Prefeitura de Caxias é investigada - Agiotagem continua ativa no Maranhão, diz procurador Geral de Justiça

9.7.16
A agiotagem no Maranhão continua operando ativamente, mas o MP e a Polícia estão investigando e aqueles que estão querendo usar o caixa dois de campanha poderão futuramente ter o seu mandato cassado. Foi o que informou o novo procurador Geral de Justiça, Luis Gonzaga Martins Coelho (foto).

Luis Gonzaga mandou um duro recado aos agiotas que estão se movimentando agora neste início de campanha eleitoral e aos que estão tomando dinheiro emprestado: Os que pretendem usar o caixa dois poderão ter o mandato cassado, além de enfrentar ações na Justiça, assim como aos agiotas que serão punidos de acordo com as leis que proíbem tal prática.

O procurador lembrou que são 42 prefeituras investigadas e algumas com resultados como a prisão de gestores e ex-gestores. além de empresários e contadores. Desse total, boa parte se refere a gestões passadas, como em Cururupu, Paço do Lumiar, Caxias, Bacabal, Coelho Neto, Rosário, São Luís, Timon, Pinheiro e Miranda do Norte.

As investigações preliminares foram feitas pela Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic) e pelo Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco) do Ministério Público (MP) Estadual e agora entrou a Seccor.

Abaixo a lista das prefeituras investigadas:

0 comentários:

Postar um comentário