Governo lança Agritec para o fortalecimento da agricultura familiar no território Campos e Lagos

7.10.16
Agricultores acompanharam o lançamento da Agritec no território Campos e Lagos

Para fortalecer a agricultura familiar maranhense, o Governo do Estado tem investido nas Feiras da Agricultura Familiar e Agrotecnologia do Maranhão (Agritec). Nesta sexta-feira (7), foi lançada a oitava edição da Feira, que será realizada no município de Viana, no território Campos e Lagos, ainda este mês. A Agritec do Território Campos e Lagos será realizada entre os dias 27 a 29 de outubro no município de Viana.

O anúncio formal foi feito pelo presidente da Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural (Agerp), Júlio César Mendonça. “É um marco histórico para a região devido ao abandono a que foi imposta por várias décadas. A Agritec vem resgatar a agricultura familiar da Baixada e colocar em pauta a agricultura em vários aspectos, ambientais, sociais e de políticas econômicas”, ressaltou o presidente da Agerp.

O território Campos e Lagos está situado na região da Baixada Maranhense e compreende 12 municípios. Devido aos elevados indicadores de precariedade, a realização de uma Agritec no território demonstra a preocupação do Governo do Estado em reverter o quadro de abandono que a região sofreu ao longo de décadas, principalmente em relação a agricultura familiar.

Diferente de outras feiras agropecuárias, a Agritec é direcionada para que o pequeno e médio agricultor familiar tenha acesso aos mais diversos conhecimentos relacionados à produção agrícola. A Agritec dispõe de espaços tecnológicos com demonstração de pequenas alternativas de cultivo viáveis para o produtor, oficinas, palestras, cursos, comercialização de produtos cultivados por agricultores dos municípios da região, dentre outros atrativos.

Sobre as capacitações, o secretário de Estado da Agricultura Familiar (SAF), Adelmo Soares, ressaltou que têm alcançado elevado número de interesse e participação do agricultor familiar que busca se aprimorar e pôr em prática o conhecimento no cotidiano de sua produção rural.

“A Feira é uma ferramenta que o Governo do Estado criou que permite reunir todos os agricultores e oferecer cursos e capacitações que causam uma mudança de pensamento. A Agritec vem a ser aquilo que faltava para o Maranhão”, enfatizou o secretário da Agricultura Familiar, Adelmo Soares.

Ao todo, foram capacitados até o momento, desde a primeira Agritec em 2015, mais de 9 mil agricultores familiares envolvendo os territórios da Baixada Maranhense, Cocais, Cerrado Amazônico, Vale do Mearim, Médio Sertão, Alto Turi/Gurupi, e agora Campos e Lagos. O próximo território a ser beneficiado é o Baixo Parnaíba.

Para a coordenadora da Rede de Colegiados Territoriais, Zulmira Mendonça, a Agritec é ímpar e impacta de forma positiva na vida da região. “O governador Flávio Dino está mostrando compromisso com o agricultor e está investindo para dar dignidade às famílias que tiram da terra seu sustento”, pontuou Zulmira Mendonça.

0 comentários:

Postar um comentário