Caso dos precatórios de Roseana será julgado pelo Judiciário do MA

5.2.15
Roseana: complicações
O ministro Luis Felipe Salomão, do STJ, acaba de enviar para a Justiça do Maranhão o caso em que Roseana Sarney foi envolvida a partir da delação de Alberto Youssef  na Lava-Jato – embora o caso em que Roseana é ré não tenha nada a ver com Petrolão, mas com irregularidades no pagamento de precatórios, no valor de 4 milhões de reais.

A decisão de Salomão não significa, porém, que todos os casos envolvendo políticos sem foro privilegiado irão necessariamente para os estados de origem do político ou mesmo para onde o eventual crime foi cometido.

Se o STJ avaliar que exista conexão de provas entre o processo do político e o Petrolão,  a ação continua nas mãos de Sergio Moro. (Por Lauro Jardim, revista Veja)

0 comentários:

Postar um comentário