Governo do Maranhão anuncia reabertura de cinemas e descarta réveillon

17.10.20

Governador Flávio Dino deve oficializar novas flexibilizações na segunda-feira (19). Festas públicas de fim de ano foram canceladas.

Governador Flávio Dino anuncia reabertura de cinemas — Foto: Divulgação redes sociais

Nesta sexta-feira (16), o governador do Maranhão Flávio Dino (PCdoB), afirmou em entrevista coletiva que os cinemas, parques infantis e eventos de até 150 pessoas serão liberados no estado. O governador disse que o ato oficial de liberação ocorrerá na segunda-feira (19) e descartou a realização de festa pública de réveillon esse ano.

“A festa pública do governo do estado reúne centenas de milhares de pessoas e eu não vou cometer este ato por prudência. No que se refere as festas privadas maiores do que 150 pessoas, eu só posso dar a resposta em dezembro, pois vamos ver se os números estão caindo, se eles estiverem favoráveis, nós vamos flexibilizar mais”, afirmou o governador. 

Sobre a pandemia no Maranhão, Flávio Dino destacou que o estado permanece com tendências de quedas dos casos ativos, estando há 119 dias com taxa de contágio abaixo de 1.

“A vacinação pode impedir uma segunda onda no Brasil ou impedir o crescimento da onda ainda existente”, diz Flávio Dino. 

De acordo com o governador Flávio Dino, há um debate no Brasil acerca de qual e quando a vacina vai ser liberada. O Conselho Nacional de Secretários de Saúde (CONASS) pediu que o Ministério inclua a vacina do Instituto Butantan em cronograma nacional. “Não interessa de onde vem a vacina, se o órgão competente do governo brasileiro autorizar, a Anvisa, isto deve ser aplicado a população, sobretudo aos grupos mais vulneráveis”, disse o governador

Sobre os possíveis casos de reinfecção, o governador apontou que o resultado da análise genética deve sair em 3 semanas.

Ainda de segundo Flávio Dino, a segunda fase do inquérito sorológico realizado pela Secretária de Estado da Saúde (SES), começa nesta segunda-feira (19). São 5.100 pessoas testadas e segue até o dia 30 de outubro, com o resultado saindo em novembro.

“O inquérito sorológico é importante para aferir a chamada imunidade coletiva, ou seja, você ter barreiras biológicas a expansão do coronavírus. Por meio de métodos científicos, o inquérito sorológico afere mais ou menos o número de pessoas que provavelmente tiveram contato com o vírus e desenvolveram anticorpos e portanto estão mais protegidas” explicou o governador. 

Ainda durante a entrevista, o governador do Maranhão falou sobre a antecipação do 13° salário dos servidores estaduais, o pagamento será realizado no mês de outubro, com o objetivo de diminuir as aglomerações no comércio. (G1-MA)

0 comentários:

Postar um comentário