Em Timon, Rafael Leitoa preside Audiência Pública, sobre criação do Comitê de Bacia do Rio Parnaíba

19.11.15
Avelar Amorim, Deputados Rafael Leitoa e Cristovam Filho, Presidente da 
Codevasf, Felipe Mendes, Secretário Marcelo Coelho e o Promotor António
 Borges  (Fonte: Nonato Castro - Assessoria)

Na manhã desta quarta-feira, (19), o deputado Rafael Leitoa (PDT), participou da quarta e última Audiência Pública para a Criação do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Parnaíba, no Centro de Treinamento Wall Ferraz, em Timon. As Audiências, acontecidas na Assembleia Legislativa, na cidade de Balsas, Araioses e Timon, respectivamente, foram realizadas via Requerimento enviado pelo deputado Rafael Leitoa à Mesa Diretora da Assembleia Legislativa no último mês de julho.

Com participação de 120 representantes do Poder Público, o maior entre todas as Audiências, pertencentes a órgãos federais, estaduais, municipais, Legislativo Estadual e Municipal de Timon, e Ministério Público Estadual, estudantes, usuários e sociedade civil, a Audiência de Timon foi proveitosa em termos técnicos e na participação de entidades que pensam e trabalham em defesa do uso consciente das águas, como a Agência Nacional das Águas, representada por Nelson Freitas, Coordenador de Instâncias Colegiadas, e da CODEVASF, com a participação do presidente da entidade, Felipe Mendes.

A Audiência foi iniciada pela deputada Ana do Gás (PRB), presidente da Comissão de Meio Ambiente da Assembleia Legislativa, que parabenizou o deputado Rafael Leitoa pelo empenho na criação deste Comitê, lembrando que, de todas as cidades componentes da bacia, mais de 50% das prefeituras já assinaram o Termo de Subscrição.

Representando o governo do estado, o secretário de Meio Ambiente e Recursos Naturais (SEMA), Marcelo Coelho, reforçou o papel da gestão do governador Flávio Dino em cumprir os desejos do povo, transformando-os em ações concretas na melhoria de vida da população.  O secretário lembrou a luta do deputado Rafael Leitoa, com demandas atinentes à política de resíduos sólidos, proteção de rios e mananciais, e que, dessas reuniões, surgiu a necessidade de reforçar a criação do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Parnaíba. “Temos que fazer um trabalho organizado, o momento é esse”, reforçou Marcelo Coelho.

Com um breve histórico sobre a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (CODEVASF), nascida em 1946, o presidente da entidade, Felipe Mendes, lembrou que nos anos 2000 o braço de atuação, antes ligado apenas à bacia do Rio São Francisco, passou a compreender o Rio Parnaíba e, em 2009, via solicitação do então deputado federal Carlos Brandão (PSDB), a CODEVASF passou a abranger as bacias estaduais do Rio Mearim e Itapecuru, no Maranhão. Felipe Mendes parabenizou o papel do deputado Rafael Leitoa na defesa das políticas relacionadas ao meio ambiente, em especial dos rios, das águas.

O promotor Antônio Borges definiu a preocupação em preservar e defender o Rio Parnaíba como um momento de comunhão, no qual assistimos todo o processo de união entre a sociedade civil e Poder Público, onde o estado do Maranhão se compromete e reconhece a importância do Velho Monge. O Promotor lembrou o período de esquecimento vivido pela Região Leste do estado, com cidades importantes como Timon, que foi negligenciada por décadas. Esta união, representada na Audiência Pública instigada pelo deputado Rafael Leitoa, está relacionada ao dever cívico dos políticos, conforme citou Antônio Borges, atuando para mudar a realidade do Maranhão. “Hoje é um sinal de que para o governo do Maranhão a Região Leste tem importância”, reforçou o Promotor.

O deputado Rafael Leitoa, agradeceu a participação de todos, em especial ao governador Flávio Dino e ao Presidente da Assembleia Legislativa, deputado Humberto Coutinho (PDT), pelo incentivo operacional dado às Audiências, dispensando servidores e logística para a execução delas. Agradeceu também ao prefeito Luciano Leitoa, pela assinatura do Termo de Subscrição e apoio para a realização da Audiência.

Defensor da criação do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Parnaíba, o deputado Rafael Leitoa, nativo da cidade de Timon, região do Médio Parnaíba, conhece de perto todas as funcionalidades, vantagens e perigos pelos quais o Velho Monge passa na atualidade.

Temos conhecimento de que a coleta das subscrições, com a meta traçada e alcançada pelo grupo composto pela Assembleia e SEMA, é mais um passo para a criação do Comitê. Uma de nossas bandeiras, sempre com foco no bem-estar da população do estado, é defender esse rio tão importante para milhares de maranhenses, que dele tiram seus sustentos, seja numa lavoura de subsistência, seja na pesca ou na utilização para navegação. A luta não termina nesta Audiência, esta é mais uma de várias batalhas que pretendemos vencer”, finalizou Rafael Leitoa. 

0 comentários:

Postar um comentário