dentista da UBS Caldeirões, também recebeu a segunda dose da CoronaVac falou: “Sensação de alívio, esperança de poder voltar à normalidade; poder abraçar os entes queridos. Esperança também que não ocorram casos graves, e não tenhamos colapso na saúde”, destacou o cirurgião dentista. (Da assessoria)

Departamento do Patrimônio Histórico do Maranhão embarga obra em Igreja Presbiteriana no centro de Caxias

Obra na Igreja Presbiteriana em Caxias está sendo feita sem consentimento das autoridades responsáveis

Através do Departamento do Patrimônio Histórico, Artístico e Paisagístico do Maranhão, a polêmica obra na Igreja Presbiteriana no centro de Caxias foi embargada pelo órgão ligado a Secretaria estadual de Cultura.

O embargo extrajudicial é datado de quarta-feira, 10, e dá um prazo de 24 horas para que os responsáveis pela obra na igreja compareçam na sede do Departamento do Patrimônio em São Luís para tratar da regularização da mesma. Caso não compareçam, o órgão tomará as medidas cabíveis, que devem ser via medida judicial.

O órgão estadual ressalta no embargo que a medida é baseada no Decreto estadual nº 11.681 de 29 de novembro de 1990 que tombou o Centro Histórico e Arquitetônico de Caxias.

A polêmica em torno da descaracterização do prédio da Igreja Presbiteriana no centro de Caxias surgiu no início da semana nas redes sociais e ganhou destaque no Blog do Sabá.

Mesmo o assunto sendo destaque na mídia e tido uma importante manifestação do órgão municipal responsável pela preservação do patrimônio histórico, os responsáveis não paralisaram a obra e continuam com o processo de descaracterização da Igreja.

O Blog se colocou a disposição para divulgar os esclarecimentos que os representantes da Igreja Presbiteriana julgassem necessário, mas nenhum tipo de manifestação foi feita, demonstrando descaso com a opinião pública.

Alcântara ganhará novo Centro de Atendimento ao Turista

11.2.21

Em janeiro os Centros de Atendimentos aos Turistas atenderam 1.860 pessoas

Buscando atender melhor os turistas e visitantes de Alcântara, cidade histórica, que fica a uma hora de barco de São Luís, a Secretaria de Estado do Turismo (SETUR) vai abrir um novo Centro de Atendimento ao Turista (CAT) na cidade. Atualmente, o governo já dispõe de um CAT no terminal do Cujupe.

A Setur segue com a política de ampliação e qualificação dos serviços turísticos. “No mês de janeiro, os Centros de Atendimento aos Turistas (CATs) no Maranhão atenderam 1.860 pessoas. O Centro em Alcântara será mais um suporte para nossos visitantes, e servirá também como espaço de qualificação para os profissionais e de suporte ao trade local”, explica e o secretário de Estado do Turismo, Catulé Júnior.

O Centro de Atendimento ao Turista em Alcântara passará por reforma física e estrutural e contará com acessibilidade e será localizado em um ponto estratégico, no Terminal Hidroviário de Alcântara, na entrada da cidade.

O prédio, além de oferecer uma melhor acomodação para os profissionais do Turismo, será localizado em um ponto estratégico para os turistas, no Terminal Hidroviário de Alcântara, próximo ao Porto do Jacaré, na entrada da cidade.

CAT do Cujupe

Já na visita técnica ao CAT do Cujupe, a coordenadora dos CAT da Setur, Fernanda Guterres, esteve avaliando as atividades desenvolvidas no local junto a técnicos da EMAP e a gestores municipais.

(Da assessoria)

Estados e municípios fecham 2020 com o dobro de dinheiro em caixa, apontam dados de Tesouro e BC

10.2.21


Por Juliana Lima e Bianca Lima, TV Globo e GloboNews — Brasília

Apesar da pandemia do novo coronavírus, estados e municípios fecharam 2020 com quase o dobro de dinheiro em caixa em relação ao ano anterior, segundo dados do Tesouro Nacional e do Banco Central. 

De acordo com as duas instituições, o saldo de estados e municípios passou de R$ 42,7 bilhões em 2019 para R$ 82,8 bilhões, no fim do ano passado, uma alta de 94%. Trata-se da maior disponibilidade de caixa para prefeitos e governadores em ao menos 19 anos (desde 2001; veja no gráfico, mais abaixo).

Mesmo assim, é insuficiente, segundo avaliação do presidente do Comitê Nacional dos Secretários de Fazenda dos Estados e do Distrito Federal (Comsefaz), Rafael Fonteles, secretário da Fazenda do Piauí.

Segundo Fonteles, a melhora do caixa dos estados é “absolutamente transitória".

“Esse fôlego ocorreu graças a três eventos extraordinários — à transferência realizada pela União; ao pagamento do auxílio emergencial; e à suspensão da dívida dos estados. É uma melhora real, porém, passageira, absolutamente transitória. A preocupação com a situação fiscal dos estados continua”, declarou.

Ao todo, estados e municípios receberam R$ 60 bilhões em quatro parcelas, pagas entre junho e setembro, segundo os dados do Tesouro. Como contrapartida, os entes da federação ficaram proibidos de conceder reajustes salariais aos servidores até o fim de 2021.

Essas transferências foram o segundo maior gasto do governo federal no combate à Covid-19. Só ficaram atrás do auxílio emergencial, que custou R$ 293 bilhões e beneficiou quase 68 milhões de pessoas.

Além dos repasses, estados e municípios tiveram, ao longo de 2020, a suspensão do pagamento das dívidas com a União, no valor de R$ 65 bilhões. Ou seja, no total, o pacote de ajuda se aproximou dos R$ 125 bilhões.

Mas, sem a previsão de novas transferências e sem a definição de uma nova rodada de pagamento do auxílio emergencial, a situação do caixa de estados e municípios pode voltar a se deteriorar. Fonteles argumenta que os estados voltaram, a partir de 1º de janeiro, a pagar as parcelas da dívida que têm com a União.

No mês passado, o Comsefaz pediu, em carta ao Poder Legislativo, a prorrogação das medidas econômicas para o enfrentamento da segunda onda da pandemia de Covid-19.

“Nossos gastos com saúde cresceram bastante no ano passado. Com a continuidade da pandemia, com o atraso do calendário de vacina em relação ao que temos visto no resto do mundo, continuaremos gastando bastante com saúde este ano. O auxílio emergencial no ano passado gerou consumo, aumentou a arrecadação com o ICMS [Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços, estadual]. Não fosse ele não teríamos essa folga que foi observada nos números.”

CAIXA DE ESTADOS E MUNICÍPIOS

Em R$ bilhões

Melhoria da receita

Os dados do Tesouro Nacional evidenciam que o socorro da União acabou sendo mais generoso do que o necessário, como já apontavam números da Instituição Fiscal Independente (IFI), órgão atrelado ao Senado Federal.

Isso porque as arrecadações estaduais e municipais caíram bem menos do que o previsto no início da pandemia – em alguns casos, até cresceram. Dados da IFI indicam que, em alguns estados, a melhora da receita tributária chegou a superar os dois dígitos.

O grande impulsionador foi o auxílio emergencial, que alavancou o consumo e turbinou a arrecadação do ICMS, no caso dos estados, e do Imposto Sobre Serviços (ISS), no caso dos municípios.

Nesse cenário, o governo federal fechou 2020 com um rombo de R$745,3 bilhões nas contas públicas. Já estados e municípios foram na contramão e terminaram o ano com as contas positivas.

Estados querem mais ajuda

Apesar do forte crescimento do caixa, secretários de Fazenda de 18 estados se uniram no início do ano para pedir ao Congresso Nacional a prorrogação de medidas econômicas para o enfrentamento da segunda onda da pandemia.

Em carta, os membros do Comitê Nacional dos Secretários de Fazenda dos Estados e do DF (Comsefaz) solicitaram a renovação do auxílio emergencial, do estado de calamidade pública e do "orçamento de guerra" por seis meses.

Além disso, pediram a suspensão do pagamento de precatórios e a possibilidade de suspensão do pagamento de amortização e juros de dívidas com a União, bancos públicos e de operações de crédito feitas com instituições financeiras e multilaterais com aval da União por um ano.

A equipe econômica já admite renovar o auxílio emergencial, mas em uma versão mais enxuta, que atinja apenas metade dos beneficiários de 2020. E isso aconteceria dentro do Orçamento regular, tendo como contrapartida a aprovação de medidas fiscais.

Necessidade de reformas

Economistas e o próprio Tesouro Nacional alertam que, apesar do alívio momentâneo no caixa de Estados e municípios, esses governos têm registrado piora na contabilidade nos últimos anos.

O cenário tem forte relação com o aumento das despesas com o funcionalismo público – o que reforça a necessidade de reformas estruturais.

Em 2019, nove estados superaram o limite da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) para gastos com pessoal. A lei diz que os estados não podem gastar mais de 60% da receita corrente líquida com pagamentos a servidores, incluindo os da ativa e os aposentados.

Atualmente, somente o Rio de Janeiro faz parte do Regime de Recuperação Fiscal, mecanismo criado para socorrer e reestruturar as finanças dos estados em crise. Mas pelo menos outros três governos negociam adesão: Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Goiás.

Câmara de Vereadores de Caxias realiza primeira sessão e elege comissões parlamentares

Com restrição no número de espectadores no auditório do plenário, para evitar aglomerações, a Câmara Municipal de Caxias teve sua primeira sessão realizada na segunda-feira (09), de forma presencial. Todos os 19 vereadores estavam presentes.

No primeiro encontro, os legisladores  fizeram colocações sobre temas a serem discutidos, com mais profundidade, nas próximas sessões. Ainda, foi apresentado um projeto de Lei que propõe a criação do Diário Oficial da Câmara.

COMISSÕES PARLAMENTARES

Na primeira sessão ordinária de 2021 foram formadas 8 Comissões permanentes. As comissões destinam-se a examinar e emitir pareceres sobre projetos de lei que estão em tramitação na Câmara. Veja abaixo a atual composição das comissões parlamentares.

Comissão de Constituição e Justiça

Presidente: Professor Chiquinho;

Relatora: Cinthya Lucena;

Membros: Ricardo Rodrigues; suplente – Gentil Oliveira.


Comissão de Finanças, Orçamento e Economia

Presidente: Gentil Oliveira;

Relator: Ricardo Rodrigues;

Membros: Ângela Machado; suplente – Thiago Vila Nova.

 

Comissão de Infraestrutura, Saneamento, Habitação, Urbanismo, Trabalho e Serviços Públicos

Presidente: Antonione dos Santos – Torneirinho;

Relator: Uariny Cavalcante;

Membros: Charles James; suplente – Antonio Ramos.

 

Comissão de Educação, Cultura, Patrimônio, Esporte, Lazer, Ciência e Tecnologia

Presidente: Cinthya Maria Lucena;

Relator: Thiago Vilanova;

Membro: Darlan Almeida; suplente – Ângela Machado.

 

Comissão de Saúde

Presidente: Ricardo Rodrigues;

Relator: Uariny Cavalcante;

Membro: Gentil Oliveira; suplente – Luis Lacerda.

 

Meio Ambiente e Agricultura

Presidente: Antônio Ximenes;

Relator: Neuzi Queiróz – Irmã Neuzi;

Membro: Daniel Barros; suplente – Ângela Machado.

 

Comissão de Assistência Social, Direitos Humanos e Mulher

Presidente: Cinthya Lucena;

Relator: Antônio José Ximenes;

Membro: Darlan Almeida; suplente – Mario Assunção.

 

Comissão de Transporte, Comunicação, Energia, Segurança e Defesa do Consumidor

Presidente: Antonione dos Santos;

Relator: Durval Júnior;

Membro: Mário Assunção; suplente – Luis Lacerda. 

(Fonte: Portal Guanaré)

Salvador Chaves Filho morre aos 61 anos

9.2.21

Salvador Chaves Filho (no detalhe) ladeado pelos filhos e pela esposa
Silvanete

Faleceu nesta terça-feira (9), o empresário caxiense Salvador Ribeiro Chaves Filho, aos 61 anos. Há um ano lutando contra um câncer, ele esteva em sua residência em Teresina (PI) quando rompeu um vaso de uma cirurgia recente que foi submetido, teve uma hemorragia, não resistiu e veio a óbito às 10h da manhã.

Seu corpo será velado na Funerária Renascer, em Caxias, e será enterrado amanhã às 11h no Povoado Flecheiras, conforme era desejo dele.

Ele é filho de Salvador Chaves, conhecido como “Santos Chaves”, proprietário do Povoado Flecheiras, no 3º Distrito de Caxias. Nasceu e se criou no bairro Trezidela. Foi comerciante por mais de uma década e atualmente era proprietário de empresa de transporte escolar. Amante da política local, foi correligionário de importantes políticos, como vereador Catulé, ex-prefeito Humberto Coutinho (in memoriam) e do atual prefeito Fábio Gentil.

Salvador Chaves Filho deixa viúva, três filhos e dois netos. 

(Fonte: Portal Noca)