Tem caroço nesse angu!!! Prefeito Léo Coutinho tenta aprovar doação de terreno para empresa de energia renovável e oposição fica com "pulga atrás da orelha" (Sessão do descarrego – parte III)

16.12.14
Na “sessão do descarrego” realizada nesta segunda-feira, 15, na Câmara Municipal de Caxias, um decreto do Executivo doando terreno do município para uma empresa de energia renovável a ser instalada no município ouriçou os oposicionistas.  

Colocado em votação na última sessão legislativa, o decreto chamou a atenção dos parlamentares e foi um dos motivos que fizeram o clima ficar tenso no parlamento nesta segunda-feira.

É que com vários projetos de lei na fila para votação, a presidente Ana Lúcia Ximenes teria combinado com os colegas que iria dispensar os interstícios para que fossem todos aprovados na última sessão do ano.

Com essa justificativa, assuntos dos mais variados, e que necessitavam de amplo debate, foram colocados em votação.

Um deles, que doaria área de terra do município para instalação de empresa de energia renovável, colocou a oposição em estado de alerta.

Discute de cá, discute de lá, eis que a doação do município foi adiada.

Conversei com alguns oposicionistas sobre o assunto e ouvi deles que irão se inteirar detalhadamente sobre o caso.

Também irei apurar mais detalhes sobre essa empresa de energia renovável que tenta se instalar em Caxias, pois o fato é no mínimo estranho, haja vista que a cidade não possui nem uma Secretaria de Indústria e Comércio para atrair qualquer empresa que possa se instalar na cidade.

E quando a esmola é grande o santo desconfia, muita água ainda pode rolar embaixo dessa ponte que leva a essa empresa de energia renovável.

Anotem: tem caroço nesse angu!

1 comentários:

  1. Anônimo disse...:

    INVESTIGA, INVESTIGA, INVESTIGA QUE DAI SAI COISA. Ô CORJA...

Postar um comentário