Secretário de Agricultura Familiar, Adelmo Soares: 120 dias de trabalho sendo destaque no governo Flávio Dino

4.5.15
O secretário de Estado de Agricultura Familiar, Adelmo Soares, tem se destacado no governo Flávio Dino como umas das boas surpresas da atual gestão.

Com passagem como técnico em diversos cargos públicos, Adelmo foi escolhido na cota pessoal do governador para integrar a equipe numa área estranha a sua atuação até então. Odontólogo, AS já ocupou funções na área da saúde, só sendo diferente disso o período que foi secretário municipal de Esportes em Caxias, onde marcou sua gestão com a marca da inovação.

Embora não sendo um “estranho no ninho”, pois mantém uma sólida atividade política na zona rural de Caxias, o desafio de comandar uma pasta nova, onde tudo teria que ser construído praticamente do zero, forçou Adelmo Soares a se lançar no maior desafio da sua carreira.

Na última quarta-feira, 29, quando completava 120 dias frente a Agricultura Familiar do Estado, Adelmo passou por um verdadeiro “teste de fogo” no Palácio dos Leões.

Membros da diretoria da Federação dos Trabalhadores da Agricultura Familiar do Maranhão (Fetraf), se colocaram em frente a sede do governo para reivindicar e discutir assistência técnica, violência no campo, infraestrutura e crédito fundiário.

Imediatamente, Adelmo foi ao encontro dos manifestantes a fim de intermediar com eles uma audiência com o governador Flávio Dino, fato que ocorreu em seguida.

Recebidos pelo governador,  os representantes dos pequenos e médios produtores rurais do Maranhão entregaram a ele uma pauta com 10 reivindicações da categoria.

Durante a reunião, o governador destacou que a agricultura familiar tem sido prioridade desde o seu primeiro dia à frente da administração do governo do Estado e que considera o setor fundamental para o desenvolvimento econômico do estado, garantindo mais qualidade de vida para a população e oportunidade de emprego e renda.

Não existe coisa mais importante para a economia maranhense que a agricultura familiar. É importante para melhorar a qualidade de vida do povo, melhorar os indicadores sociais e gera emprego e renda. Não só no campo, mas também na cidade, porque se você tem uma agricultura forte, você tem dinheiro circulando na cidade, tem comércio melhor e gera oportunidade para todos”, destacou.

É uma grande alegria podermos ser recebidos aqui pelo governador. Estamos entregando a pauta de reivindicações e temos muita esperança de sermos atendidos. Essas 10 prioridades são pontos estratégicos da discussão e essenciais para que possamos avançar na agricultura familiar do Maranhão”, frisou a presidente da Fetraf, Maria da Graça Amorim.

Sempre aberto ao diálogo, o governo do Estado recebeu as reivindicações e já agendou uma nova reunião para o próximo mês, de modo a garantir uma resposta concreta a cada um dos pontos levantados, buscando o avanço cada vez mais expressivo da agricultura familiar no estado.

Durante a reunião, o governador Flávio Dino ressaltou os pontos que já apresentam avanços. Entre eles, a criação da Secretaria de Agricultura Familiar, para trabalhar políticas públicas exclusivas para o setor. Sobre a assistência técnica, o governador frisou que já foi autorizada a contratação imediata de 150 técnicos e a realização de concurso público para o cargo. Como apoio a comercialização, o governador Flávio Dino pontuou que serão realizadas ainda este ano 27 feiras de agricultura familiar e quatro feiras técnicas.

Além dessa iniciativas, as ações do governo Flávio Dino garantirá que 3.000 famílias sejam beneficiadas com o Sistemas Integrado de Tecnologias Sociais, os ‘Sisteminhas’, que possibilitam ao produtor suporte técnico na implantação de culturas que fazem parte do sistema, como criatório de peixes, criatório de pequenos animais, hortas e cultivo de frutas.

Os agricultores familiares do estado contarão ainda com os programas 'Mais Sementes', ‘Mais Produção’, ‘Mais Educação no Campo’, ‘Mais Feiras de Agricultura Familiar’, ‘Mais Agroindústria Familiar’ e ‘Arca das Letras’.

Por determinação do governador Flávio Dino estamos focando na regularização da terra, assistência técnica e o fomento á produção. Com esse tripé vamos ter uma agricultura familiar bem desenvolvida no Maranhão”, explicou o secretário de Estado de Agricultura Familiar, Adelmo Soares.

0 comentários:

Postar um comentário