(Uma luz no fim do túnel) Professor Charles Barros pede ajuda aos caxienses para tratamento de saúde inovador

28.1.22

Portador do mal de Parkinson, professor busca recursos para custear tratamento nos Estados Unidos

Professor Charles Barros busca tratamento inovador nos Estados Unidos


Com um currículo invejável no esporte de Caxias, o professor Charles Barros da Silva é uma referência em praticamente todas as áreas que englobam torneios, campeonatos, jogos escolares e todo tipo de atividade esportiva no município. Seu nome é praticamente indissociável nessa área, seja como treinador, árbitro ou dirigente em qualquer setor que já atuou.

Sendo uma referência no esporte, Charles conseguiu uma respeitabilidade na cidade que extrapola o setor em que atua.

E é em nome desse prestígio obtido ao longo da vida que o professor conclama a sociedade caxiense para travar junto com ele uma batalha pela sua saúde.

Acometido há cerca de 10 anos com o mal de Parkinson, uma doença neurológica que consiste num distúrbio do sistema nervoso central que afeta os movimentos, incluindo tremores e que pode levar seus portadores a uma deterioração de todas as funções cerebrais, Charles Barros quer tentar um tratamento inovador e que o fez enxergar uma luz no fim do túnel na luta contra a doença.

Trata-se do “método de indução de proteínas de choque térmico”, desenvolvido pelo neurocientista brasileiro Dr. Marc Abreu, que é especializado em Termodinâmica Cerebral da Universidade de Yale, na Flórida, Estados Unidos.

Por ser um tratamento inovador, e ainda não disponível no sistema de saúde tradicional do Brasil, o professor Charles Barros está em busca de conseguir os recursos necessários para fazer o tratamento no exterior.

Para angariar esses recursos financeiros, foi criada uma vaquinha online onde qualquer um pode depositar a quantia que lhe for possível (participe aqui) ou ainda na conta: banco do brasil, ag: 124-4, cc: 23831-7 ou via pix: 327.722.203-97.

No vídeo 1, o suplente de vereador Vinicíus Sabá conclama os caxienses para participarem dessa corrente de solidariedade para que sejam angariados os recursos necessários.

No vídeo 2, reportagem da TV Guanaré conta com detalhes toda a luta do professor contra a doença e onde ele fala das suas limitações físicas em consequência da enfermidade.


Já no vídeo 3, o repórter da TV Record, André Tal, que também é portador do mal de Parkinson, se submete ao tratamento desenvolvido pelo médico brasileiro nos Estados Unidos e mostra como funciona o método de indução de proteínas de choque térmico.

Aldeias Altas: Prefeitura reúne classe cultural e empreendedores para novo alinhamento sobre novo Decreto Municipal

27.1.22

A Prefeitura Municipal de Aldeias Altas buscando as melhores formas de alinhamento junto aos empreendedores locais nos mais diferentes ramos e seguimentos culturais e artísticos convocou uma reunião com esse público para debater a respeito das medidas protetivas em relação aos rápidos avanços dos casos de COVID - 19 no Município.

O encontro foi marcado também com a finalidade de se debater a respeito do Decreto Municipal em conformidade com Governo do Estado, visando a concórdia entre ambas as partes, Poder Público e Setores Culturais.

A pedido do prefeito municipal Kedson Lima, esteve à frente da reunião:

Francisco Neto - Procurador Geral do Município;

Valber Lobato - Subprocurador Municipal;

Rosângela Almeida - Secretária Municipal de Saúde;

Batista Lopes - Secretário Municipal de Indústria, Comércio, Emprego e Renda;

Antônio Domingos (Caroço Cell) - Secretário Adjunto de Indústria, Comércio, Emprego e Renda;

Alex Rocha - Coordenador Municipal de Cultura;

Cleber Menezes - Coordenador Municipal da Vigilância em Saúde;

Nadya Beatriz Nunes Castro- Coordenadora COVID - 19.

"Estamos cientes do momento em que atravessamos, temos monitorado cada caso que surge em nosso Município, trabalhamos com responsabilidade e principalmente respeito à vida. Estamos fazendo nossa parte, pedimos encarecidamente que todos façam a sua, desde a compreensão mediante as decisões cabíveis e o cumprimento das medidas preventivas na contenção e proliferação do vírus." Destacou Kedson Lima - prefeito de Aldeias Altas. (Da assessoria)

Em meio a debate sobre apoio a Brandão, Dino e Lula reúnem-se em SP

24.1.22

(Foto: Ricardo Stuckert)

Imirante

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PSB), reuniu-se nesta segunda-feira (24) com caciques do Partido dos Trabalhadores (PT), em São Paulo.

Participaram da reunião com o socialista os ex-presidentes Lula e Dilma Rousseff e a deputada federal Gleisi Hoffmann, atual presidente nacional da sigla.

Tanto Lula, quanto Dino publicaram registros do encontro nas redes sociais.

 

Brandão – O encontro de Dino com os petistas ocorre num momento decisivo das articulações políticas no Maranhão.

Na próxima semana, o governador deve reafirmar aos partidos aliados, em reunião no Palácio dos Leões, seu apoio à pré-candidatura do vice-governador, Carlos Brandão , e levar o grupo a uma ampla aliança.

Ocorre que este ainda está filiado ao PSDB e o Dino tem trabalhado pela sua filiação ao PSB, como forma de vencer barreiras no PT e garantir ao apoio de Lula ao aliado.

A mudança de partido deve ocorrer em breve.

Prefeitura de Caxias anuncia auxilio com três parcelas para artistas em substituição ao Carnaval

A Prefeitura de Caxias (MA), por meio da Secretaria Municipal de Cultura, Esporte, Turismo, Juventude e Patrimônio Histórico anunciou na manhã de sábado (22), no Marília Eventos, o Auxílio Emergencial Artístico-cultural a todos os artistas que iriam atuar no Carnaval 2022. Com a suspensão das festividades do Carnaval, a gestão municipal propôs a concessão do auxílio por um período de três meses para assistir aos que trabalham na festa momesca de Caxias (MA), visando a preservação da vida dos caxienses devido ao agravamento da covid-19.

Para a Associação dos Músicos de Caxias (MA) prestigiar essa classe é uma atitude correta, tendo em vista que a não realização do Carnaval iria deixar esses profissionais sem recursos para manter suas famílias. O auxílio veio no momento certo.

“A classe precisa disso, vimos que o Prefeito tem uma sensibilidade e se preocupa com o amanhã, esse auxílio ajudará nesse momento em que não estamos podendo exercer nossa profissão. E, queremos agradecer ao Prefeito, Fábio Gentil, a secretária de Governo Amanda Gentil e a Deputada Estadual Daniella por este auxílio”, frisa Pedro Paixão, presidente da Associação dos Músicos.

Eu quero agradecer as nossas autoridades, esse recurso veio na hora certa. Eu vivo da música e quero parabenizar de coração mesmo”, disse Chiquinho do Violão.

“Chegou em boa hora essa ajuda, dando essa força. É a primeira cidade do Maranhão a fazer isso. O Prefeito Fábio Gentil, a Amanda Gentil e a Daniella estão de parabéns”, frisa Ivan Mariano, cantor.

“Além do auxílio, podemos ter a flexibilização do Decreto e quem sabe um Carnaval fora de época. A gestão teve um olhar sensível porque essas pessoas é que fazem a cidade”, destaca Naum Esteves, cantor.

“Quando conversamos com o prefeito Fábio Gentil e a secretária Amanda Gentil, chegamos à conclusão de que não vamos colocar as vidas das pessoas em risco. Quantas pessoas estão precisando de uma ajuda. E, esse auxílio vem dar uma qualidade de vida para a classe musical”, reforça Maciel Mourão, secretário-adjunto de Cultura.

“É uma maneira alternativa de amenizar a situação da classe artística. Essa possibilidade de ter o auxílio e de acordo com as situações, poder realizar um Carnaval fora de época mais à frente, é uma coisa importante”, disse Chico Beleza, cantor e presidente do Conselho Municipal de Cultura.

A partir de agora, a Secretaria Municipal de Cultura, Esporte, Turismo, Juventude e Patrimônio Histórico vai cadastrar os artistas locais, para que a Prefeitura de Caxias, envie um Projeto de Lei ao Legislativo caxiense, para que a Câmara Municipal autorize o pagamento do auxílio.

A solenidade contou com as presenças do prefeito de Caxias, Fábio Gentil; Léo Barata, secretário Municipal de Cultura, Esporte, Turismo, Juventude e Patrimônio Histórico e sua equipe; da secretária municipal de Governo, Amanda Gentil; a deputada estadual, Daniella, que enviará emenda parlamentar para ajudar os artistas caxienses; além de artistas locais e representantes dos Blocos e Escolas de Samba.

“Esse auxílio emergencial artístico-cultural vem ajudar o músico, que vive da noite e que atua no Carnaval. Então pensando nisso, demos essa ideia de instituir o auxílio por três meses. Nos unimos com a Associação dos Músicos para ouvi-los e construirmos o auxílio aos músicos da cidade de Caxias (MA)”, ressaltou Léo Barata, secretário municipal de Cultura, Esporte, Turismo, Juventude e Patrimônio Histórico.

“O prefeito Fábio Gentil teve a sensibilidade de se preocupar com a saúde da população e cancelou o Carnaval. Em uma conversa, vimos que os músicos precisariam ser assistidos. Hoje estamos aqui com o Prefeito Fábio Gentil e a Deputada Daniella, onde foi definido que o auxílio será destinado durante três meses para os músicos caxienses”, lembra Amanda Gentil, secretária municipal de Governo.

“É uma categoria que ficou impedida de trabalhar por conta da pandemia. A secretária Amanda Gentil se reuniu comigo e com o prefeito, para que possamos ajudar os músicos e estou destinando recursos. Conversamos com o vice-governador, Carlos Brandão e vamos auxiliar os músicos caxienses. A Prefeitura entra com uma parte e o Governo do Estado, por meio de Emenda Parlamentar entra com outra parte”, frisou a deputada estadual Daniella.

“Nós vamos conceder o auxílio para que essa classe tenha como manter suas famílias. Esse é um compromisso da Prefeitura Municipal neste momento em que a pandemia cresce. A Secretaria de Cultura fará o cadastro, independente de quem seja, basta comprovar que é músico e que trabalha na noite. Vamos definir o valor conforme o número de inscritos, mas temos o apoio da deputada Daniella e do Governo do Estado, que estão contribuindo para que mais músicos possam ser agraciados”, destaca o prefeito de Caxias, Fábio Gentil.

(Da assessoria)

Hemomar coleta quase 100 bolsas de sangue durante campanha na Câmara Municipal de Caxias

22.1.22

O Hemomar coletou 94 bolsas de sangue durante a campanha “E se fosse você?”, realizada na Câmara Municipal de Caxias. A ação aconteceu na terça-feira (18) e se estendeu até a manhã de quarta-feira (19), recebendo 134 pessoas.

“134 pessoas compareceram na Câmara com a intenção de doar. Destas, 40 não puderam doar por algum motivo, como anemia ou gripe. Sejam aos que tentaram e aos que tiveram êxito na doação, fica o nosso agradecimento. Este ato sem dúvidas ajudará a salvar muitas vidas”, afirma o diretor da Câmara de Caxias, Willemes Ferreira.

Além da divulgação realizada, a exemplo de panfletagens pela cidade, convites junto a estabelecimentos públicos e privados, a Câmara Municipal também estimulou a campanha emitindo certificados de participação aos doadores.

“Agradeço a mobilização da Câmara Municipal e a todos que ajudaram a fortalecer os estoques de sangue que abastecem a região”, diz a coordenadora do Hemúcleo de Caxias, Gisele Amorim.

Segundo o presidente da Câmara de Caxias, Teódulo Aragão (foto), “o sucesso da campanha de sangue se deve ao comprometimento dos vereadores, assessores, funcionários do legislativo e a população de modo geral, que entenderam a importância deste ato de solidariedade aos que tanto necessitam de uma bolsa de sangue”.

(Ascom/CMC)

(Buraco é mais embaixo) Proprietários de jazigos de cemitério que agora é posto de combustível se manifestam e querem esclarecimentos

21.1.22

Apesar de parecer cômico, empreendimento feito onde funcionava um cemitério possui enredo
de novela antes mesmo de iniciar suas atividades

A postagem do blog intitulada “Em Caxias, ‘morre’ um cemitério e ‘nasce’ um posto de combustível no local” (reveja aqui), deu o que falar e despertou a curiosidade de muitos por conta do inusitado e também a revolta daqueles que haviam adquirido jazigos e que lá enterraram membros de sua família.

A advogada Iêda Maria Morais procurou o titular do blog para registrar que adquiriu um jazigo no local e que lá repousam os restos mortais de um irmão. A advogada, que é ex-presidente da subseção da OAB/Caxias e também ex-delegada da Mulher no município, mostrou-se indignada com a situação e disposta a acionar o poder judiciário em busca de justiça. “Cheguei até a falar com uma pessoa que se apresentou como representante do empreendimento e solicitei que providenciassem a transferência dos restos mortais do meu irmão para outro cemitério no intuito de lhe dar o merecido descanso”, esclareceu a advogada que no entanto não recebeu retorno de tal pessoa. “Tenho toda a documentação de aquisição do jazigo”, diz ela.

A advogada também sabe da ligação familiar de outra pessoa enterrada no cemitério, que seria um irmão do ex-vereador Chocolate.

Como não foram comunicados da transferência dos restos mortais dos seus entes queridos, presume-se que os mesmos continuam e irão continuar no local, uma vez que o trabalho de terraplanagem feito na obra impossibilita a identificação e a localização dos antigos jazigos.

O caso, além de inusitado, apresenta também uma sucessão de atos estranhos.

Causa perplexidade o trâmite da documentação de compra e venda, a consequente transferência da propriedade do referido imóvel ou a mudança na razão social do empreendimento de cemitério para posto de combustível no cartório e no setor de tributação do município, afinal de contas não é todo dia que chega alguém nesses órgãos em busca de fazer esse tipo de regularização.

Infelizmente, o que parecia cômico envolve dor e tristeza de quem se vê diante de tão revoltante situação e tem todo o direito de procurar reparação judicial.

Que seja feita justiça...

Prefeitura de Aldeias Altas em parceria com o Governo do Estado divulga cursos profissionalizantes voltados aos jovens

Profissionalização, a coliga.digital é a escola online e gratuita da juventude brasileira, a Coliga tem os objetivos de incluir, conectar e fortalecer a educação dos jovens que ocorre de norte a sul do país.

Os cursos trazem uma proposta inovadora para quem deseja se profissionalizar, oferecendo uma variedade de áreas para se aprender sobre os conteúdos de forma  livre e  online e inteiramente grátis, com foco na econômica criativa, além de garantir espaços de convivência e trocas entre a juventude e o mercado de trabalho. Sim, a co.liga é um lugar de trocas, de colaboração, para opinar, ensinar e, sobretudo, aprender.

São disponibilizados 26 cursos maravilhosos, nas áreas de Artes Visuais, Design, Multimídia, Música e Patrimônio Cultural.

Se você tem entre 15 e 29 anos você está apto a se inscrever em nossos cursos, caso deseje podendo se inscrever em mais de um curso. Não perde essa oportunidade incrível.

INSCRIÇÕES NO LINK ABAIXO:

Acesse: http://coliga.digital/

Caxias inicia vacinação em crianças entre 5 e 11 anos

20.1.22

O prefeito Fábio Gentil acompanhou a abertura da vacinação de crianças entre 5 e 11 anos em Caxias. Nesta quinta-feira (20), ocorreram as primeiras imunizações no público que possui comorbidades, deficientes, indígenas e quilombolas. As primeiras cinco crianças receberam a primeira dose da vacina Pfizer, e a dose de reforço será daqui a 8 semanas. 

A vacinação do público infantil está ocorrendo no Caxias Shopping e no prédio da Câmara Municipal de Caxias. As crianças devem comparecer com seus pais ou responsáveis, portando a carteira de identidade, cartão do sus ou certidão de nascimento. 

A aplicação de vacinas em crianças em Caxias ocorre entre às 08h à 17h, de segunda a sexta-feira no Caxias Shopping e nesta sexta-feira (21) das 08h às 17h na Câmara Municipal de Caxias.  

Fábio Gentil destacou o início da vacinação: “Há exatamente um ano nós estávamos recebendo as primeiras doses da vacina contra a covid-19. Hoje iniciamos a vacinação das nossas crianças. Eu tenho dito, fazer pelo meu filho é fazer por mim 10 vezes. Essa alegria está estampada em nosso rosto. A imunização vai permitir que as crianças voltem às aulas com todas precauções. Estamos fazendo o nosso papel e, o nosso compromisso em saber que o dever está sendo cumprido. Serão 22 mil crianças que vão receber as doses da vacina em nossa cidade".

(Quando a vida imita a arte) Em Caxias, ‘morre’ um cemitério e ‘nasce’ um posto de combustível

Mesmo inaugurado, cemitério morre e nasce um posto de combustíveis no local, numa
reviravolta digna da obra de Dias Gomes 

O ditado popular “se a vida te der limões, faça uma limonada” foi levado a um nível altíssimo em Caxias.

Com a proliferação de postos de combustíveis abertos recentemente na cidade, tem um que tem chamado a atenção pelo inusitado local que está sendo edificado.

Trata-se da obra onde antes era o “Jardim Nova Vida”, um cemitério localizado no bairro Itapecuruzinho, bem em frente ao ‘concorrente’ cemitério da Olaria e que está dando lugar a outra atividade comercial, um impressionante posto de combustível.

Para quem não lembra, o cemitério Jardim Nova Vida seguia o padrão dos grandes empreendimentos desse segmento, com capela, área arborizada e consequente comercialização dos jazigos.

O ano de lançamento do negócio foi 1998, mas após alguns meses, e como as vendas não deslanchavam, eis que surge a ideia de se fazer uma ‘inauguração’ do empreendimento. Mas como inaugurar um cemitério? Logicamente com um defunto.

Rapidamente a equipe de vendas abandona a comercialização e passa a fazer plantão nos hospitais em busca do candidato para o ato inaugural.

Após 5 dias, numa saga que lembrava o personagem Odorico Paraguaçu, da inesquecível novela O Bem Amado, que passou toda a sua administração tentando inaugurar o cemitério de Sucupira, eis que surge uma humilde família sem condições financeiras para o funeral e que topa inaugurar o cemitério desde que não tivessem que desembolsar um único centavo.

Negócio fechado, os familiares e conhecidos se dirigem para inaugurar o Jardim Nova Vida num funeral onde não faltou nem a tradicional cachaça para os amigos do saudoso defunto.

Após a inauguração, outros 2 indigentes foram sepultados no outrora promissor primeiro cemitério particular de Caxias, mas que no ano seguinte encerrou as atividades, uma vez que o empreendimento não vingou.

Apesar de não ter ido adiante, passaram-se mais de 20 anos com o terreno do cemitério sem nenhuma utilidade, haja vista que lá repousam os restos mortais de 3 almas bondosas e ninguém iria construir ali uma residência, uma loja ou mesmo um supermercado, pois é senso comum a inviolabilidade de tal área.

Nada disso.

Talvez apostando no esquecimento de autoridades, e da sociedade, o falido cemitério está dando lugar a um vistoso posto de combustíveis.

De propriedade de empresários de Teresina, o titular do Blog não conseguiu contato com os proprietários para saber o destino dos restos mortais daqueles que ali esperavam repousar eternamente.

Caso não tenha sido feita a remoção dos cadáveres, o que é difícil acreditar, espera-se muita reza para que essas almas não venham a trazer má sorte para o empreendimento.

Aleluia!!!

Deputada Daniella desmente fake news envolvendo seu nome

19.1.22

As assessorias da deputada, do prefeito de Caxias, Fábio Gentil, Amanda Gentil e ainda procuradoria da Prefeitura de Caxias entrarão com ações judiciais contra pessoas que de forma irresponsáveis, publicaram fake news difamando e agredindo de forma caluniosa.

A Polícia Rodoviária Federal emitirá nota informando que o veículo nunca esteve em Caxias e nem tinha como destino o município. Abaixo, a nota de esclarecimento:

 

(Blog do Daniel Matos)

Aldeias Altas ganha Sala do Empreendedor em parceria com o Sebrae

Dia histórico para o empreendedorismo do município, pois Aldeias Altas ganha a Sala do Empreendedor, estrutura ligada à Prefeitura em parceria com o @sebraemaranhao .

A inauguração da Sala do Empreendedor aconteceu na ultima sexta-feira (14) e contou com a presença do prefeito Kedson Lima (PL), secretários, vereadores e a equipe técnica do Sebrae.  

A sala, que fica localizada na Escola de Música Gonçalves Dias, é um espaço com o objetivo de permitir a desburocratização no atendimento ao empreendedor, assegurando a entrada única de dados, centralizando atendimento com a intenção de estimular a formalização dos empreendedores e facilitar os processos de Abertura; Alteração e Baixa das Empresas, em conformidade com a Lei Geral da Micro e Pequena Empresa.

Mais - Essa conquista, na opinião do prefeito Kedson Lima, vai contribuir muito para fomentar o empreendedorismo e a geração de novos negócios. "O empreendedorismo é uma das melhores formas de se gerar emprego e renda. Com a Sala do Empreendedor, em conjunto com o Sebrae, iremos proporcionar aos aldeias-altenses, nesse primeiro momento, capacitação e possibilidades para pessoas que não tem como garantir seu sustento devido a pandemia", avalia o gestor. (Da assessoria

Delegada foi presa em São Luís acusada de favorecer jogos de azar

18.1.22

A delegada Sarah Bomfim e um investigador da Polícia Civil do Maranhão (PC-MA), que não foi identificado, foram presos, nesta segunda-feira (17), suspeitos de favorecerem um esquema criminoso de jogos de azar em bairros de São Luís.

Os mandados de prisão foram expedidos e cumpridos pela Superintendência de Prevenção e Combate à Corrução (Seccor). O g1 entrou em contato com a Polícia Civil para obter mais informações sobre a operação, mas a corporação ainda não havia se manifestado até a publicação desta reportagem.

Em nota, a Secretaria de Segurança Pública do Maranhão (SSP-MA) informou que a operação segue em sigilo para tentar identificar outros suspeitos.

Sarah Bomfim é delegada titular do 13º Distrito do bairro Cohatrac, na capital maranhense.

(Do G1 MA)

Câmara Municipal de Caxias realiza panfletagem para incentivar doação de sangue

15.1.22

Funcionários da Câmara Municipal de Caxias (CMC) e assessores dos vereadores realizaram, na tarde desta sexta-feira (14), panfletagens na cidade com o objetivo de chamar atenção para os baixos estoques de sangue, bem como para a importância da doação. A ação faz parte da campanha “E se fosse você?”, fruto da parceria do legislativo municipal com o Hemomar.

“A panfletagem é para a população ter conhecimento da campanha e se preparar há tempo para doar. Vivemos ainda uma pandemia, momento em que o mundo precisa de mais solidariedade. Um gesto simples como esse pode salvar inúmeras vidas”, explica Gracy Viana, secretária da CMC, lembrando quem as doações de sangue acontecerão na próxima terça-feira (18), das 08h às 16h, na sede da Câmara Municipal.

Quem pode doar?

Podem doar sangue pessoas entre 16 e 69 anos de idade e que estejam pesando mais de 50 kg. Além disso, é preciso apresentar documento oficial com foto e menores de 18 anos só podem doar com consentimento formal dos responsáveis.

Pessoas com febre, gripe ou resfriado, diarreia recente, grávidas e mulheres no pós-parto não podem doar temporariamente.

O procedimento para doação de sangue é simples, rápido e totalmente seguro. Não há riscos para o doador, porque nenhum material usado na coleta do sangue é reutilizado, o que elimina qualquer possibilidade de contaminação.

Requisitos para doar sangue

Estar com bom estado de saúde e seguir os seguintes passos:

Estar alimentado. Evite alimentos gordurosos nas 3 horas que antecedem a doação de sangue.

Caso seja após o almoço, aguardar 2 horas.

Ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas.

Pessoas com idade entre 60 e 69 anos só poderão doar sangue se já o tiverem feito antes dos 60 anos.

A frequência máxima é de 04 doações de sangue anuais para o homem e de 03 doações de sangue anuais para as mulheres.

O intervalo mínimo entre uma doação de sangue e outra é de dois meses para os homens e de três meses para as mulheres.

(Ascom/CMC)

Prefeitura de Caxias vai pagar o 17º salário para todos os profissionais da educação do município

14.1.22

A Prefeitura de Caxias (MA) vai pagar nesta sexta-feira (14), o 17º salário para os profissionais da educação. O benefício do abono vai chegar para todos os servidores da educação contratados e concursados que trabalharam durante o ano de 2021. O pagamento faz parte do repasse das sobras do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (FUNDEB).

Vale destacar que no mês de dezembro de 2021, a gestão municipal pagou a 2ª parcela do Décimo Terceiro, assim como o salário do mês de dezembro, o 15º e 16º aos professores, sendo que o 15º salário foi pago também a todos os funcionários da educação.

O Prefeito de Caxias, Fábio Gentil, fez questão de ressaltar que o pagamento é para todos os profissionais da educação, pois cada um tem sua parcela de contribuição com os alunos.

“Hoje eu trago uma informação aos funcionários da educação, todos aqueles que contribuem com a educação caxiense: professores, zeladores, coordenadores, vigias, manipuladores de alimentos, dentre outros efetivos e contratados, que nesta sexta-feira (14) vamos pagar o 17º salário, um abono, o que mostra a valorização desses profissionais. Se com educação está difícil, sem ela será impossível. Nós estamos fazendo esse investimento, como também trabalhando a infraestrutura dos prédios”, destaca Fábio Gentil.

O gestor também lembrou que já autorizou a construção de 18 escolas na rede municipal.

“Nós estamos intensificando nosso trabalho nas ruas, mas também já autorizamos a construção de 18 escolas, continuaremos construindo praças e em poucos dias, anunciaremos as primeiras construções do Minha Casa é 10”, disse Fábio Gentil, Prefeito de Caxias (MA)

Prefeitura de Caxias cancela Carnaval, proíbe festividades que causam aglomerações e restringe licenças e autorizações para eventos

13.1.22

A Prefeitura de Caxias, por meio do Decreto Municipal nº 10 de 10 de janeiro de 2022, seguindo orientações do Comitê de Prevenção e Enfrentamento à Covid-19, e considerando recomendações do Ministério Público do Estado do Maranhão – REC-GPGJ – 22022, além do Decreto Estadual nº 37.360/2022 que declara estado de calamidade pública no Estado do Maranhão, ressalta a necessidade de manter as medidas sanitárias de enfrentamento à Covid-19 e a Influenza A (H1N1) e A (H3N2), e impõe medidas mais restritivas visando a proteção da saúde da população.

Abaixo a íntegra do Decreto, que pode também ser acessado em PDF neste endereço: https://caxias.ma.gov.br/wp-content/uploads/2022/01/5406.pdf

DECRETO MUNICIPAL Nº 10 DE 10 DE JANEIRO DE 2022

Art. 1º. Ficam adotadas a partir da sua data de publicação as seguintes medidas sanitárias excepcionais, voltadas para o enfrentamento da covid-19 e demais vírus respiratórios:

a) O uso obrigatório de máscaras em locais públicos e privados, fechados ou abertos;

b) A observância do distanciamento de segurança para evitar a contaminação pelo vírus da covid-19 e suas variantes Delta e Ômicron;

c) A proibição de festividades e demais eventos que possam ocasionar qualquer tipo de aglomeração, como vaquejadas, festejos, carnavais e similares, enquanto perdurar a emergência sanitária decorrente da pandemia de covid-19;

d) A negativa de licenças e autorizações para festividades e demais eventos privados que possam ocasionar qualquer tipo de aglomeração, enquanto perdurar a emergência sanitária decorrente da pandemia de covid-19;

e) Todas as medidas administrativas e judiciais necessárias para impedir a ocorrência de aglomerações e a realização de eventos, especialmente no período carnavalesco, enquanto perdurar a pandemia da covid-19.

Art. 2°. Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, revogam-se as disposições em contrário.

GABINETE DO PREFEITO DE CAXIAS, ESTADO DO MARANHÃO, AOS DEZ DIAS DO MÊS DE JANEIRO DO ANO DE DOIS MIL E VINTE E DOIS. 

FÁBIO JOSÉ GENTIL PEREIRA ROSA

Prefeito Municipal

Em Caxias, Catulé Júnior se reúne com vereadores e lideranças políticas para debater candidatura

12.1.22

O secretário estadual de Turismo do Maranhão, Catulé Júnior, se reuniu com diversas lideranças políticas de Caxias nesta terça-feira (11) com vistas a avaliar o cenário político e celebrar acordos para as próximas eleições.

Estiveram presente os vereadores Luís Lacerda, Professor Chiquinho, Tornerinho, Catulé e ainda o ex-vereador Genival Motopeças e as lideranças comunitárias Leônica, Edvan, Guilherme Lacerda, Luís Fernando, Fabiano e Adelmo José.

O prefeito Fábio Gentil também participou do encontro e recebeu as devidas deferências de Catulé Júnior nas redes sociais, que destacou a presença do gestor caxiense na legenda da foto do evento: “vamos juntos sob a liderança do amigo e prefeito Fábio Gentil’.

Aldeias Altas: saúde do trabalhador em tempos de Covid-19

A Prefeitura Municipal de Aldeias Altas por intermédio da Secretaria de Saúde esteve em mais uma ação de grande importância voltada aos colaboradores da empresa Itapecuru Bioenergia.

 

Os profissionais de saúde da rede pública municipal de Aldeias Altas estiveram na sede da empresa, onde na oportunidade foram realizados testes de COVID-19 rápidos de antígeno e enfatizando sobre a importância da continuação dos cuidados em relação aos protocolos.

 

Portanto, a Prefeitura de Aldeias Altas reforça a parceria e segue cuidando dos cidadãos aldeias-altenses, garantindo suporte técnico e profissional àqueles que dia a dia buscam levar para suas famílias o sustento.

 

Para o prefeito Kedson Lima, a parceria com a empresa reforça a relevância da mesma em nosso município: "Não há dúvidas de que se trata de uma grande ação. Cuidar da saúde das pessoas é nosso dever e estamos sempre procurando cumprir com responsabilidade e transparência nossas obrigações. Estamos de mãos dadas com a Família Itapecuru Bioenergia e aliás, qualquer seguimento que possa trabalhar com seriedade e compromisso com nossos cidadãos, estaremos dando mão amiga e parceira para garantir o melhor desenvolvimento do município". Destacou.

COVID - Caxias tem 11 internados e 58% dos leitos ocupados

11.1.22

A Prefeitura de Caxias, por meio da Secretaria Municipal de Saúde e do Comitê de Prevenção e Enfrentamento à Covid-19 informa que, contando os leitos da rede municipal e estadual, Caxias tem 58% dos leitos ocupados de UTI por covid-19, o correspondente a 11 leitos, sendo 6 pacientes de Caxias e 5 pacientes da região (dados de 10/01/2022).

Foram registrados 16 novos casos. Já contabilizando os casos confirmados desde o começo da pandemia, Caxias já registra 15.016 casos, sendo que há 14.536 recuperados e 439 óbitos. Atualmente os casos ativos somam 32, que estão sendo acompanhados.

A gestão municipal reforça a necessidade de manuntenção do distanciamento social, uso obigatório de máscara, higienização das mãos e evitar aglomerações como medidas de extrema importância. Além disso, destaca que a vacinação está disponível em todas as Unidades Básicas de Saúde contra a covid-19. (Da assessoria)


2º BPM informa números alternativos de atendimento

Em virtude do número de emergência do 2º Batalhão de Polícia Militar, 190, encontrar-se com problema.

Em virtude do número de emergência do 2º Batalhão de Polícia Militar, 190, encontrar-se com problema, a corporação disponibiliza novos números provisórios e alternativos, para o atendimento de ocorrências: (99) 98274-1203/ 99645-6558. (Fonte: Noca)

A resistência do STF e da Câmara em afastar deputados como Josimar Maranhãozinho

10.1.22

Da Revista Crusoé – O episódio burlesco em que o deputado federal Josimar de Maranhãozinho, do PL, sorteia dinheiro vivo para eleitores suscitou um debate sobre a resistência da Câmara dos Deputados e, principalmente, do Supremo Tribunal Federal em afastar parlamentares enrolados. O caso de Maranhãozinho foi revelado por Crusoé. Ele realizou o sorteio, por meio de uma live, dois meses após ser alvo de uma operação da Polícia Federal.

Na cúpula do Ministério Público Federal, há reclamações sobre a manutenção dos mandatos de deputados envolvidos em casos rumorosos e repletos de provas. De forma reservada, um subprocurador-geral da República lamentou a dificuldade de afastar esses parlamentares. “Desde o Eduardo Cunha, não se afasta ninguém com sucesso”, disse o subprocurador a Crusoé. “Teve a Operação Pés de Barros, mas a Câmara rejeitou o afastamento”, acrescentou, em referência ao deputado Wilson Santiago, do PTB.

Em maio de 2016, o Supremo Tribunal Federal afastou o então deputado Eduardo Cunha, do MDB, da presidência da Câmara e do mandato. Quatro meses depois, ele foi cassado. O ex-parlamentar foi acusado de evasão de divisas, lavagem de dinheiro e recebimento de propina na Operação Lava Jato.

Cunha foi o último parlamentar efetivamente afastado do mandato no Congresso Nacional por suspeita de corrupção. Em 2019, o Supremo tirou do cargo o deputado Wilson Santiago, do PTB, da Paraíba, alvo da Operação Pés de Barros. Quarenta dias depois, a Câmara rejeitou o afastamento determinado pelo STF e autorizou Santiago retomar o mandato.

Com liberdade para permanecer no poder, a despeito das fartas provas de corrupção, Josimar de Maranhãozinho sentiu-se à vontade até mesmo para sortear dinheiro vivo. Agora, o caso será investigado pelo Ministério Público Eleitoral. Recentemente, a Polícia Federal defendeu o afastamento do parlamentar do mandato, mas o pedido foi rejeitado pelo ministro Ricardo Lewandowski, relator dos inquéritos a que ele responde no STF.

‘Fomos incapazes de aprofundar a democracia’, diz José Sarney

A política é o permanente

                           Coluna do Sarney

A política, não só no Brasil, mas em toda parte, tem andado numa maré de desprestígio. Isso é da maior gravidade, pois gera um círculo vicioso: os jovens que se preocupam com a sociedade e com a justiça social se afastam da vida pública, que passa a ser ocupada cada vez mais por pessoas incompetentes que trabalham por seus interesses pessoais, esquecendo o Estado e o bem comum, aumentando o desgaste da política.

Sem a política, é impossível que as instituições democráticas funcionem. Se onde elas existem a coisa é difícil, imaginem onde não existem.

Aristóteles dizia que o discurso, próprio do homem, serve para distinguir o justo e o injusto, e assim buscar o bem. Daí a criação do Parlamento e da representação política. O Parlamento é a maior instituição política já criada pelo homem na busca do autogoverno. Nele o povo detém o poder de questionar, de protestar, de fiscalizar, de mudar. Deve ser sagrado na cabeça do povo. Ele é a essência das liberdades. Quando o Parlamento é fechado ou nulo, o sistema se abala.

Há bons políticos e maus políticos. Não vamos generalizar. Uma das excelências da democracia representativa é que ela se constitui sempre de mandatos transitórios, e o povo tem o poder de mudá-los, expulsá-los da política.

No Brasil, queremos fazer que a democracia funcione sem partidos, sem políticos, sem política. Ela está a cada dia descambando mais para uma ação concentrada entre amigos e inimigos que se reúnem em questões tópicas para gerir crises e administrar o cotidiano. Não existe nenhuma visão prospectiva da solução dos problemas do País.

Fomos incapazes de aprofundar a democracia que conquistamos e construímos. O desenvolvimento estagnado e medíocre do neoliberalismo mostrou-se incapaz de assegurar um mínimo de justiça social e oportunidade de melhor qualidade de vida.

Eu fico preocupado. Não com a democracia, mas com a qualidade e a saúde de nossa democracia. Já muito foi dito que ela é mais um estado de espírito do que um regime. Com o exercício de eleições passamos a julgar a democracia unicamente por estas. Não bastam instituições democráticas, mas é preciso educação democrática.

O Brasil perde gradativamente o respeito pelos valores da democracia, que passam a ter o crivo da circunstância, sem a noção de que um sistema de valores é perene e aspira à eternidade. Acumulamos um retrocesso. Destruíram-se os partidos, acabaram-se as ideias, sumiram os programas, a ética e a moralidade foram banidas do processo político.

É o caos.

O problema, assim, é político. O resto é conjuntura. A política é o permanente.

Defesa Civil de Caxias (MA) ajuda moradores do bairro Galeana em mudança, antes do alagamento das casas

As primeiras famílias começaram a ser auxiliadas na retirada dos pertences nas residências do bairro Galeana, que estão em uma área que geralmente fica completamente alagada durante o período chuvoso. O volume de água do Rio Itapecuru tende a subir nos próximos dias, por conta da intensidade das chuvas na cabeceira do rio. Este ano o período chuvoso foi antecipado em aproximadamente 2 meses, levando preocupação para quem mora nas áreas ribeirinhas.

Neste primeiro momento, de forma preventiva, alguns moradores estão indo para casas próprias em outros bairros, casas de parentes, ou ainda, casas alugadas por eles mesmos. A Defesa Civil está ofertando os caminhões e profissionais para auxiliar no transporte.

“Eu estou me prevenindo. Esse ano eu vou sair mais cedo. A gente alugou uma casa para passar o período chuvoso. A previsão é de muita chuva, é o sinal de Deus, e os homens que fazem as previsões estão orientando. Então, a gente não deve teimar”, disse Dona Laura Maria, moradora do bairro Galeana.

“A nossa cota de enchentes é de 6 metros. Nós recebemos informações que a água de Colinas e região está descendo e deve chegar com 6 metros aqui. Nós temos alguns bairros que são ladeados por conta do rio, e claro, a água que cai na cidade ajuda para aumentar a vazão do rio. Estamos de plantão 24h irmanados para atender a população”, destaca Major Malheiros, coordenador da Defesa Civil.

Dona Silvana Maria vai mudar para o bairro Seriema, enquanto durar o período chuvoso. A saída, antes da chegada da água é a medida mais segura e acertada. Ela lembra que na última vez, ela resistiu em sair, e quando decidiu, a casa já havia sido invadida pela água. Atualmente em Caxias, 245 famílias residem em áreas de risco de deslizamentos, alagamentos, e são visitadas e orientadas a buscarem um local seguro, quando há a intensificação das chuvas.

“Em 2020, quando estava na pandemia mais forte, eles vieram avisar eu teimei e não saí. A minha vizinha saiu ainda, e eu saí com a água dentro de casa depois. Quando tá alagado, todo mundo quer sair ao mesmo tempo, é muito complicado, por isso, eu vou sair antes de encher. A gente nunca mudou em janeiro, esse tempo todo era em março ou abril, mas houve uma mudança climática brusca esse ano. Eu vou mudar pro Seriema”, destaca Silvana Maria, moradora do bairro Galeana.

“Nós estamos orientando as famílias do risco e vendo as possibilidades de ajudá-las. Caso a família não tenha condições de sair, vamos procurar dentro da rede um alojamento. No primeiro momento a ideia é usar os  equipamentos públicos”, destaca Kiara Braga, secretária municipal adjunta de Assistência e Desenvolvimento Social.

O número para que as famílias possam acionar a Defesa Civil de Caxias (MA) é o 193 do Corpo de Bombeiros.

(Da assessoria)

MP-MA orienta prefeitos a não realizarem festas carnavalescas em 2022, bem como eventos privados

9.1.22

A Procuradoria Geral de Justiça do Maranhão recomendou aos prefeitos dos municípios maranhenses a que não realizem as festas carnavalescas em 2022, bem como os eventos privados nas cidades para evitar a expansão da contaminação da covid-19. Confira abaixo: