Presidente da Câmara Catulé e prefeito Fábio Gentil emitem nota de pesar pela morte do odontólogo Alberto Soares

30.11.20

Turismo contribuiu para o crescimento da economia no MA, aponta IBGE

Maranhão foi o estado do Nordeste que apresentou maior crescimento, com 2,9%, valor acima da média nacional, que ficou em 1,8%. 

Lençóis Maranhenses

No último estudo do PIB (2018) divulgado pelo IBGE, o Maranhão foi o estado do Nordeste que apresentou maior crescimento, com 2,9%, valor acima da média nacional, que ficou em 1,8%. No setor de Serviços, as atividades de Turismo, como hospedagem e alimentação, além das áreas de transporte, armazenagem e correio, com crescimentos reais de 7,2% e 8,2%, respectivamente, tiveram significativa contribuição para o bom desempenho do setor terciário. 

O PIB é a soma do valor dos bens e serviços finais produzidos numa economia em determinado período, é o agregado macroeconômico considerado como principal indicador da atividade econômica no país. O ano de 2018 é o mais recente divulgado até agora pelo IBGE, do governo federal.

Poço Azul na Chapada das Mesas 

Na composição setorial do Maranhão, a Agropecuária corresponde a 8,94%, a Indústria 18,51% e o setor de Serviços 72,55%. Em Serviços, a atividade com maior peso econômico foi a administração pública: federal, estadual e municipal. O setor de serviços registrou crescimento no número de contratações, com mais de 34 mil no comércio; aumentaram as contratações na Administração Pública, com mais de 21 mil, além do incremento de 12,7% na massa salarial da Administração Pública (APU). (Secom/MA)

Morre, de Covid-19, o odontólogo Alberto Soares, irmão do deputado estadual Adelmo Soares

Morreu na manhã desta segunda-feira (30), aos 57 anos, o odontólogo Alberto Soares (foto acima), irmão do deputado estadual Adelmo Soares (PCdoB). Dr. Alberto não resistiu às complicações de uma infecção pelo novo coronavírus.

O odontólogo estava internado há três semanas em um hospital de Teresina (PI). Ainda não tem informações sobre o horário e o cemitério onde vai ocorrer o sepultamento. 

Dr. Alberto era casado com a também odontóloga Liduina Soares.  

(Fonte: Blog do Irmão Inaldo)

‘Força do povo é maior do que a do Palácio dos Leões’, diz Braide após eleição

Eleito prefeito de São Luís neste domingo (29), Eduardo Braide fez um emocionado discurso a sua militância no seu comitê central de campanha. 

Logo no início, fez referência ao fato de o governador Flávio Dino (PCdoB) haver empreendido, sem sucesso, demasiada força para tentar eleger seu aliado ,o deputado estadual Duarte Júnior (Republicanos).

“Se alguém, por algum dia, ainda tinha dúvida de que Sao Luís é a Ilha Rebelde, se alguém, em algum momento, ainda tinha dúvida de que a força do povo é maior do que a força do Palácio dos Leões, houve a resposta”, disse.

E emendou: “Eu tenho a felicidade de dizer que eu fui eleito pelo povo de São Luís. São Luís hoje mandou um recado ao Maranhão, um recado ao Brasil: ninguém coloca cabresto no povo de São Luís”. (Fonte: Blog do Gilberto Léda)

Outra guerra da vacina

29.11.20

Da Coluna do Sarney 

Faz parte da História do Brasil a famosa guerra da vacina, do princípio do século XX, em que os cadetes das escolas militares se levantaram contra a vacina que Osvaldo Cruz começava a aplicar e contra o plano para saneamento do Rio de Janeiro. A capital tinha uma situação sanitária precária e péssima reputação. Para completar tivemos a grande figura de Rui Barbosa aderindo à causa contra a vacina de maneira virulenta, colocando sua eloquência para condenar a vacinação obrigatória. Hoje, quando a gente lê os discursos que fez fica estarrecido: como um homem de uma inteligência tão brilhante podia defender tais absurdos? No fundo as correntes que se digladiavam tinham uma motivação política, governo x oposição. Mas esse é passado a esquecer.

Agora vivemos outra guerra da vacina. Não como a outra, que era a negação da ciência. Com o Coronavírus a humanidade está enfrentando uma doença que já fez milhões de mortos e de infectados, mostrando o sistema de saúde mundial carente de equipamentos e recursos humanos.

Por outro lado, devido a seu alto poder de transmissibilidade, disseminou um medo que mudou a vida social e a rotina das cidades. Mas é difícil controlar os bilhões de seres humanos e seus hábitos de vida. Todo mundo devia recolher-se em casa, usar máscara e evitar contato pessoal, ainda mais os velhos, com agravantes que diminuem a capacidade de defesa do organismo.

Pois há uma guerra política de quem vacina primeiro, qual a vacina melhor etc. Mas sem dúvida a maior de todas, sem aparecer, é a guerra dos laboratórios pelos bilhões a ganhar com um mercado gigantesco de fregueses prontos para gastar o que tem e o que não tem para livrar-se do mal.

Sobre este ponto gosto de lembrar uma história contada por meu querido amigo Severo Gomes: um laboratório pedia desculpas aos acionistas pelo pequeno rendimento das suas ações: “Tivemos um inverno fraco, baixo nível de doenças respiratórias, pneumonias, gripes. Mas fiquem tranquilos os acionistas que as previsões do próximo ano são de um inverno brutal, em que vai morrer muita gente e vamos recuperar os baixos lucros deste ano.” “O lucro é a lógica do mercado” — e por trás dessa guerra das vacinas lá está ele.

Já disseram que a vacina russa não prestava, que a chinesa não era segura e agora que a de Oxford, com algum fundamento, tem erros de metodologia que podem atrasá-la.

Meu ponto de vista é que o mundo está longe de pensar na vida. A vacina deve ser obrigatória e todos os governos mundiais deviam estar juntos, sem que estes medicamentos fossem objeto de comércio, todos unidos para salvar a Humanidade. E precisamos nos adaptar às limitações da Terra, deixando de agredi-la e poupando seus recursos. Do contrário um vírus desses, o Sars-Cov-2 ou outro que sem dúvida alguma vai aparecer, vai acabar com o gênero humano, e a Terra vai vagar sozinha no espaço infinito com suas belezas até o sol esfriar.

Helmut Schmidt dizia: a maior ameaça ao futuro da Humanidade são “as doenças desconhecidas”.

Lave as mãos, use máscara, não saia de casa, mas que a vacina venha, urgente, é nossa grande esperança.

Deus a traga logo e nos evite sofrer mais espera.

Com o Mais Cirurgias, Hospital de Caxias alcança 200 procedimentos oftalmológicos

Neste sábado (28), mais 40 pacientes serão beneficiados com a intervenção médica.

Cirurgia devolve a visão e consequente autonomia de locomoção (Foto: Divulgação)


O Hospital Macrorregional Dr. Everaldo Ferreira Aragão, em Caxias, chegou à marca de 200 cirurgias oftalmológicas realizadas neste mês de novembro. Os procedimentos foram possíveis através do Programa Mais Cirurgias e contemplou a especialidade para tratamento da catarata em indivíduos com idade entre 40 e 80 anos. Neste sábado (28), mais 40 pacientes serão beneficiados com a intervenção médica, garantindo melhoria na qualidade de vida.

“O Governo do Maranhão, juntamente com a Secretaria de Estado da Saúde, tem trabalhado para diminuir o tempo de espera para a realização dos procedimentos. Por isso, o programa Mais Cirurgias tem servido como importante ferramenta no resgate à dignidade e oferta de procedimentos em tempo hábil, uma vez que se trata de um direito que deve ser acessível a todos”, disse o secretário adjunto de Assistência em Saúde (SAAS-SES), Carlos Vinícius Ribeiro.

Os 40 pacientes que serão atendidos neste sábado fazem parte dos municípios que integram a região de Caxias. Para dar assistência, dois oftalmologistas serão os responsáveis pelos procedimentos, que deverão ser realizados todos no mesmo dia. No último domingo (22), a unidade já havia realizado outras 40 cirurgias de catarata. Esse tipo de intervenção cirúrgica, além de garantir melhoria na qualidade de vida, também promove satisfação na pessoa que foi beneficiada.

De acordo com o diretor geral, Jefferson Coutinho, o momento de pós-cirurgia é rápido e perceptível. “Assim que o paciente deixa o centro cirúrgico ele sai de lá enxergando, como se pudesse ver o mundo pela primeira vez novamente. Dessa forma, esses pacientes podem retornar com as suas atividades convencionais, sejam elas domiciliares ou profissionais”, afirmou.

Por se tratar de uma doença ocular que ocasiona o embaçamento do cristalino do olho, o indivíduo acaba por perder a visão de forma progressiva e indolor. No caso dos mais idosos, a oferta da cirurgia devolve a autonomia de locomoção, assim como a segurança de poder enxergar os espaços, evitando assim quedas e possíveis fraturas decorrente delas. (Fonte: Secom/MA)

DataM/votos válidos: Braide 61,5%; Duarte 38,5%

28.11.20

Pesquisa DataM de intenções de voto para prefeito de São Luís confirma ampla vantagem de Eduardo Braide (Podemos) no 2° turno da disputa pela Prefeitura de São Luís.

De acordo com o levantamento, o líder aparece com 61,5% dks votos válidos. Duarte Júnior, do Republicanos, está mais de 20 pontos atrás, com apenas 38,5%.

Em votos totais, a diferença também é muito grande: 53,14% para Braide, contra apenas 33,26% de Duarte.

A pesquisa ouviu 1000 eleitores entre os dias 24 e 26 de novembro e foi registrada sob o protocolo MA-00540/2020, com a margem de erro de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos, e nível de confiança de 95%.

Governo oficializa cancelamento das festividades de Réveillon e Natal no Maranhão

27.11.20

Apesar disso, o governo pretende fazer pequenas queimas de fogos em alguns pontos de São Luís. Para o Natal, ainda haverá decoração em alguns locais da cidade. Mudança na programação é devido a Covid-19.

O Governo do Maranhão já oficializou o cancelamento da tradicional festa de Réveillon e de qualquer evento de final de ano que envolva grande aglomeração de pessoas.

Em nota ao G1 Maranhão, o governo informou que a medida visa preservar a saúde da população e dos artistas. Também estão cancelados para este ano os shows natalinos na região central de São Luís.

Apesar do cancelamento das principais atrações, o governo disse que vai decorar alguns monumentos públicos com temas natalinos e garantir queima de fogos em 22 pontos distribuídos por São Luís.

No Natal, a decoração será em três pontos de São Luís: prédio reformado da REFFSA; Praça Dom Pedro II (ambos no Centro Histórico); e o Parque Estadual do Sítio do Rangedor (Calhau). Além disso, serão exibidas projeções em vídeo durante o período natalino na REFFSA e no Palácio dos Leões.

Em Imperatriz, a Secretaria de Cultura afirma que já entregou a decoração especial de Natal, enfeitando toda a extensão do Calçadão, principal centro comercial público da cidade.

O cancelamento das festividades de fim de ano já era esperado. Em julho, o governador Flávio Dino (PCdoB) anunciou que havia 90% de chances de não haver festividades no Natal e no Réveillon em 2020 no Maranhão, por causa da pandemia do novo coronavírus. (Fonte: G1/MA)

Econométrica/votos válidos: Braide tem 58%; Duarte, 42%

26.11.20

Pesquisa Econométrica de intenções de votos para prefeito e São Luís divulgada hoje (26) confirma tendência de crescimento do candidato do Podemos, Eduardo Braide, nos últimos dias e aponta vitória dele no próximo domingo com 58% dos votos válidos – excluídos brancos, nulos e não sabe/não respondeu.

Segundo o mesmo levantamento, Duarte Júnior (Republicanos), tem apenas 42%.

São 16 pontos percentuais de diferença – na quarta-feira (25) apontava vantagem de 13,2 pontos pró-Braide.

Considerados os votos totais, Eduardo Braide aparece com 52,6% e Duarte Jr. com 38,1%. nesse caso, 4,6% disseram votar nulo e outros 4,7% não sabem/não responderam.

O instituto Econométrica ouviu 1.018 eleitores, nos dias 22 e 23 de novembro. A margem de erro da pesquisa é de 3 pontos percentuais, para mais, ou para menos, e o intervalo de confiança é de 95%. O registro na Justiça Eleitoral foi feito sob o número MA-08813/2020.

Migração

A consulta Econométrica aferiu, ainda, a migração de votos dos candidatos que não chegaram ao 2º turno para os dois que seguem na disputa.

Nesse quesito, destaque para os 49% que votaram em Neto Evangelista (DEM) e declararam votar agora em Braide – apenas 38% disseram votar agora em Duarte; e para os 67,1% que votaram em Rubens Júnior (PCdoB) e agora votam no republicano – enquanto 27,1% dos eleitores do comunista agora votam no candidato do Podemos.

(Fonte: Blog do Gilberto Léda)

Secretário Catulé Júnior recebe visita do prefeito eleito de Aldeias Altas e declara: “Conte comigo, meu irmão!!!”

O secretário estadual de Turismo, Catulé Júnior, recebeu na manhã desta quarta-feira, 25, o prefeito eleito de Aldeias Altas Kedson Lima. O encontro aconteceu na sede da Secretarial Estadual de Turismo, em São Luís.

Catulé Júnior registrou o acontecimento nas suas redes sociais e fez uma declaração enfatizando a confiança na futura gestão aldeiense: “Tenho certeza que Aldeias Altas terá uma gestão comprometida com sua gente. Conte comigo meu irmão!!!”

Durante o período eleitoral, Catulé Júnior participou de atividades de campanha ao lado de Kedson em Aldeias Altas. Naquela oportunidade, o secretário estadual fez um discurso marcante ressaltando as qualidades de Kedson e a importância da sua eleição. “Aldeias Altas precisa pular etapas, precisa de um novo momento e você é a pessoa certa”, disse ele ao lado do então candidato e agora prefeito eleito.

Catulé Júnior discursando durante evento político em apoio a Kedson Lima em Aldeias Altas


Prefeito Fábio Gentil agradece reeleição com entrega de mais uma importante obra ao povo de Caxias

25.11.20

Praça de Nossa Senhora dos Remédios, também chamada de Praça da Bíblia, era um anseio antigo da comunidade cristã do município

Prefeito Fábio Gentil destacou a inauguração da Praça da Bíblia
como mais um gesto de agradecimento ao povo
por sua reeleição consagradora

O prefeito Fábio Gentil reuniu milhares de caxienses, na noite desta terça-feira (24), na cerimônia de inauguração da Praça de Nossa Senhora dos Remédios, também conhecida como Praça da Bíblia, mais um espaço destinado ao lazer e à convivência da população projetado e construído pela atual gestão municipal. Emocionado, Fábio disse que a entrega da praça foi uma das formas de agradecer aos conterrâneos a renovação do seu mandato, com quase 80% dos votos, um feito que ficará marcado na história política do município.

Localizada no bairro Castelo Branco, a Praça da Bíblia foi inaugurada com a celebração de um culto ecumênico, como forma de exaltar a religiosidade do povo de Caxias. Na liturgia, o padre dedicou a obra aos operários que trabalharam na execução da obra. “Parabenizo também ao prefeito e à sua equipe por entregar ao povo este lugar de paz, lugar de encontro, lugar de reflexão e da palavra de Deus”, assinalou.

Prefeito desceu do palanque para caminhar na praça e foi bastante cumprimentado


Em sua pregação, o apóstolo Paulo Jorge, convidado a representar a comunidade evangélica, reconheceu o empenho e a atenção dispensada por Fábio Gentil, que contemplou a cidade com mais um bem público, atendendo a um pedido antigo da comunidade cristã local. “O projeto já havia sido apresentado anteriormente a outros prefeitos, mas só agora tornou-se realidade”, enfatizou o religioso.

Durante a solenidade, Fábio Gentil disse que sentia apenas uma ausência, a do pai, o saudoso deputado estadual Zé Gentil, morto em junho por complicações da Covid-19. Ele relembrou o momento em que decidiu candidatar-se a prefeito e Zé Gentil, do alto da sua experiência política, questionou se o filho estava preparado para exercer o cargo, que exige dedicação plena, até mesmo privar-se do convívio com a família. “Meu pai me apoiou e hoje sinto muito sua falta, pois ele me ensinou tudo”, declarou.

O prefeito destacou, ainda, o empenho do arquiteto e secretário-adjunto de Urbanismo, Gentil Neto, que trabalhou na elaboração do projeto e acompanhou a execução do início ao fim. Também parabenizou a filha, Amanda, graduada em engenharia civil, assim como ele, incansável no acompanhamento da obra, até a conclusão. “Minha filha está presente, mas preferiu ficar na plateia, pois gosta de estar junto ao povo, assim como eu”, ressaltou.

Padre abençoa o novo logradouro público, ao lado do prefeito Fábio Gentil

A inauguração da Praça da Bíblia contou, ainda, com a presença de vereadores, secretários municipais e outras autoridades e lideranças. 

A obra

Orçada em mais de R$ 600 mil, com recursos próprios. O projeto contemplou a implantação de uma academia ao ar livre, playground, monumento da Bíblia aberta com um versículo, implantação de um quiosque, um anfiteatro com concha acústica, construção de uma sala para a Associação dos Pastores, banheiros e vestiários masculinos e femininos, paisagismo, melhoria na iluminação e estacionamento.

‘Dia 29, a esperança vai vencer o medo’, afirma Eduardo Braide

23.11.20

Um compromisso com os servidores municipais, prestadores de serviços, contratados e
terceirizados, foi firmado pelo candidato a prefeito de São Luís, Eduardo
Braide (Podemos) nesta segunda-feira (23), durante a Sabatina O Estado/Imirante.

“No dia 29, gravem o que eu vou dizer: a esperança vai vencer o medo. E todos vocês continuarão trabalhando, e vão ter o reconhecimento necessário”, enfatizou Braide, na entrevista conduzida pelos jornalistas Carla Lima, Gilberto Leda e Adriano Soares.

Braide destacou a relevância do trabalho dos funcionários públicos de São Luís.

“Eu sei o papel que vocês têm. Eu já andei no Socorrão, nas unidades mistas, nas escolas de São Luís. Sei que sem vocês não conseguiremos ter serviço de qualidade. Vocês têm a minha palavra. Contem comigo a partir de janeiro do ano que vem”, declarou.

Ele reforçou aos contratados que também buscará, por meio da lei, a garantia de direitos trabalhistas.

“Temos que seguir o que está na Constituição. O que nós vamos buscar é um caminho jurídico para dar a segurança necessária para aqueles que prestam o seu serviço, dão o seu suor, o seu sangue no dia-a-dia. São essas injustiças que nós vamos corrigir, mas tudo dentro da lei”, observou.

Braide também falou direto aos servidores da Companhia de Saneamento Ambiental.

“Eu acredito em uma Caema pública e eficiente, e quero aproveitar para mandar um grande abraço a todas as caeemeiras e caeemeiros. Vamos ver a parceria que pode ser feita com a prefeitura para que a gente melhore o serviço de abastecimento e esgotamento sanitário”, observou ele.

O candidato também ressaltou que terá uma equipe técnica à frente de secretárias e órgãos.

“Governar é colocar as pessoas certas no lugar certo. E vocês têm meu compromisso de que nós vamos colocar técnicos, pessoas responsáveis em cada área. Na Cultura, quem vai estar é alguém que entenda, que goste de cultura. Na Saúde, é alguém que entenda de saúde e tenha a experiência e o conhecimento necessários para resolver os problemas da saúde”, declarou.

Prioridades

Eduardo Braide abordou ainda o orçamento de São Luís para o ano que vem e de como fará para que os ludovicenses tenham uma cidade melhor.

“Governar é eleger prioridades. Vamos ver quais são as prioridades para a gente poder, logo nos primeiros 100 dias, fazer”, declarou ao ressaltar que São Luís terá orçamento de R$ 3,5 bilhões para o ano que vem, sendo aproximadamente R$ 1 bilhão para a saúde, e que reabrirá a Maternidade Maria do Amparo, no Anil.

Ele ressaltou que os bons projetos terão continuidade e serão melhorados na sua gestão.

“A Feirinha, por exemplo, não só vai continuar como vamos levá-la para outros bairros. Esse é o meu compromisso”, garantiu.

Ao finalizar sua participação na Sabatina, Braide agradeceu a confiança do ludovicense em seu projeto de governo.

“Estamos na reta final desse segundo turno. Agradeço a todos que confiaram em nosso nome e aos que estão vindo nos apoiar. É 19! Vamos à vitória”, finalizou.

(Fonte: Blog do Neto Cruz)

DataM: Braide 51,28% x Duarte 33,58%

Pesquisa do Instituto DataM divulgada neste domingo (22) confirma vitória de Eduardo Braide (Podemos), com 51,28% das intenções de votos, no 2° turno da eleição em São Luis. Duarte Júnior (Republicanos) tem 33,58%; Não sabem ou não quiseram responder 8,18% e Nenhum ou nulo 6,96%.

O levantamento foi feito entre os dias 16 e 19 de novembro.

Se considerados apenas os votos válidos, Braide chega a 60,4% das intenções de votos.

O levantamento feito pelo Instituto DataM ouviu 800 pessoas, está registrado sob o número MA-1140/2020, tem margem de erro de 4 pontos para mais ou para menos e intervalo de confiança de 95%. (Fonte: Blog do Gilberto Léda)

Praça da Bíblia será inaugurada na próxima terça-feira

 Praça fica localizada no bairro Castelo Branco.

A Prefeitura de Caxias, por meio da Secretaria de Infraestrutura e da Secretaria Adjunta de Urbanismo, já finalizou os trabalhos de construção da Praça da Bíblia, localizada no bairro Castelo Branco. A entrega está prevista para a próxima terça-feira (24), a partir das 19h.

“A praça foi um pedido das igrejas e o prefeito nos passou essa missão para construirmos um local agradável e legal para este público”, destaca o secretário adjunto de Urbanismo, Gentil Neto.

Orçado em mais de R$ 600 mil, com recursos próprios, o projeto contemplou a implantação de uma academia ao ar livre, playground, monumento da Bíblia aberta com um versículo, implantação de um quiosque, um anfiteatro com concha acústica, construção de uma sala para a Associação dos Pastores, banheiros e vestiários masculinos e femininos, paisagismo, melhoria na iluminação e estacionamento. (Da assessoria)

Advogados já se movimentam visando a presidência da OAB em Caxias

Passadas as eleições municipais, começam as especulações sobre a eleição para a presidência da OAB/Caxias, que ocorrerá em 2021. Um pequeno grupo de advogados já se movimenta em torno de um nome: Madson Carvalho. O jovem causídico é filho de um tradicional advogado da cidade e é uma pessoa extremamente política e conciliadora. O nome de Madson é considerado viável por aglutinar jovens e experientes advogados.

A causa negra também é minha


Da Coluna do Sarney
 

As causas da raça negra e da cultura foram as duas maiores preocupações minhas em 12 anos de Câmara dos Deputados e 40 de Senado. Sou o Senador que mais tempo exerceu mandatos naquela Casa. E o político mais longevo da República, com mais de 60 anos de atividade e ainda presente — sem militância partidária, mas Presidente de Honra do MDB, partido a que sou filiado há 36 anos. Exerci por oito anos a Presidência do Senado Federal. 

Sempre discordei da maneira como o problema da raça negra era tratado. Só existia o discurso político de retirá-la da situação de miséria e de segregação social. Minha visão, que nunca havia sido colocada na República — mas tinha origem em José Bonifácio e Joaquim Nabuco —, era de que somente com ascensão social, educação, participação em postos de direção ela sairia desse longo caminho de discriminação. Essa foi a solução adotada pelos Estados Unidos, que em parte deu certo, permanecendo, entretanto, o violento racismo.

É que o problema deles era muito mais grave do que o nosso, com as sequelas da guerra de secessão. Mas lá já chegou um negro à Presidência da República e agora uma mulher negra, Kamala Harris, à Vice-Presidência, como muitos chegaram a outros altos cargos da República e do poder econômico.

Quando era Presidente da República ocorreu o Centenário da Abolição. Em vez de comemorações políticas, criei a Fundação Palmares, com a finalidade de promover a ascensão social, a educação e as oportunidades de trabalho para os descendentes dos escravos. No Parlamento, como Senador, apresentei o projeto de lei de cotas raciais, que nunca tinham sido tratadas no Brasil e estabeleci que eram o caminho.

O Senador negro Paulo Paim pediu-me para absorver meu projeto no Estatuto da Igualdade Racial. Concordei, porque meu objetivo não era político, mas o de criar o debate sobre o problema e lançar a política de cotas para ajudar a resolver a questão. Meu projeto, no entanto, era bem mais amplo, incluindo os cursos de graduação, os cargos públicos e o financiamento dos estudos.

Orgulho-me de ter tido uma participação na defesa dessa maioria-minoria que continua a sofrer depois de quase quinhentos anos de presença no Brasil. Nosso débito com a raça negra é a maior dívida que temos em nossa História.

O Dia da Consciência Negra mostra que se mantém o caminho fracassado do passado. Pensa-se como sempre em dividendos políticos e nada de objetivo para fazer com que os negros tenham na sociedade o mesmo lugar dos brancos.

Outro débito que temos — e digo com a autoridade de quem é um lutador desta causa e detentor do Prêmio Zumbi, que me foi entregue pelo grande negro José Vicente, Reitor da Universidade Zumbi dos Palmares — é com o Negro Cosme, da Balaiada, enforcado no Maranhão, que ficou no esquecimento e devia estar sendo reverenciado junto com Zumbi.

Ele deu o maior exemplo do que precisava a raça negra: criou uma escola no quilombo. Ele já sabia que só a educação liberta.

Ibope: 60% acreditam em vitória de Braide no 2º turno

21.11.20

 De O Estado

A pesquisa Ibope/TV Mirante também apurou a chamada expectativa de vitória. Nesse quesito, o eleitor entrevistado foi instado a apontar quem ele acredita que será eleito novo prefeito de São Luís no próximo domingo, 29, independentemente do seu voto.

Nesse caso, 60% dos entrevistados afirmaram acreditar numa vitória do candidato da coligação “Pra Frente São Luís”, deputado federal Eduardo Braide (Podemos).

De outro lado, 33% disseram que o vencedor será o candidato da coligação “Resgate o amor pela Ilha”, deputado estadual Duarte Júnior (Republicanos).

Outros 8% disseram não saber quem pode ganhar, ou preferiram não opinar.

Único eleito pelo Partido Liberal em Caxias, vereador Darlan Almeida travou a mais acirrada disputa eleitoral de 2020 no município

20.11.20
Darlan Almeida agradece e comemora a reeleição


Após o resultado das urnas, muito se fala entre os candidatos, eleitos ou não, sobre as dificuldades enfrentadas durante a campanha. E nessa disputa árdua, nenhuma se compara ao verdadeiro salva-se quem puder que passaram os candidatos do Partido Liberal em Caxias.

Com 5 vereadores disputando apenas uma vaga, e ainda com a ex-vereadora Benvinda no encalço dos colegas, pode-se cravar que a vitória naquela agremiação partidária teve um significado ainda maior.

Entre o médico Magno Magalhães, o líder do governo Sargento Moisés, empresário Gentil Cantanhede e o gigantesco trabalho social de Luis Carlos Ximenes, sobressaiu a obstinação e empenho do representante comercial Darlan Almeida.

Com 1.157 votos, Darlan superou em 118 o segundo colocado no PL e sagrou-se o grande vencedor das eleições 2020 tamanho foi o significado da sua reeleição.

Registra-se que na véspera do início da campanha o vereador foi acometido de Covid-19 e ficou isolado em casa mesmo após vários dias de internação hospitalar, o que de certa forma prejudicou sua campanha, mas não o suficiente para abalar sua fé na missão política que tinha.

Indagado sobre o significado dessa vitória, ele foi sucinto: “toda a glória a Deus”.

Um dos mais importantes integrantes da base aliada do prefeito Fábio Gentil, Darlan Almeida conquista o seu segundo mandato de forma consagradora.

Não foram eleitos, mas fizeram bonito nas urnas em Caxias

19.11.20

Uma gama de candidatos a vereador em Caxias, que embora não tenham sido eleitos, marcaram as eleições 2020. Alguns desses nomes, que já se apresentaram aos eleitores em outros pleitos, tiveram performance elogiável mesmo não representando nenhum grupo político tradicional.

Sansão Pinheiro, com reconhecida atuação na área da saúde na região, obteve 1.111 votos e por pouco não emplaca uma vaga de vereador no Republicanos. Apenas 163 votos o separaram do mandato.

Lêonica Soares, uma aguerrida militante política no município, alcançou 743 votos também pelo Republicanos e se cacifou ainda mais para a próxima disputa.

No bairro Cohab, o empresário Luciano Barbosa da Silva, ou simplesmente Luciano Real, quase toma a vaga de vereador de Charles James pelo Solidariedade. Apenas 12 votos separaram o primeiro e o segundo colocado no partido.

No Partido dos Trabalhadores, os candidatos trabalhavam com a possibilidade da conquista de apenas 1 vaga. O eleito, Ricardo Rodrigues, tinha no segundo colocado, o jovem Vinícius Sabá, o seu principal concorrente. Foram 192 votos a diferença entre os dois petistas. Sendo essa a sua primeira eleição, Vinícius Sabá é outra boa promessa para o próximo pleito.

No Avante, Fernando Amorim foi a surpresa do partido. Com 570 votos, apenas 207 sufrágios o separam do eleito na sigla. Amorim já entra no rol dos postulantes ao cargo de vereador nas próximas eleições.

Com 608 votos, Júnior Barros, do Partido da Mobilização Nacional (PMN), desde já é um nome a ser considerado nos debates políticos da cidade.

Todos os citados acima representam sangue novo na política caxiense e podem ser considerados, desde já, como estando no jogo para o próximo pleito.

95 anos - É de Minas Gerais o prefeito eleito mais velho do Brasil

18.11.20

O empresário José Braz (PP) foi eleito prefeito de Muriaé (MG) com 42,80% dos votos válidos, o que equivale a 23.763 eleitores. Ele tem 95 anos de idade e é o prefeito mais velho eleito em todas as cidades do Brasil nas eleições municipais de 2020.

Ele venceu o atual prefeito, Grego (PSD), que ficou em segundo lugar com 41,14% dos votos. Este será o terceiro mandato de José Braz na cidade. Ele já havia comandado a cidade entre os anos de 2005 e 2012.

Em entrevista ao G1, o prefeito mais velho do Brasil disse não sentir o peso da idade. “A idade não me pesa, graças a Deus! Tenho muita saúde, muita determinação. Bebo muito pouco, nunca fumei, como bem pouco e só como coisas boas para saúde. Meu pai e minha mãe viveram muito, minha mãe viveu 105 anos”, contou.

Questionado sobre o fato de ter retornado à política após já ter concluído dois mandatos, José Braz afirmou querer continuar ajudando os mais necessitados do município.

“Sempre gostei de trabalhar muito, fazer as coisas para as pessoas que mais necessitam. Eu voltei com a intenção de ajudar as pessoas mais carentes, na educação, na saúde, no esporte, para homens e mulheres. Nosso sistema de trabalho é ouvir as pessoas”, afirmou.

Sobre o plano de campanha, ele afirmou que vai “começar a especialmente nos bairros mais pobres, que sofrem com a sujeira, estão mal organizados, sem atenção nenhuma”.

José Braz tem um patrimônio declarado de mais de R$ 33 milhões e tem como vice o Dr. Marcos Guarino (PSB), que tem 63 anos de idade.

(Fonte: O Dia)

Candidatos a vereador em Caxias que fizeram muito barulho, mas decepcionaram nas urnas

17.11.20
Paulo Marinho (517 votos), Dayana Moura (305), Adriano
Medeiros (57) e Espingarda (12 votos) decepcionaram nas urnas


Com 19 cadeiras no legislativo caxiense, 361 candidatos se colocaram a disposição para atender os anseios da população, o que dá 19 postulantes para cada vaga.

Entre os vitoriosos, qualquer percalço que tiveram foi totalmente esquecido assim que saiu o resultado final da apuração com a comemoração madrugada adentro.

Enquanto 19 felizardos comemoravam a conquista no parlamento tupiniquim, outros 342 candidatos se dividiam entre lamber as feridas do combate e entender os motivos de não terem obtido êxito.

Embora seja extensa a lista daqueles que não foram escolhidos pelos caxienses para representá-los na Câmara, um seleto grupo de candidatos está recebendo a atenção nas rodas de conversa da cidade por se apresentarem como praticamente eleitos ou por terem feito uma campanha estridente nas redes sociais, o que leva muitos deles a serem considerados um fiasco eleitoral.

A lista a seguir apresenta alguns nomes que, apesar de não terem sido eleitos, se apresentavam como tal ou passaram os últimos anos fazendo muito barulho via redes sociais e decepcionaram assim que a contagem dos votos foi encerrada.

Abre a lista a vereadora Aureamélia Soares, que na verdade disputava duas eleições, sendo uma para vereadora e outra para primeira-dama, mas que só recebeu 597 votos e não foi reeleita. Os vereadores Edilson Martins, com 361 votos e Repórter Puliça, com 170 sufrágios, também tiveram performances bem aquém do esperado e não renovaram o mandato. Taniery Cantalice, ex-vereadora que tentou retornar ao parlamento, só obteve 188 votos e perde a segunda eleição seguida.

Paulo Marinho, ex-prefeito e ex-deputado, que corria nos bastidores como tendo de 6 a 8 mil votos e que isso elegeria uma bancada de vereadores do PSDB, teve que se contentar com 517 votos. Marinho usou as redes sociais de forma intensa para atingir o maior número de eleitores e foi também o único candidato a vereador com um jornal de campanha feito em material de alta qualidade distribuído aos milhares na cidade e na zona rural, mas que não sensibilizou o eleitorado.

A dupla do PTB, Dayana Moura e Adriano Medeiros, que se apresentava com superpoderes, não logrou êxito na empreitada de super-heróis dos cinemas para tentar adentrar na Câmara. A mulher maravilha não teve mira no seu laço mágico para atrair eleitores suficientes e conseguiu apenas 305 votos. Já o super-homem, que no cinema só é barrado pela kryptonita, mostrou ser um verdadeiro Sansão, pois o corte de cabelo na máquina 1 na véspera do pleito tirou-lhe as forças e os votos, pois só foi lembrado por 57 eleitores.

Os petistas Ney Jefferson, Chico Sousa e Jota Mota, que deixaram de acompanhar os demais candidatos do partido que marcharam com Fábio Gentil, amargaram o preço dessa decisão. Ney Jefferson recebeu 299 votos e Chico Sousa apenas 71. Fazendo uma campanha em que defendia os direitos da mulher, Jota Mota convenceu apenas 17 pessoas para representá-las na Câmara.

Valdir Rios, outro que abandonou o barco do prefeito Fábio Gentil para ser acolhido nos braços do Gordin, colheu o preço da sua decisão ao receber apenas 17 votos.

Encerrando a lista tem o representante do MDB na zona rural de Caxias. Com apenas 12 votos, o candidato Espingarda deu um tiro que, literalmente, saiu pela culatra.

Vereador mais votado de Caxias, Teódulo Aragão agradece o reconhecimento dos caxienses

Aos amigos e amigas de Caxias, venho expressar minha gratidão por nossa vitória e sinto-me honrado em poder representá-los na Câmara Municipal a partir de primeiro de janeiro de 2021.

Reafirmo aqui, meu compromisso de trabalhar, incansavelmente, todos os dias, para que nossa princesa do sertão continue a se desenvolver e possa oferecer emprego, segurança, educação e uma saúde mais qualificada para seus cidadãos.

Foi uma campanha árdua, porém limpa. Tivemos muito trabalho e não paramos um só dia. A Onda Azul tomou conta de Caxias e coloriu todos os bairros de nossa linda cidade. Essa conquista não é só minha. Ela é de todos nós.

Mas o trabalho não para. O prefeito reeleito Fábio Gentil ainda possui um mandato pra terminar e ele vai continuar a contar comigo para trabalhar. À partir de primeiro de Janeiro eu serei seu vereador mais aguerrido, pois lhe devo fidelidade pelos laços familiares que nos unem.

Quero parabenizar ao Fábio Gentil pela sua linda vitória e parabenizar ao povo de Caxias, o melhor povo do Maranhão, pela escolha acertada que fizeram.

O povo de Caxias escolheu continuar no rumo certo. O povo de Caxias escolheu Fábio Gentil para trabalhar todos os dias para melhorar suas vidas. Fábio Gentil e o povo de Caxias podem contar comigo.

A minha palavra é a sua garantia.

Vinícius Sabá agradece a confiança de 584 caxienses

Agradeço primeiramente a Deus, que me deu a oportunidade de lutar. Agradeço cada amigo que sonhou comigo o sonho de fazer uma Caxias melhor. A vitória não veio, mas não fomos derrotados. Uma campanha limpa, de porta em porta e pé no chão. Graças aos 584 votos de confiança chegamos a primeira suplência do partido.

O trabalho continua!

Reeleito: Mário Assunção é o 3º vereador mais votado de Caxias

Com 1.742 votos, o vereador Mário Assunção (Republicanos) garantiu a sua reeleição nesse domingo (15) como o 3º candidato mais votado de Caxias. Dentro do seu partido, ele foi o 2º mais votado.

Mário Assunção conquista assim o seu terceiro mandato consecutivo na Câmara Municipal com uma votação crescente; isso porque chegou na primeira legislatura no 18º lugar e na segunda, no 4º.

“Obrigado Caxias! Muita gratidão por cada voto de confiança, por cada abraço recebido e mensagens de carinho e apoio. Cada um que postou, compartilhou e repostou, que pediu voto e que levantou a bandeira do 10666. Contem sempre comigo!”, declarou Mário em suas redes sociais.

Após vitória do domingo, Catulé despacha normalmente nesta segunda-feira na Câmara de Caxias

16.11.20

Após a grande vitória no último domingo,15, quando mais uma vez se reelegeu vereador de Caxias para mais quatro anos de mandato, sendo o mais votado do partido Republicanos, agremiação que conquistou em 2020 o maior número de vagas na Câmara Municipal de Caxias (CMC), o vereador Catulé, presidente do Legislativo caxiense, ao centro, trabalhou normalmente em seu gabinete, na tarde desta segunda-feira, 16.

Recepcionado calorosamente pelos funcionários da CMC, o presidente fez questão imortalizar o momento posando na companhia de todos os servidores da casa.

Eleição de Kedson Lima em Aldeias Altas acontece depois de mais de 20 anos de atuação política no município

O ex-vereador de Aldeias Altas, Kedson Lima (PL), foi eleito neste domingo (15), o
novo prefeito de Aldeias Altas 
e publicou mensagem nas redes
sociais contra o ódio: “o  amor resolveu”

Com uma trajetória de vida dedicada à política aldeiense, Kedson era um aguerrido opositor do atual prefeito Zé Reis. Na sua trajetória até a conquista do mandato de prefeito, não se intimidou com as adversidades encontradas ao longo do caminho. O calor humano nas atividades de campanha era a principal arma contra o poder econômico do seu principal adversário, prefeito Zé Reis. 

Eleito com 7.212 votos (52,73%), Kedson Lima abriu uma vantagem de 1799 votos frente ao segundo colocado, o prefeito Zé Reis, que recebeu 5.413 votos (39,58% dos votos válidos).

Via redes sociais, o prefeito eleito de Aldeias Altas deixou sua mensagem aos munícipes: “Chegou a hora de pensar no futuro da nossa cidade, chegou a hora de traçar novos caminhos. O momento de resolver chegou. De ver as necessidades do nosso lugar, trazer de volta as nossas raízes e dar para Aldeias Altas tudo o que ela merece. Vencemos o ódio. Nossos agradecimentos Aldeias Altas”.

Catulé é o vereador mais votado do partido que conquistou mais vagas na Câmara de Caxias

O presidente da Câmara Municipal de Caxias (CMC), vereador Catulé (Republicanos), após 32 anos de vida parlamentar em Caxias, mais uma vez foi reeleito para um mandato de quatro anos no legislativo caxiense. 

Com a expressiva votação de 2.625 votos, 3,22% do total, Catulé foi o candidato mais votado do partido Republicanos de Caxias, agremiação que mais conquistou cadeiras na CMC, com um total de sete das 19 vagas da bancada que estará a postos na próxima legislatura que começa no próximo dia 1º de janeiro de 2021.

O veterano político recebeu o resultado da sua reeleição no tradicional povoado Nazaré do Bruno, onde mantém residência no 2º Distrito de Caxias. Visivelmente emocionado com a espetacular vitória que alcançou na maior localidade da zona rural de Caxias, onde obteve mais de mil votos, Catulé comemorou festivamente sua vitória com correligionários e amigos.

E ao discursar para a multidão que compareceu à sua residência, na noite do último domingo, ele disse: “Nenhum político do Nordeste chegou a esse patamar ao qual cheguei. Mas isso nunca me deixou vaidoso, mas orgulhoso e com a certeza de que eu devo continuar trabalhando com responsabilidade, que é o que eu sempre tive. Gosto de juntar amigos, e a prova está aqui, em Nazaré do Bruno. Nunca persegui quem é de outra facção política, nunca pratiquei injustiça ou perseguição, nem fiz do meu mandato um cabide de empregos para minha família. Não me locupletei da política, dos bens públicos. Aqui em Nazaré, em Caxias, sou um homem presente, sempre buscando o melhor para o nosso município”.

Com 78,17% dos votos válidos em Caxias, urnas consagram Fábio Gentil como a maior liderança política da história do município

Prefeito foi reeleito com 62.025 votos e confirma as previsões dos institutos de pesquisa ao longo da campanha

As projeções estimadas por vários institutos de pesquisa para o resultados das eleições em Caxias se confirmaram neste domingo. Fábio Gentil foi reeleito com 62.025 votos (78.17% dos votos válidos). Adelmo Soares ficou em segundo lugar com 10.334 votos (13,01% dos votos válidos); Constantino Castro foi o terceiro colocado com 2.773 votos (3,49% dos votos válidos); Júnior Martins veio em seguida com 2.604 votos e César Sabá na quinta colocação com 959 votos (1,21% dos votos válidos). Professor Arnaldo Rodrigues obteve 357 votos e AJ Alves recebeu 192 sufrágios.

A vitória maiúscula de Fábio Gentil teve dois efeitos simbólicos no município, pois ao mesmo tempo em que o projeta como a maior liderança política da história da cidade, por outro lado reduz drasticamente a oposição no município, uma vez que a supremacia demonstrada nas urnas torna inócua a gritaria dos adversários.

A performance sofrível do deputado Adelmo Soares nas urnas em Caxias não orna com o poderio político e financeiro em torno dele, que teve a sua disposição uma emissora de televisão 100% voltada para atingir seus objetivos políticos, além de uma invejável estrutura de campanha, onde os eventos pelas ruas da cidade (passeatas, motocadas e carreatas) impressionavam pelo nível de organização e de material utilizado, mas que de nada adiantaram para reverter o fiasco da sua tentativa de ocupar o cargo de prefeito.

A superioridade de Fábio Gentil também foi demonstrada na eleição da Câmara de Vereadores, onde do total de 19 cadeiras no legislativo, 16 serão ocupadas por aliados do prefeito reeleito.

Em São Benedito do Rio Preto, Paulo Marinho Jr. é perseguido por parentes do prefeito e presta queixa na Polícia

15.11.20
Paulo Marinho Jr gravou a movimentação dos motoqueiros durante a perseguição


Na noite deste sábado, 14, o deputado Paulo Marinho Jr. teve que prestar queixa no distrito policial de São Benedito do Rio Preto após ser vítima de perseguição por parte de um grupo de motoqueiros ligados ao atual prefeito daquela cidade.

Ao lado da esposa, PMJ percorria as ruas do município e era perseguido por cerca de 10 motoqueiros numa clara tentativa de intimidação.

Ao ter sua passagem bloqueada numa via, o deputado desceu do veículo e indagou quem era o responsável do grupo. Embriagado, um primo do prefeito da cidade, Paulo Sérgio Monteles Carneiro, contratado da Prefeitura de São Benedito, se identificou como sendo líder do bando.

Apesar do clima tenso, PMJ conseguiu conduzir a situação e acionou a Polícia Militar, onde todos prestaram depoimento na Delegacia.

No trajeto, o primo do prefeito chegou a cair da sua moto e aproveitou para usar o acidente como justificativa para acusar PMJ de tê-lo agredido, sendo que as únicas vítimas foram o deputado e sua esposa, que sofreram perseguição de motoqueiros pelas ruas de São Benedito do Rio Preto.

‘Líder’ do grupo de motoqueiros que perseguiu PMJ  e esposa
é contratado da Prefeitura de São Benedito do Rio Preto

Conforme previu o blog em julho, Caxias não teve disputa acirrada para prefeito e “eleição 2020 será a mais tranquila dos últimos 40 anos”

Postagem de 30 julho fez um resgate histórico de 4 décadas
de disputas políticas e previu uma eleição tranquila em 2020
 


No já distante 30 de julho de 2020, fiz no blog um relato histórico das eleições municipais dos últimos 40 anos em Caxias (reveja aqui). Naquela postagem, detalhei alguns pontos que marcaram as eleições do período e o quanto as disputas municipais representaram para Caxias e para o Maranhão, que tinha os olhos voltados para as apaixonantes e acirradas refregas eleitorais aqui travadas.

Fiz aquele resgate do período de 40 anos para contrapor com a disputa que teríamos em 2020, onde cravei que “os números aferidos em pesquisas de opinião preveem uma vitória avassaladora de Fábio Gentil”.

Minha análise de julho estimava que “as eleições em Caxias tendem a ser tranquilas e de certa forma apáticas, onde o brilho e a atenção de outrora não mais chamarão a atenção dos olhos da classe política do Maranhão”.

Registrei naquela postagem que essa passividade nas eleições não ornava “com a tradição política da princesa do sertão” e que isso “seria uma pena”.

De fato, não fosse o desespero dos opositores de Fábio Gentil, representados pelos porta-vozes na internet, que não economizaram no flerte com o descrédito, o resultado das urnas deste domingo em Caxias será tal qual o previsto por este blog em julho.

Também observei naquela postagem que as pesquisas de opinião projetavam para Fábio Gentil “uma superioridade de 4 vezes a votação para o segundo colocado”.

Aguardemos o desfecho final...